terça-feira, 26 de junho de 2018

Em 1981, o São Paulo FC vencia o México no Azteca

Com informações do site oficial do São Paulo FC

Serginho abriu o marcador na vitória do São Paulo sobre a Seleção Mexicana no Azteca

A Seleção Mexicana pode fazer história nesta quarta-feira, dia 27 de junho. Pela primeira vez em uma Copa do Mundo realizada na Europa, o México pode terminar a fase de grupos na liderança de sua chave, que no caso conta também com Alemanha, Suécia e Coreia do Sul. A "La Tri" pode até não ser uma das maiores seleções do mundo, mas está longe de ser um "saco de pancadas" que foi no passado, onde perdia até para clubes, como no caso que vamos contar agora, em um jogo contra o São Paulo FC, no Azteca, em 26 de março de 1981, quando o Tricolor do Morumbi venceu por 3 a 0.

A história desse jogo começa com a excursão são-paulina pela Europa, onde, no dia 21 de maio, derrotou o Milan, no San Siro, em Milão, por 2 a 1 (gols de Paulo César e Renato). Da Itália, o Tricolor seguiu para o México, nação na qual embateria a seleção local. De lá, partiria, ainda, para os Estados Unidos por três outros confrontos, com Tecos, do México, em Los Angeles, Strikers, dos Estados Unidos, em Fort Lauderdale e o famoso Cosmos, também norte-americano, nos arredores de Nova Iorque. Estava previsto também um jogo na Guatemala, mas este foi cancelado. 

Depois de 23 horas de viagem de avião entre Milão e a Cidade do México e várias conexões, o técnico Carlos Alberto Silva tinha problemas para escalar os titulares do São Paulo, pois Zé Sérgio e Darío Pereyra estavam lesionados. No fim, o primeiro ainda conseguiu ir a campo. Apesar dos problemas físicos, os são-paulinos suportaram bem a pressão inicial do time mexicano, no Estádio Azteca, e, perto do fim do primeiro tempo, aproveitou a chance que teve para abrir o placar com Serginho Chulapa (39 minutos). 

Na segunda etapa, o Tricolor do Morumbi (visto que o adversário também é conhecido pelo apelido Tricolor) deslanchou e poderia ter aplicado, verdadeiramente, uma goleada histórica. Renato fez dois a zero aos 21 minutos e Valtinho fechou o placar aos 37, 3 a 0, fora as inúmeras oportunidades desperdiçadas. 

A certa altura do jogo, a torcida mexicana presente no Azteca passou a gritar "olé" a cada troca de bola dos são-paulinos, como crítica ao desempenho dos jogadores locais. No dia seguinte, jornais estamparam manchetes como "O São Paulo humilhou a Seleção" e "Uma noite triste". O próprio técnico adversário afirmou que o São Paulo "fez o que quiz da nossa seleção". 

A reclamação era mais do que justa. Nas semanas seguintes, o México ainda perderia para o PSV e para a Seleção da Espanha. No fim daquele ano, o pior, derrota para El Salvador e uma série de empates tiraram a seleção da Copa do Mundo da Espanha. 

Quanto ao São Paulo, restava por o Troféu Federación Mexicana de Fútbol na mala e prosseguir viagem de avião, por mais horas a fio, até Los Angeles e continuar com a excursão de inter-temporada (nota: o São Paulo empatou em 0 a 0 com o Tecos, 3 a 3 com o Strikers e 2 a 2 com o Cosmos em um intervalo de uma semana, cruzando os Estados Unidos de oeste, à sul e à leste).

O México encarando Honduras em 1981

Ficha Técnica
MÉXICO 0 X 3 SÃO PAULO FC

Data: 25 de maio de 1981
Local: Estádio Azteca - Cidade do México - México
Público: 25.000 pessoas
Árbitro: Jorge Narvaez (Mexico)

Gols
São Paulo FC: Serginho Chulapa, aos 39' do primeiro tempo. Renato, aos 21', e Valtinho, aos 37' da etapa complementar

México: Francisco Castrejón; José Luis Alderete, Juan Manuel Álvarez, Gustavo Vargas e José Luis López; Pedro Munguía, Manuel Manzo e Guillermo Mendizábal; Héctor Tapia (Sergio Lira), Ricardo Castro (Adrian Camacho) e Hugo Sánchez - Técnico: Raúl Cárdenas.

São Paulo FC: Toinho; Getúlio, Oscar, Gassem e Marinho Chagas (Nei); Almir, Renato (Valtinho) e Heriberto; Paulo César, Serginho Chulapa (Assis) e Zé Sérgio (Élvio) - Técnico: Carlos Alberto Silva.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações