domingo, 15 de setembro de 2019

Roberto Leal e a Portuguesa de Desportos

Foto: Rodrigo Faber/G1

Roberto Leal protesto contra o STJD no rebaixamento da Lusa em 2013

Faleceu na madrugada deste domingo, dia 15, em São Paulo, o cantor português radicado no Brasil Roberto Leal aos 67 anos. Conhecido por sucessos como Bate o Pé, a partir da década de 70, ele tem uma relação enorme com a Portuguesa de Desportos tendo, inclusive, composto o atual hino do clube.

Antônio Joaquim Fernandes, que adotou o nome artístico de Roberto Leal, veio para o Brasil, com sua família, em 1962, quando tinha 11 anos. Um ano mais tarde, foi assistir, com o irmão, um jogo da Lusa contra o Guarani e logo se apaixonou pelo time Rubro-Verde, o adotando como sua equipe do coração. E a relação entre o então garoto e o clube passou a ser forte.

Roberto Leal passou a frequentar as dependências da Portuguesa de Desportos e ir aos jogos da equipe. Mesmo depois de atingir o sucesso, no ano de 1971, com Arrebita, o cantor continuou acompanhando a Lusa. Inclusive, tendo ido ao Morumbi na final do Paulista de 1973, onde o time Rubro Verde conquistou o título, dividido com o Santos. O cantor, por exemplo, participou dos protestos dos torcedores contra o STJD em 2013, que em um rolo envolvendo Fluminense, Flamengo e Portuguesa, acabou rebaixando o time rubro verde no Brasileirão daquele ano.

Mas o que talvez mais marque a relação entre Roberto Leal e a Portuguesa de Desportos é uma música, que tornou-se hino do time. Na verdade, a Lusa até já tinha um hino, que ao contrário das composições de boa parte das agremiações, que exaltam a grandeza e as conquistas, falava mais de um clube receptivo, de família. A letra, dos autores Archimedes Messina e Carlos Leite Guerra era assim:

Você faz parte de uma grande família
Que muito pode se orgulhar
éa família unida e muito amiga
Da Portuguesa querida
Muitas obras vai realizar
Pelo esporte brasileiro rubro verde espetacular
Esportivo
Recreativo
Clube de Tradição
É o clube da amizade
orgulho da cidade
O clube do coração
Viva a Lusa
Viva a Lusa
Clube Esportivo Social
Portuguesa de Desportos
Orgulho do esporte nacional.

Conheça o hino antigo

Pois bem, Roberto Leal, ouvindo os torcedores na tradicional festa junina do clube, percebeu que eles até achavam o hino bonito, mas que eles queriam algo mais forte, que também exaltasse a grandeza da Lusa. Pois ele foi lá e criou a seguinte letra, em parceria com Márcia Lúcia:

Vamos à luta, ó campeões,
Hão de vibrar os nossos corações.
Da tua glória, toda a certeza.
Que tu és grande, Ó Portuguesa.
Vamos à luta, ó campeões,
Há de brilhar a cruz de teus brasões,
E tua bandeira verde encarnada,
Que é a luz de tua jornada.
Vitória é a certeza
Da tua força e tradição
Em campo, ó Portuguesa,
Pra nós és sempre o time campeão.

O hino composto por Roberto Leal

Ele sempre cantava a música nos encontros no clube e os torcedores a entoavam. Quando os diretores perceberam que a música estava na boca das pessoas, resolveram fazer uma assembleia no clube e oficializaram o hino que ele criou. E a música de Roberto Leal ficou para sempre na história da Portuguesa de Desportos.

sábado, 14 de setembro de 2019

Pela Copa Paulista, Ferroviária vence o Taubaté na Fonte Luminosa

Foto: Bruno Castilho/EC Taubaté

Ferroviária abriu 2 a 0 e o Taubaté apenas diminuiu no segundo tempo

Jogando fora de casa neste sábado, o Taubaté lutou e bem que tentou, mas não conseguiu manter sua sequencia de 11 jogos sem derrota. Na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, o Burro da Central foi superado pela Ferroviária por 2 a 1, pelo Grupo 5 da segunda fase da Copa Paulista de 2019. O Alviazul viu o adversário abrir dois gols de vantagem em lance contra de Carlinhos e depois em chute de Leo Jaime, e diminuiu com Rodriguinho, batendo pênalti, já no segundo tempo. Na reta final, tentou a igualdade mas saiu derrotado.

Precisando do resultado para seguir com boas chances de classificação, o time da casa foi para cima do Taubaté desde o início. Mesmo sem grandes jogadas de perigo, a Ferroviária dominava a posse de bola, e tentava cruzamentos na área alviazul, mas a defesa, sempre atenta, conseguia afastar. Na vez que passou, a bola acabou acertando Carlinhos e entrando no próprio gol taubateano. Do outro lado, mas principais chances eram em finalizações de fora da área.

Na volta do intervalo, o técnico Ivan Izzo fez com que o time rodasse mais a bola e conseguisse gerar algumas oportunidades, especialmente em cruzamentos do lado direito que terminaram em finalizações para fora de Diego e Branquinho. Aos 12, os mandantes ampliaram com Leo Jaime finalizando após bate-rebate na área. E, aos 25, o Burro conseguiu diminuir: Rodriguinho bateu pênalti certeiro, colocando o placar em 2 a 1. No fim, o Taubaté foi para cima e critou chances para o empate, mas não conseguiu a igualdade, permanecendo com cinco pontos.

Dessa forma, o time do técnico Ivan Izzo permanece com cinco pontos, e agora divide a segunda colocação do grupo com a própria Ferroviária. O próximo confronto é diante do Atibaia, em Americana, nesta quarta-feira, e, depois, o Taubaté recebe o São Bernardo sábado no Joaquinzão. Já a Ferroviária vai encarar o EC São Bernardo, no Estádio Primeiro de Maio, no ABC Paulista.

Sampaio Corrêa vence o Confiança e abre vantagem na semi da Série C

Foto: Josafá Neto / RSNotícia

Mesmo atuando fora de casa, o Sampaio Corrêa abriu boa vantagem

O Sampaio deu um passo enorme rumo à final da Série C do Brasileirão. Neste sábado (14), o Tricolor de São Luís (MA) se impôs fora de casa e superou o Confiança (SE) por 2 a 0 no Batistão, em Aracajú. Com o resultado, o Sampaio pode perder por até um gol no Castelão que carimba vaga na final. Resta ao Dragão ao menos vencer por dois gols para levar a decisão aos pênaltis.

Para chegar à semifinal e conquistar o acesso, o Sampaio Corrêa passou pelo São José de Porto Alegre, empatando fora em 0 a 0 e vencendo em casa por 3 a 2. O Confiança também eliminou um gaúcho, o Ypiranga, vencendo em casa por 1 a 0 e empatando fora em 1 a 1.

O triunfo do Sampaio começou a ser construído ainda na etapa inicial. Na casa dos 20 minutos, João Victor consegue com cruzamento, Esquerdinha, dentro da área, mandou no canto esquerdo do goleiro Jea. Foi o gol que deu tranquilidade ao time do Maranhão ainda no primeiro tempo.

Na etapa final, o Confiança (SE) até tentou ameaçar o adversário, mas sem muito sucesso. Tanto que, logo aos 12, Eloior passou driblando pela defesa e acionou Salatiel, que livre, fez o segundo gol do Sampaio. Ao apito final, os jogadores do Sampaio Corrêa comemoram bastante a boa vantagem conquistada fora de casa.

As equipes voltam a se enfrentar no próximo sábado (21), em São Luís (MA), no Castelão. A Bolívia Querida pode até perder por um gol de diferença que estará na final da competição. Já o Confiança precisa de uma vitória por três gols. Em caso de triunfo dos sergipanos por dois gols, a vaga na final será definida nas penalidades.

Flamengo bate o Santos e se consolida na liderança do Brasileirão

Foto: Ivan Storti/Santos FC

Marinho passando por Filipe Luís, mas o Flamengo levou a melhor no jogo

Na última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série A de 2019, o Flamengo, líder da competição, recebeu o Santos, segundo colocado, no Maracanã, Rio de Janeiro, na tarde deste sábado, dia 14. Fazendo valer o fator casa, o Rubro Negro venceu pelo placar de 1 a 0, com um golaço de cobertura de Gabriel, o Gabigol, no final do primeiro tempo, fazendo com que o Urubu se consolide na ponta da classificação da competição.

O Flamengo vem em boa fase e tem uma boa série na competição e em seu último jogo venceu o Avaí, em Brasília, pelo placar e 3 a 0. Já o Santos caiu de produção no final do primeiro turno e perdeu a ponta da tabela. Em seu último jogo, ficou apenas no empate com o Athletico Paranaense, na Vila Belmiro, em 1 a 1.

Como já era esperado, o embate começou com as duas equipes se estudando bastante, mas sem abdicar do ataque. O Flamengo tinha a posse, mas quem assustava mais era o Peixe. A primeira boa chegada aconteceu logo aos 7, quando Marinho fez boa jogada de Marinho pela direita e rolou para Jorge, dentro da área. O camisa 3, porém, acabou furando. No rebote, Sasha acabou chutando em cima de Rafinha.

Já aos 18, Sánchez avançou pela direita e cruzou forte. Diego Alves espalmou e a bola sobrou para Soteldo. O venezuelano bateu bem, mas Rodrigo Caio salvou o Flamengo dentro da pequena área. O duelo ficou truncado nos minutos seguintes. E quando parecia que o intervalo chegaria com o placar zerado, Gabriel acabou aparecendo em contra-ataque e abriu o placar para o Flamengo no Maracanã com um golaço de cobertura.

Em desvantagem, o técnico Jorge Sampaoli lançou seu time ao ataque e colocou Cueva, Uribe e Felipe Jonatan em campo para o segundo tempo. Mesmo demonstrando segurança defensiva, o Alvinegro Praiano não conseguia furar o bloqueio flamenguista, confirmando o revés por 1 a 0.

Na abertura do returno, o Santos recebe o Grêmio. A partida está marcada para o próximo sábado, dia 21, às 21 horas, na Vila Belmiro. Já o Flamengo também atua no sábado, só que às 17 horas, quando encara o Cruzeiro, no Mineirão, em Belo Horizonte.

Nos pênaltis, Ferroviária passa pelo Kindermann e está na final do Brasileiro Feminino

Foto: Andrielli Zambonin/Avaí Kindermann

Após empate em 1 a 1 no tempo normal, Ferroviária venceu nas penalidades

A Ferroviária é a primeira finalista do Campeonato Brasileiro Feminino A1 2019. As Guerreiras Grenás passaram pelo Kindermann, que joga a competição com uma parceria com o Avaí, após empate em 1 a 1 no tempo normal e vitória nas penalidades por 4 a 2, em jogo realizado na tarde deste sábado, dia 14, no Estádio Carlos Alberto Costa Neves, em Caçador, Santa Catarina.

No primeiro jogo entre as duas equipes, realizado no dia 7, na Fonte Luminosa, em Araraquara, o placar foi de empate: 1 a 1. Uma nova igualdade, levaria a decisão da vaga na final para as penalidades. Quem vencesse estaria na decisão.

Entrando no campo, as atletas do Avaí Kindermann foram recebidas por aplausos, fogos e os mais altos gritos de apoio do seu torcedor, que lotava o estádio. Em um primeiro tempo muito difícil, as atletas deram o melhor de si. O Avaí Kindermann teve as primeiras oportunidades de gol, conquistou as melhores chances mas terminou o primeiro tempo em 0 a 0. 

No segundo tempo, foi a vez da atacante Duda brilhar. Aos 23 minutos do segundo tempo, Catyellen roubou a bola, jogou pra área e fez o passe para Duda que abriu o marcador, tocando para dentro da trave marcando o gol do Avaí Kindermann. Porém, aos 29 minutos, Ferroviária empatou com Andreia, após cobrança de falta de Rafa Mineira.

Com tudo igual no marcador, a decisão da vaga na final foi para as penalidades. Aí, quem brilhou foi a goleira Luciana, que defendeu dois pênaltis do Avaí Kindermann. Com isto, a Ferroviária conquistou a classificação.

A Ferroviária espera agora a decisão da outra semifinal, entre Corinthians e Flamengo, que está marcada para este domingo, dia 15, às 14 horas, no Parque São Jorge, em São Paulo, para saber quem será o adversário na semifinal. O Timão levou a melhor no primeiro confronto, vencendo por 2 a 1 em Cariacica.

Flamengo empata com Itapirense, fora, e se aproxima das quartas da Segundona

Foto: Carlos Herrera/AA Flamengo

Com o empate, Flamengo ficou próximo da classificação

Na tarde deste sábado, dia 14, no Estádio Coronel Francisco Vieira, em Itapira, o Flamengo de Guarulhos encarou a Itapirense e arrancou um empate em 1 a 1 em partida válida pelo Grupo 15 da terceira fase da Segundona Paulista. O resultado deixa o Corvo próximo das quartas da competição, podendo perder para o Mauá FC até por um gol, no dia 22, domingo, em casa, que estará classificado.

O Flamengo de Guarulhos, que vinha de uma vitória em casa sobre o já classificado Rio Branco, por 3 a 1, precisava vencer para se garantir nas quartas. Já a Itapirense, que vinha de um jogo que terminou em 3 a 3, fora de casa, contra o Mauá Futebol, precisava ganhar para continuar sonhando com a vaga no mata-mata.

Mesmo jogando fora de casa, o Flamengo começou o jogo pressionando e teve a primeira grande chance, com João Vitor, em cobrança de falta, aos 3 minutos. Precisando vencer, a Itapirense foi melhorando com o passar do tempo e abriu o marcador aos 15', com Robinho. Depois, a partida ficou igual, mas o primeiro tempo terminou com o placar de 1 a 0 para o time da casa.

O Flamengo foi com tudo para cima no segundo tempo, em busca do empate que classificaria a equipe. E o gol saiu aos 28 minutos: em bola alçada na área por João Paulo, o zagueiro da Itapirense ficou esperando e Vitinho se antecipou, de cabeça, para marcar: 1 a 1 no placar. No fim, o Corvo ainda tentou fazer o gol da virada, que daria a classificação, mas a partida terminou empatada.

Na última rodada da terceira fase do Paulista da Segunda Divisão, o Flamengo de Guarulhos vai receber o Mauá Futebol, no Estádio Antônio Soares de Oliveira. O Corvo pode perder até por um gol que estará classificado. Já a Itapirense vai até Americana, onde encara o Rio Branco, no Estádio Décio Vitta, apenas para cumprir tabela. Os dois jogos serão realizados no domingo, dia 22, às 10 horas.

Mauá vence o Rio Branco e ainda respira na Segundona Paulista

Foto: Luiz Felipe Gaspar

Resultado deixou o Mauá respirando na competição

Jogando contra o Rio Branco, no Estádio Pedro Benedetti, em Mauá, na tarde deste sábado, dia 14, o Mauá Futebol conseguiu um importante resultado que mantém a equipe com chances de avançar para as quartas-de-final do Paulista da Segunda Divisão de 2019. O Índio do ABC venceu o Tigre, pelo placar de 1 a 0, e foi a cinco pontos no Grupo 15 da terceira fase da competição.

O Mauá Futebol, que vinha de um empate com o Itapirense, em casa, em 3 a 3,  jogava todas as suas fichas nesta partida, já que precisava ganhar e torcer para o Flamengo de Guarulhos não vencesse o seu jogo em Itapira. Já o Rio Branco, já garantido nas quartas, vinha de uma derrota para o Corvo, em Guarulhos, por 3 a 1.

Jogando em casa, precisando da vitória e enfrentando um adversário já relaxado, o Mauá foi para cima logo no início e abriu o marcador aos 7 minutos. Em bola alçada na área, houve uma disputa pelo alto e a bola sobrou no pé direito de Natanael, que não bobeou e balançou as redes. Depois do gol, o Índio do ABC continuou pressionando, mas não chegou a criar lances de perigo e, com isto, o primeiro tempo terminou com o placar de 1 a 0 para o time da casa.

No segundo tempo, o Rio Branco saiu mais para o jogo. Com isto, o Mauá Futebol recuou sua equipe e passou a jogar nos contra-ataques. Com o passar dos minutos, o Tigre foi pressionando cada vez mais, em busca do empate, mas não conseguiu marcar. Fim de jogo e vitória do Índio do ABC pelo placar de 1 a 0.

Na última rodada da primeira fase, o Mauá Futebol vai até Guarulhos, onde encara o Flamengo no Estádio Antônio Soares de Oliveira. Se vencer por dois gols de diferença se classifica. Já o Rio Branco recebe a Itapirense no Estádio Décio Vitta, em Americana. As duas partidas serão realizadas no dia 22, domingo, às 10 horas.

Mogi Mirim e Garça estão nas semifinais da São Paulo Cup

Jogadores do Mogi Mirim comemoram a classificação no Itatibão
(foto: divulgação Mogi Mirim)

Entre sexta-feira, dia 13, e sábado, dia 14, aconteceram jogos das quartas-de-final da São Paulo Cup, competição organizada pela Global Scouting Football e que conta com equipes licenciadas da Federação Paulista de Futebol (FPF) ou que já jogaram a Taça Paulista da Liga de Futebol Nacional do Brasil. Com os resultados, Mogi Mirim e Garça são os dois primeiros times a conquistarem vaga nas semifinais.

Na noite de sexta-feira, o Grêmio Barueri recebeu o Mogi Mirim, no Estádio Itatibão, em Tatuí, para o segundo jogo das quartas do duelo. No primeiro jogo, realizado no último final de semana, em Mogi Mirim, o Sapo levou a melhor e venceu por 3 a 0. Já na noite de sexta, o Mogi confirmou a vaga triunfando pelo placar de 1 a 0. O Sapo vai encarar o vencedor de Jaboticabal e Andreense.

O segundo time a se garantir na semifinal foi o Garça, que nem precisou entrar em campo na manhã deste sábado, já que o Real Cubatense não compareceu ao Estádio Teófilo Cordovil, em Duartina, perdendo o jogo por WO. O Garça, que já havia vencido o primeiro jogo pelo placar de 2 a 1, em Peruíbe, espera o vencedor de Independente de Mogi Guaçu e Flamengo de Pirajuí na semifinal.

Jaboticabal venceu o Andreense em Pedra Bela
(foto: divulgação Jaboticabal Atlético)

Também na manhã deste sábado, no Estádio Municipal Lázaro Lídio Leme, em Pedra Bela, o Andreense recebeu o Jaboticabal pelo primeiro jogo deste embate das quartas. A partida foi bem equilibrada, com as duas equipes tendo chances, mas o Jotão levou a melhor e venceu pelo placar de 2 a 1. A segunda partida do duelo está marcada para o dia 22, domingo, às 10 horas, no Estádio Municipal Antônio José da Fonseca, em Jaboticabal.

Na próxima sexta-feira, dia 20, às 10 horas, no Estádio Municipal de Bom Jesus dos Perdões, o Independente de Mogi Guaçu recebe o Flamengo de Pirajuí para o segundo jogo deste confronto. Na primeira partida, no Estádio Virigilio Zanoto, em Guaiçara, o Independente levou a melhor e venceu por 4 a 2.

São Paulo faz 3 a 2 no Santos e sai na frente na semi do Paulista Feminino

Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

As duas equipes fizeram um grande jogo no Pacaembu

Em clássico bastante equilibrado, as Sereias da Vila acabaram sendo derrotadas por 3 a 2 pelo São Paulo na manhã deste sábado, dia 14, no Pacaembu, pela partida de ida da semifinal do Campeonato Paulista Feminino de 2019. Valéria, duas vezes, e Ary marcaram para o tricolor, enquanto Ketlen e Glaucia fizeram os gols do Santos.

O clássico começou bastante equilibrado no Pacaembu. E a primeira grande chegada foi do Santos FC. Aos 11 minutos, Ketlen recebeu dentro da área, passou pela marcação e bateu no alto, tirando tinta do travessão de Carla. Na sequência, porém, Valéria apareceu livre pela direita em contra-ataque e bateu na saída da goleira Paty Nardy para colocar o São Paulo em vantagem.

As Sereias responderam aos 16, quando Sochor achou Glaucia dentro da área e a camisa 25 bateu em cima da marcação do rival. Já aos 27, o Peixe perdeu oportunidade inacreditável. Ketlen recebeu na pequena área e rolou para Sole Jaimes. A centroavante chegou enchendo o pé, mas Natane salvou o São Paulo em cima da linha.

A pressão seguiu grande. No lance seguinte, Glaucia recebeu longo lançamento, tirou da marcação e bateu no canto direito de Carla, mas a bola foi pra fora. Aos 34, Sole bateu rasteiro para dentro da área, a zaga afastou, mas Cris bateu a mão na bola e a arbitragem assinalou pênalti. Na cobrança, Sole mandou na trave, mas Ketlen pegou o rebote e deixou tudo igual no Pacaembu. No fim do primeiro tempo, Ketlen quase fez o segundo dela após receber lindo lançamento de Glaucia. A camisa 27 bateu firme, mas mandou por cima da meta.

A segunda etapa seguiu com as duas equipes buscando o ataque o tempo inteiro. Aos 15, Maurine tabelou com Maria Dias e bateu na entrada da área, mas Carla segurou firme. Já aos 22, Maurine cobrou falta pra dentro da área, Carla afastou e a bola caiu no pé de Sole. A argentina bateu firme, mas a zaga do São Paulo afastou.

Dez minutos depois, porém, as Sereias alcançaram a virada após Rita Bove cobrar escanteio na cabeça de Glaucia. A artilheira desviou com categoria e colocou 2 a 1 no marcador. Aos 39, o Peixe quase ampliou em duas jogadas parecidas. Após novas cobranças de escanteio de Rita Bove, Glaucia e Gi apareceram dentro da área. A centroavante parou na linda defesa de Carla, e a zagueira mandou na rede pelo lado de fora. E quando parecia que a vitória seria do Peixe, Ary acabou deixando tudo igual novamente. Já aos 45, Valéria acabou virando para a equipe do Morumbi.

Com o resultado, as comandadas de Gilherme Giudice precisam de uma vitória por dois gols de diferença para alcançarem a vaga na final do torneio. Um triunfo pelo placar mínimo levará a decisão para os pênaltis. As duas equipes se enfrentam novamente no próximo sábado, dia 21, também às 11 horas e no estádio Paulo Machado de Carvalho, mas desta vez com o Alvinegro Praiano sendo o mandante. Vale destacar que o clássico será com torcida única e entrada gratuita para os santistas.

Com gol nos acréscimos, EC São Bernardo vence o Atibaia de virada

Foto: Brendow Felipe/EC São Bernardo

O primeiro do EC São Bernardo foi em cobrança de pênalti

Na manhã deste sábado, dia 14, no Estádio Décio Vitta, em Americana, o Atibaia recebeu o EC São Bernardo, pela quarta rodada do Grupo 5 da segunda fase do Copa Paulista de 2019. O Falcão até saiu na frente, com Patrick, mas o Cachorrão virou, com gols de Giovanni Pavani, de pênalti, e Igor, contra, e venceu por 2 a 1

As duas equipes se enfrentaram na rodada anterior, no Estádio 1º de Maio, em São Bernardo do Campo, e o Cachorrão levou a melhor, vencendo por 1 a 0. Com isto, o Alvinegro do ABC era o vice-líder do Grupo 5, com cinco pontos, enquanto o Atibaia era o lanterna, com dois pontos.

Jogando como mandante e precisando da vitória para subir na classificação, o Atibaia começou o jogo pressionando. O Falcão criou bastante no primeiro tempo, mas não conseguia finalizar com precisão. O EC São Bernardo chegou algumas vezes, mas nada que levasse perigo. Assim, os 45 minutos iniciais terminaram com o placar em branco.

O Atibaia continuou mandando no jogo no segundo tempo e abriu o marcador aos 4 minutos. Patrick tabelou com Judson e dentro da área bateu cruzado, sem chances para o goleiro Junior Souza: 1 a 0 para o Falcão. Depois de marcar, o time mandante continuou dominando e por muito pouco não chegou ao segundo tento.

Porém, o panorama da partida mudou aos 30 minutos. Em cruzamento na área, o goleiro do Atibaia, Ariel, fez uma defesa tranquila e na descida atingiu Johny e o árbitro marcou pênalti e ainda expulsou o arqueiro. Giovanni Pavani foi para a cobrança e empatou a partida.

Com um a menos, o Falcão ainda foi para cima e quase fez marcou. Porém, o Cachorrão, que tentava controlar as ações, ainda achou o gol da virada no último lance. Juan recebeu lançamento pela esquerda, invadiu a área, bateu cruzado e o zagueiro Igor mandou contra o próprio patrimônio. Final de jogo e vitória do EC São Bernardo por 2 a 1.

Na próxima rodada, o EC São Bernardo, que foi a oito pontos recebe a Ferroviária na quarta-feira, dia 18, às 15 horas, no Estádio Primeiro de Maio, em São Bernardo do Campo. No mesmo dia e horário, o Atibaia, que continua com dois pontos, joga novamente no Estádio Décio Vitta, em Americana, mas desta vez contra o Taubaté.
Proxima  → Inicio

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações