terça-feira, 31 de julho de 2018

O Coritiba campeão brasileiro de 1985

Com informações do site oficial do Coritiba FC
Fotos: Arquivo Coritiba FC

O Coxa Branca campeão brasileiro de 1985

No dia 31 de julho de 1985, o Coritiba conquistava o primeiro Campeonato Brasileiro para uma equipe paranaense e hoje celebra 33 anos do feito realizado em um Maracanã lotado. Confira como foi a grande conquista do Coxa Branca.

No Brasileirão de 1985, Ênio Andrade comandou o Coritiba à sua imagem e semelhança. Era um técnico experiente e vitorioso em times sulinos como o Inter e o Grêmio, nos quais conquistou os títulos de 1979 e 1981, respectivamente. No Coritiba, armou uma equipe muito forte na marcação, com um futebol de resultados. Na primeira fase, o jogo decisivo com o Santos, teve direito a gol de Lela nos minutos finais da partida.

Ao classificar-se para a segunda fase, o Coritiba caiu no grupo do Corinthians, Joinville e Sport. O primeiro da chave iria para as semifinais. Numa campanha correta, com a cara do elenco que defendia suas cores, o Glorioso sobreviveu àquela seqüência de pedreiras e pôde seguir adiante em busca do sonho de ser campeão. Já nas semifinais, o Verdão mostrou sua força e eliminou o Atlético-MG em pleno Mineirão lotado; após ter vencido o Galo por 1 a 0 no Alto da Glória, garantiu a vaga empatando em 0×0, em Belo Horizonte.

A decisão do título se daria em partida única no maior estádio do mundo: o Maracanã. O jogo foi uma verdadeira guerra. A torcida do Bangu recebeu o reforço das outras torcidas cariocas, que desfraldavam suas bandeiras entre os mais de 91 mil pagantes. A torcida do Coritiba compareceu em bom número para apoiar o Coxa.

O Alviverde marcou primeiro com Índio cobrando falta. O artilheiro mandou um "petardo" no ângulo esquerdo do goleiro Gilmar, que nem viu a bola passar. O Bangu, no entanto, mostrou suas garras e aos 35 minutos reagiu com um gol do meia Lulinha. No segundo tempo as duas equipes mantiveram a carga sobre os goleiros, com destaque para o goleiro Rafael, que fechou a meta.

Muita comemoração após a conquista

A prorrogação assustava, poderia colocar por água abaixo o esforço que o Clube fizera para chegar até ali. Mas também terminou sem gols e a decisão foi para as penalidades. Já era madrugada de primeiro de agosto. O Coritiba fazia um gol e o Bangu empatava, isso até terminar a série em 5 a 5. Foi quando Ado, o ponta-esquerda do Bangu, chutou para fora. Gomes, experiente em decisões, cobrou bem e deu o título inédito ao Coritiba. O Maracanã aplaudiu de pé o primeiro Campeão Brasileiro da Nova República.

A madrugada de 01 de agosto recebeu a maior festa da história curitibana, coroando o primeiro título nacional do estado. O próprio Coritiba teve a chance de conquistar outro título nacional, por duas vezes consecutivas, mas ficou com o segundo lugar da Copa do Brasil em 2011 e 2012.

Confira a campanha alviverde:

Campeonato Brasileiro 1985
Campanha: 12 vitórias - 07 empates - 10 derrotas
Jogo decisivo: Bangu 1×1 Coritiba
Data: 31/07/1985
Estádio: Maracanã
Técnico: Ênio Andrade
Artilheiros da equipe: Índio (9 gols)
Jogadores: Almir (volante), André (lateral), Aragonez (meia), Caxias (zagueiro), Dida (lateral), Édison (ponta), Eliseu (ponta), Gardel (zagueiro), Gérson (goleiro), Gil (ponta), Gomes (zagueiro), Hélcio (lateral), Heraldo (zagueiro), Índio (avante), Jairo (goleiro), Lela (ponta), Marco Aurélio (meia), Marildo (volante), Paulinho (meia), Rafael (goleiro), Toby (meia), Vavá (zagueiro), Vicente (ponta), Zé Carlos (lateral)
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações