segunda-feira, 15 de julho de 2019

São José goleia José Bonifácio pela Segundona Paulista

Foto: Victor Torres

Comemoração no gol de Igor Eto'o, o segundo na vitória por 4 a 0

O São José conseguiu a primeira vitória na segunda fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019. Fechando a segunda rodada do Grupo 12 da competição, na noite desta segunda-feira, a Águia do Vale recebeu o José Bonifácio, no Estádio Martins Pereira, em São José dos Campos, e goleou pelo placar de 4 a 0. Luan, Igor Eto'o, Leandro e Wesley marcaram os gols do time da casa.

Na abertura da segunda fase da competição, o São José encarou a Matonense, fora de casa, e voltou com um empate em 0 a 0. Já o José Bonifácio estreou na atual etapa da competição encarando o Flamengo de Guarulhos, em seus domínios, mas foi surpreendido e derrotado por 1 a 0.

Jogando diante de seu torcedor e aproveitando-se do cansaço do José Bonifácio, que viajou cerca de 500 km no dia da partida, o São José foi para cima, tentando abrir o marcador logo no início, o que aconteceu aos 6 minutos. Luan foi lançado na ponta direita, cortou para dentro e bateu colocado, fazendo 1 a 0. O time da casa continuou pressionando e ampliou aos 40', com Igor Eto'o.

Na segunda etapa, o jogo não mudou de figura. A Águia do Vale encurralava o José Bonifácio, que parecia não ter forças para reagir. Mesmo assim, o terceiro gol do time da casa só foi sair aos 35 minutos, com Leandro. Mas com a fatura já liquidada, o São José ainda fez o quarto, aos 38', em um golaço de Wesley. Final de jogo e 4 a 0 no placar do Martins Pereira.

As duas equipes voltam a campo no próximo final de semana para a disputa da terceira rodada da segunda fase. No sábado, dia 20, o José Bonifácio visita a Matonense no Estádio Hudson Ferreira, às 15 horas. Já na segunda-feira, dia 22, o São José joga mais uma vez em casa, no Estádio Martins Pereira, quando recebe o Flamengo, às 20h30.

Pérolas Negras e Maricá decidem o 1º turno da B2 do Rio de Janeiro


A final do primeiro turno dodo Campeonato Carioca da Série B2 de 2019 já tem local, horário e datas confirmados. Pérolas Negras e Maricá se enfrentarão no domingo, dia 21, às 15 horas, no Estádio do Trabalhador, em Resende, com mando do Pérolas Negras. Tudo isto foi definido em sorteio realizado na sede da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) nesta segunda-feira, dia 15.

O Pérolas Negras conquistou a classificação para a final do 1º turno da Série B2 Estadual ao empatar sem gols com o Barra Mansa, na tarde do domingo, dia 14, no Estádio do Trabalhador, em Resende. O Pérolas tinha a vantagem de jogar pelo empate para chegar à decisão.

Já o Maricá chegou à decisão do 1º turno da Série B2 Estadual ao bater o Rio São Paulo por 2 a 0, em semifinal disputada também na tarde de domingo, dia 14, no Estádio Alzirão, em Itaboraí. Jonathan e Edu Pina marcaram os gols do jogo.

Campanhas - Na primeira fase, o Pérolas Negras ficou em primeiro lugar do Grupo A, marcando 19 pontos. A equipe fez sete jogos, com seis vitórias e um empate, marcando 21 gols e sofrendo seis. Já o Maricá foi o líder do Grupo B, com 18 pontos. Em sete jogos, foram seis vitórias e uma derrota, marcando 18 e sofrendo cinco gols.

Corinthians e Nacional empatam no encerramento da quarta rodada da Copa Paulista

Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians

O empate manteve a invencibilidade do Nacional na Copa Paulista de 2019

O Nacional manteve a invencibilidade na Copa Paulista ao empatar com o Corinthians, por 1 a 1, na tarde desta segunda-feira, dia 15 no Estádio José Liberatti, em Osasco. O jogo foi válido pelo Grupo 3 e encerrou a quarta rodada da competição.

Ainda sem perder, o Nacional agora aparece na vice-liderança do Grupo 3 com oito pontos, um a menos que o líder Juventus. Por outro lado, o Corinthians passou o Taubaté e subiu para o quarto lugar com quatro.

Mesmo como visitante, o Nacional começou a partida em cima do Corinthians e abriu o placar aos 18 minutos com o volante Rogério Maranhão completando de cabeça escanteio cobrado da direita. O empate veio seis minutos depois. Colman cruzou, o goleiro espalmou para dentro da área e Gabriel Silva cabeceou. A zaga do ainda tentou tirar em cima da linha, mas o árbitro validou o gol. Na sequência, o Nacional ainda acertou a bola no trave de Felipe.

Depois de um primeiro tempo bastante movimentado, a etapa final ficou mais concentrada no meio-campo e o Corinthians foi o responsável pelas principais chances de gol, mas nenhuma das equipes conseguiu movimentar o placar.

Os dois times voltam a campo no próximo sábado, dia 20, às 15 horas, pela quinta rodada. O Corinthians enfrenta o Desportivo Brasil, no Estádio Ernesto Rocco, em Porto Feliz, e o Nacional faz o confronto paulistano contra o Juventus no Estádio Nicolau Alayon.

Com o retorno de Stenio Júnior, Shkëndija mira classificação na Champions

Foto: divulgação KF Shkëndija

Stenio pede respeito pelo rival para que o Shkendija ratifique a vaga

Shkëndija e Nõmme Kalju fazem nesta terça-feira na cidade de Skopje, na Macedônia, a partida de volta da primeira fase preliminar da Liga dos Campeões da Europa. Como venceu na Estônia por 1 a 0, os donos da casa precisam apenas de um empate para seguir em frente na competição europeia.

Uma das novidades do Shkëndija é o retorno do atacante brasileiro Stenio Júnior, que desfalcou a equipe no primeiro confronto por estar entregue ao departamento médico. “Não pude viajar à Estônia devido a uma contusão, mas treinei forte nos últimos dias e estou totalmente recuperado. A motivação é grande e espero ajudar o time a carimbar a vaga para a segunda fase da Champions”, declarou o brasileiro.

Respeito - Um dos destaques do bicampeonato nacional em 2008 e 2009, Stenio reconhece que a vantagem do clube macedônio é expressiva, mas pede respeito pelo adversário. “Ganhar fora de casa foi um resultado excelente, mas de forma alguma podemos entrar em campo achando que já estamos classificados. O Kalju é um rival perigoso e temos que jogar com atenção durante os 90 miunutos”, prega o atacante natural de Fortaleza, no Ceará.

Shkendija - O clube macedônio chegou ao primeiro qualificatório da Liga dos Campeões da Europa por ter sido o campeão de seu país na última temporada. Caso confirme a passagem pelo Nõmme Kalju, o Shkëndija vai ter pela frente o vencedor do confronto entre Saravejo e Celtic Glasgow. No primeiro confronto, na Bósnia, os escoceses venceram por 3 a 1.

Ituano comemora vantagem e atuação de ‘herói improvável’ na Série D

Foto: Daniel Vorley/Ituano

Rodrigo Angelotti foi o destaque do Ituano no jogo do último sábado

O Ituano deu um grande passo rumo ao acesso na Série D do Campeonato Brasileiro. Em casa, a equipe rubro-negra venceu o Itabaiana-SE por 3 a 1 e levará boa vantagem para o Sergipe, onde o jogo de volta ocorre no próximo sábado.

Técnico da equipe paulista, Vinícius Bergantin ressaltou a maneira com que o Ituano encarou a partida. “Conquistamos esta vantagem com muita maturidade. Com muita ciência do adversário que iriamos enfrentar. Com muito profissionalismo e concentração para esta partida. Sabendo dos pontos fortes do adversário e também como propor o jogo em casa. Não podemos mudar o nosso comportamento. Temos que continuar sendo uma equipe madura e competitiva”, avaliou.

O destaque da partida foi o atacante Rodrigo Angelotti. Normalmente reserva, ele ganhou a oportunidade em virtude de uma virose que afetou Gui Mendes, artilheiro da competição. O substituto fez uma atuação à altura e marcou dois gols. “Muito importante ter um elenco recheado. O Vinicius sempre fala que nós temos que treinar muito forte porque a oportunidade pode surgir. Eu não esperava que o Gui fosse ficar doente. Por isso temos que estar sempre preparados para entrar”, falou o atacante.

Ituano e Itabaiana voltam a se enfrentar no próximo sábado (20), às 20h, no estádio Etelvino Mendonça. O Ituano pode perder por até um gol de diferença para conquistar o acesso. Em caso do Itabaiana igualar o saldo de gols, a vaga na Série C será definida na cobrança de pênaltis.

Centroavante Nilson é o novo reforço do boliviano Jorge Wilstermann

Foto: divulgação Jorge Wilstermann

Nilson conhecendo os membros do clube

O Jorge Wilstemann, da cidade de Cochabamba e um dos grandes times do futebol boliviano, anunciou neste domingo, dia 14, a contratação do centroavante brasileiro Nilson, de 28 anos, conhecido por uma passagem não muito feliz pelo Santos FC em 2015. O jogador chega ao clube Aviador para a disputa do Clausura do Campeonato da Bolívia de 2019.

O jogador chegou na quinta-feira na cidade de Cochabamba e fez os exames médicos neste domingo. "Eu fiz um bom exame médico, passei todos os testes e não tenho nenhuma cirurgia. Agora espero o mais rápido possível começar a trabalhar com a equipe ", disse Nilson, antes de conhecer seus novos companheiros e o treinador Cristian Diaz.

Nilson chegou ao Wilstermann com a recomendação do ex-zagueiro Alex da Silva, que já defendeu o clube e, naquela época, também sugeriu o nome de Lucas Gaúcho, que fez muito sucesso com a camisa do Aviador. "Eu assumo a responsabilidade por ter indicado o jogador, assim como eu fiz com o Lucas Gaúcho", disse o ex-zagueiro.

Com a contratação, o Jorge Wilstemann espera resolver o déficit de gols marcados no Apertura. porém, se for avaliar pelos números, Nilson não seria o nome certo para solucionar a questão. De acordo com o site Soccerway, ele atuou em um total de 94 jogos, mas apenas 14 gols contados. Dois deles na última equipe que ele jogou, a Portuguesa Carioca, último semestre, disputando a elite do futebol do Rio de Janeiro.

Nilson, que assinou um contrato de um ano, vem para ocupar a quota de estrangeiros que será aberta pela saída do paraguaio Sebastián Doldán, com quem os dirigentes do clube ainda tratam da sua rescisão. De acordo com o presidente do comitê técnico do clube, Ronald Rodriguez, após a chegada de Nilson, a diretoria ainda está trabalhando na contratação de outro atacante estrangeiro, um argentino, e se as negociações progredirem, ele poderá chegar neste fim de semana em Cochabamba.

Além disso, Rodriguez não descartou a possibilidade da chegada de alguns jogadores mais nacionais. Com Nilson, o Wilstermann tem agora cinco estrangeiros: Arnaldo Giménez (PAR), Ismael Benegas (PAR), Cristian Chavez (ARG) e Serginho (BRA).

Nilson - O centroavante José Nilson dos Santos profissionalizou no Vasco da Gama em 2010. Depois, passou por vários times, entre eles o São Bento de Sorocaba, no Paulista de 2015. Ali, chamou a atenção do Santos, que o contratou para o segundo semestre. No Peixe, ficou marcado por perder um gol feito no primeiro jogo da final da Copa do Brasil, contra o Palmeiras. Nos últimos anos, atuou no futebol do Rio de Janeiro, defendendo Bangu e Portuguesa.

Ado - O goleiro "galã" do Timão

Foto: Gazeta Esportiva Press

Ado defendeu o Corinthians entre 1969 e 1974

Conhecido em seu auge como o "Goleiro-galã", Eduardo Roberto Stinghen, o Ado, foi um dos goleiros que mais vestiram a camisa do Corinthians na história do clube. Ado ficou conhecido pela ascensão meteórica que teve na carreira, principalmente quando chegou ao Timão, em 1969.

Nascido em Jaraguá do Sul, em Santa Catarina, no dia 4 de julho de 1946, Ado chegou ao Corinthians vindo do paranaense Londrina. Sua primeira partida aconteceu no dia 29 de outubro de 1969, contra o Botafogo, no Maracanã, pelo “Robertão”, quando o Corinthians acabou superando os donos da casa por 2 a 0.

No clube do Parque São Jorge, Ado conquistou de vez a titularidade rapidamente após sua chegada, substituindo o então goleiro titular, Lula. E, logo em seguida, já chegou à Seleção Brasileira, participando, ainda em 1969, das Eliminatórias e esteve presente no elenco que conquistou a terceira Copa do Mundo do Brasil, no México, sendo reserva de Félix.

Ao longo de suas cinco temporadas como defensor da meta corinthiana, Ado disputou 206 partidas com o manto alvinegro. Sua despedida se deu pouco antes de uma partida contra o Palmeiras, quando ele foi emprestado para o America do Rio de Janeiro, em 1974. Depois, ainda defendeu Atlético Mineiro, Portuguesa, Santos, Pelotas, Ferroviário, Fortaleza, Velo Clube e Bragantino, onde encerrou a carreira em 1982.

domingo, 14 de julho de 2019

12 a 0! Sereias estreiam no Brasileiro Feminino Sub-18 goleando Foz Cataratas

Foto: divulgação Santos FC

Sereias da Vila estrearam em grande estilo no Brasileiro Feminino Sub-18

As Sereias da Vila, comandadas pelo técnico Ricardo Silva, enfrentaram o Foz Cataratas/Athletico (PR), na manhã deste domingo (14), no Estádio Carlos Alberto Neves, em Caçador (SC), em sua estreia pelo Campeonato Brasileiro Feminino Sub-18, e venceram pelo elástico placar de 12 a 0.

A goleada chamou a atenção de todos os presentes noembate. O grande destaque da goleada santista foi a centroavante Amanda Gutierrez que marcou sete gols. Analuyza e Isabela marcaram dois gols cada uma e Miracatu marcou o outro gol das Sereias.

“Pela estreia foi muito positivo. Foi excelente resultado porque o nível de ansiedade em um jogo desses é altíssimo. Após o primeiro gol a gente conseguiu soltar um pouco mais nosso jogo e o resultado saiu naturalmente”, comentou Ricardo Silva. O próximo compromisso do Sub-18 das Sereias pelo Brasileirão será contra o Kindermann/Avaí (SC), terça-feira (16), às 15h30, novamente no Estádio Carlos Alberto Neves, em Caçador (SC).

Competição - O Campeonato Brasileiro Feminino Sub-18 é disputado em quatro fases, onde a primeira delas, 24 clubes divididos em 6 grupos com 4 em cada, classificando-se para a fase seguinte o 1º (primeiro) colocado em cada grupo; e ainda os 02 (dois) melhores segundos colocados. Todos os clubes jogarão entre si, em turno e returno, dentro do próprio grupo, em suas respectivas sedes.

As Sereias da Vila e o Foz Cataratas/Athletico (PR), que se enfrentaram na estreia da competição, fazem parte do Grupo A com sede em Santa Catarina. Assim também acontece como as meninas do Atlético (MG) e do Kindermann/Avaí (SC), que também se enfrentaram hoje,com vitória das mineiras por 3 a 1.

Na Segunda Fase os 8 (oito) clubes classificados na Primeira Fase constituirão outros dois grupos, com 04 (quatro) equipes cada, conforme sorteio. As equipes jogarão numa única sede, em turno único, se classificando as duas melhores equipes da cada Grupo para as Semifinais. A partir desta nova fase, o Brasileirão Sub-18 será disputado em sistema eliminatório, com as equipes se enfrentando em dois jogos (ida e volta) até a grande final.

Confira os outros grupos e sedes do Brasileirão Feminino Sub-18:

Grupo B / Sede Flores da Cunha - Rio Grande do Sul
Chapecoense (SC), Corinthians (SP), Ferroviária (SP), Internacional (RS).

Grupo C / Sede Bálsamo - São Paulo
Botafogo (RJ), Cruzeiro (MG), Ponte Preta (SP) e São Paulo (SP).

Grupo D / Sede Brasília - Distrito Federal
Bahia (BA), Fluminense (RJ), Minas Icesp (DF) e Palmeiras (SP).

Grupo E / Sede Paulista - Pernambuco
Flamengo (RJ), São Francisco (BA), Vitória (BA) e Vitória (PE).

Grupo F / Sede Belém - Pará
Vasco (RJ), Iranduba (AM), Paysandu (PA) e Pinheirense (PA).

Em bom jogo, Barueri vence Independente - A rodada da São Paulo Cup

Jogo entre Barueri e Independente foi emocionante (foto: Adriano Oliveira/GR Barueri)

A quinta rodada da São Paulo Cup, competição organizada pela Global Scouting Football e que conta com a participação de clubes licenciados dos torneios da Federação Paulista de Futebol, teve início neste final de semana. E o destaque foi o grande jogo onde o Grêmio Barueri bateu o Independente de Mogi Guaçu, por 3 a 2, e quebrou a invencibilidade do adversário.

Na manhã de sábado, dia 13, o Grêmio Barueri recebeu o Independente de Mogi Guaçu no Estádio do Sindicato dos Metalúrgicos de Tatuí, em duelo que valia a liderança do Grupo 1. E a partida foi emocionante! Os mandantes abriram 2 a 0, com Nicolas e Mateus Nunes, cederam o empate, mas Pedro Capela fez o gol da vitória do Barueri, que assumiu a ponta da chave.

O outro jogo do sábado de manhã, entre Ecus e Andreense, acabou não sendo realizado. A partida estava marcada para o Estádio Municipal Francisco Marques Figueira, em Suzano, mas na noite de sexta-feira, faltando menos de 24 horas para a partida, dirigentes do Ecus informaram que o local da partida não foi liberado pela Prefeitura. O Andreense foi declarado vencedor por WO.

No sábado a tarde, no Estádio Antônio José da Fonseca, em Jaboticabal, a bola rolou para o time da casa, líder do Grupo 2, que recebeu o Lençoense. O Jotão teve dificuldades, mas venceu por 2 a 1, com Léo e Gatuso marcando os gols dos mandantes, e continua na frente da chave.

Já no domingo, dia 14, tivemos um jogo. O Mogi Mirim recebeu o Garça em seus domínios, o Estádio Vail Chaves. O Sapo começou bem a partida e chegou a ir para o intervalo vencendo pelo placar de 2 a 0. Porém, a segunda etapa, o Garça foi melhor e buscou o empate, empatando o jogo em 2 a 2.

Mogi Mirim e Garça empataram em 2 a 2 (foto: divulgação Garça)

A rodada ainda será completada na quarta-feira, dia 17. Às 15 horas, no Estádio Municipal Moacir Bento da Graça, em Natividade da Serra, o Arujaense recebe o Real Cubatense. As duas equipes ocupam as últimas colocações no Grupo 1 e ainda não venceram na competição.

Classificação - Com os resultados, o Grupo 1 teve grandes mudanças. O Barueri é o novo líder da chave, com 10 pontos, seguido do Andreense com oito e o Independente de Mogi Guaçu com sete. Arujaense tem dois pontos, enquanto Real Cubatense e Ecus somam apenas um ponto. Já no Grupo 2, o Jaboticabal disparou na ponta, com 12 pontos, seguido por Garça, com oito, e Mogi Mirim, com sete. Sumaré tem três, Lençoense dois e o Flamengo de Pirajuí soma um ponto.

Confira abaixo os jogos da sexta rodada da competição:

Grupo 1

Independente Mogi Guaçu x Arujaense
19/07 - 14h00 – Estádio Salvador Russani - Atibaia

Andreense x Grêmio Barueri
20/07 - 10h00 - Estádio Municipal Lazaro Lídio Leme​ - Pedra Bela

ECUS x Real Cubatense
20/07 - 10h00 - Estádio Municipal Francisco Marques Figueira - Suzano

Grupo 2

Sumaré x Mogi Mirim
20/07 - 10h00 - Estádio José Pereira - Sumaré

Flamengo de Pirajuí x Jaboticabal
20/07 - 10h00 - Estádio Municipal Virgilio Zanotto - Guaiçara

Garça x Lençoense
25/08 - 15h00 – Estádio Municipal Teófilo Cordovil - Duartina

Fora de casa, Mauá FC empata com Itararé pela Segundona Paulista

Com a colaboração de Vinicius Anselmo

No primeiro tempo, o Itararé dominou, mas não conseguiu marcar (foto: Vinicius Anselmo)

Em partida realizada na tarde deste domingo, dia 14, pela segunda rodada do Grupo 9 da segunda fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019, Itararé e Mauá se enfrentaram no Estádio Virgínio Holtz e apesar da pressão durante quase todo o jogo da Caçula, o time do ABC volta para casa com um empate em 1 a 1 na bagagem.

O Itararé não estreou bem no Grupo 9 da segunda fase da competição, perdendo para o Amparo, fora de casa, pelo placar de 1 a 0. Já o Mauá fez o primeiro jogo desta etapa do torneio em casa, recebendo o XV de Jaú e apenas empatou pelo placar de 0 a 0.

Jogando diante de sua torcida, que marcou boa presença no Estádio Virgínio Holtz, o Itararé começou o jogo pressionando o Mauá FC, que praticamente não passava do meio-de-campo. A Caçula criou diversas chances, principalmente com Pequeno, e ainda chegou a reclamar de um pênalti não marcado. Os visitantes finalizaram pela primeira vez apenas aos 39 minutos. Assim, o primeiro tempo terminou com o placar de 0 a 0.

O Itararé voltou pressionando ainda mais o adversário, tentando envolver os jogadores através de jogadas rápidas. Porém, aos 13 minutos,  quem abriu o marcador foi o Mauá. Em contra-ataque, Natanael recebeu a bola dentro da área, brigou por ela com o defensor e em um segundo momento tocou ela para dentro do gol.

Após sofrer o gol, o Itararé foi para o famoso "tudo ou nada", na base da pressão. Apesar de criar, a Caçula não conseguia vencer a defesa do Mauá FC, que se arriscava muito pouco. Aos 27 minutos, Moalisson foi calçado dentro da área e a arbitragem marcou pênalti. Pequeno foi para a cobrança e não perdoou, empatando a partida no Virgínio Holtz.

O gol de empate embalou ainda mais a Caçula, que foi em busca da virada. O Itararé fez o goleiro Gustavo, do Mauá, a trabalhar, pelo menos, em três oportunidades. Aos 39', Enrico chegou a colocar a bola na trave. Porém, toda essa pressão final não resultou em bola na rede e o jogo terminou com o placar de 1 a 1.

Na próxima rodada, o Mauá FC vai até Amparo, onde vai enfrentar o time da casa no sábado, dia 20, às 15 horas, no Estádio José de Araújo Cintra. Já o Itararé joga novamente em seus domínios, no Estádio Virgínio Holtz, contra o XV de Jaú, às 15 horas do domingo, dia 21.
Proxima  → Inicio

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações