terça-feira, 19 de junho de 2018

A expulsão complicou tudo...

Por Victor de Andrade
Fotos: Getty Images.com/Fifa.com

Bola na rede! Osako marcou o gol da vitória do Japão sobre a Colômbia

Uma expulsão, pênalti e bola na rede logo no início do jogo. Tudo isto inverteu toda a pré-partida entre Japão e Colômbia, estreia das duas seleções na Copa do Mundo Rússia 2018, na manhã (horário de Brasília) desta terça-feira, dia 19, na Mordovia Arena, em Saransk. De favorito, os colombianos ficaram com um jogador a menos e acabaram sendo derrotados pelos japoneses pelo placar de 2 a 1.

A expectativa de ver novamente a Seleção Cafetera em campo era interessante. A equipe vinha com seus grandes jogadores, como Cuadrado, James Rodriguez e Falcao Garcia, este último não jogou em 2014 por lesão. Porém, Rodriguez iniciou a partida no banco, por estar sentindo um incomodo. Primeiro ponto positivo para os japoneses.

E ao iniciar o jogo, a Seleção Nipônica surpreendeu com sua marcação alta e em um desses lances, surgiu o fato que mudaria tudo. O Japão conseguiu roubar a bola e depois de bate-rebate na área colombiana, o volante Sanchez evitou um gol certo com o braço. Pênalti e expulsão do jogador da Colômbia, sem precisar de VAR para confirmar a infração. O experiente Kagawa foi para a cobrança e não desperdiçou: 1 a 0 para os japoneses.

Com a vantagem no marcador e no número de jogadores, o Japão passou a tocar a bola, com Kagawa ditando o ritmo. Começou a criar chances, mas a incrível falta de capacidade dos nipônicos de concluir as jogadas fez com que o time asiático não ampliasse o marcador. Isso fez com que os colombianos, mesmo com um a menos, acreditassem que poderiam empatar e foram para cima.

Colômbia ficou teve um expulso com menos de 5 minutos de jogo

Aos 39 minutos, veio o gol de empate colombiano em um lance de genialidade. Em cobrança de falta, Quintero bateu rasteiro, fraco, mas por debaixo da barreira, no estilo Ronaldinho Gaúcho. O goleiro Kawashima até fez a defesa, mas a bola já tinha passado pela linha e o relógio do árbitro esloveno Damir Skomina apontou gol: 1 a 1.

Na segunda etapa, o Japão, com um a mais, foi para cima, mas pecava demais nas finalizações. Os colombianos, nos contra-ataques, assustavam. Porém, em um lance que não é comum no futebol japonês, saiu o gol da vitória: em cobrança de escanteio pela esquerda, Osako, aos 28', fez o segundo. A Colômbia até tentou buscar o empate, usando até James Rodriguez, meio baleado, mas não teve jeito: 2 a 1 para os nipônicos.

É uma vitória histórica em Copas do Mundo. Pela primeira vez, um asiático derrotou um sul-americano em Mundiais. E o Japão, considerado o time mais fraco do Grupo H da competição, sai de campo em sua estreia com uma vitória.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações