quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

Mercosul 1999 - O último título internacional do Flamengo

Por Lucas Paes 

O Flamengo campeão da Mercosul de 1999: empate com o Palmeiras em pleno Parque Antarctica

O Flamengo é um dos maiores clubes do Brasil. Nos últimos anos, porém, o insucesso do clube fora do Brasil tem incomodado os flamenguistas. Neste dia 20 de dezembro completam-se 18 anos da última conquista internacional rubro-negra: a Copa Mercosul de 1999

Naquele momento, o clube vivia tempos difíceis. O arquirrival Vasco tinha um dos melhores times de sua história e vinha de uma conquista da Libertadores e de uma injusta derrota no mundial. No Cariocão de 1999 os flamenguistas tiveram um gosto de vingança ao conquistar o título em cima do Vasco, mas faltava algo a mais. 

Aquela equipe do Mengão era comandada pelo lendário Carlinhos, ídolo eterno da torcida flamenguista e tinha como principal destaque um endiabrado Romário. O começo bom na Mercosul, com vitórias diante de Olímpia e Colo Colo coincidiu com um bom começo no Brasileirão. Mas os problemas financeiros do clube, que criaram confrontos entre jogadores (principalmente Romário) e a diretoria causaram uma queda de rendimento.

À medida que despencava no Brasileiro, o Flamengo também teve derrotas sequenciais na Mercosul. Depois de perder para o Olimpia e para a Universidad de Chile, o empate cedido ao Colo-Colo no Maracanã pareceu ser o adeus definitivo rubro-negro. 

Para passar para a segunda fase com uma das melhores campanhas entre o segundos colocados, os cariocas precisavam de um milagre diante da equipe da Universidad de Chile na última rodada. Só uma goleada por quatro ou mais gols de diferença valeria a vaga. 

No dia 7 de outubro, numa noite insaciável a equipe de Carlinhos fez muito mais. O Maracanã testemunhou uma noite infernal de Romário, que fez quatro dos sete gols rubro-negros. Com a goleada de 7 x 0, os cariocas foram as quartas.

O adversário foi o Independiente de Avellaneda, o mesmo carrasco desse ano de 2017, que na época contava com Cambiasso e Gabriel Milito. Depois de empatar por 1 a 1 na Argentina, o Flamengo aplicou uma goleada de 4 a 0 no Maraca, classificando o time para as semifinais.

Flamengo campeão da Mercosul em 1999

Naquela semifinal, Romário sequer jogou, pois já havia deixado o clube, depois de ser apontado como principal culpado na decepcionante desclassificação no Brasileirão, que causou o auge das tensões entre ele, torcida e diretoria. Porém, sem se abalar, os flamenguistas eliminaram o Peñarol, vencendo por 3 a 0 no Rio e classificando mesmo com a derrota por 3 a 2 em Montevidéu.

A decisão brasileira entre Palmeiras e Flamengo teve no seu primeiro jogo no Maracanã uma das melhores partidas dos anos 1990, numa espetacular vitória  flamenguista por 4 a 3. No segundo jogo, diante de um Parque Antártica cheio, paulistas e cariocas protagonizaram outro jogaço, com duas viradas e o gol de Lê, aos 38 minutos do segundo tempo decretou o empate em 3 a 3 e o título do Flamengo. 

A conquista serviu como prêmio de consolação ao Flamengo, que depois de um péssimo ano, ainda trouxe um troféu internacional para Gávea. 18 anos depois, o flamenguista ainda espera por outra conquista fora do Brasil, torcendo para que outro time tenha a soma de competência, raça, força, dedicação, técnica e por que não, sorte, que aquele time de 1999 teve, na última vez em que o rubro-negro honrou seu nome pela América do Sul.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações