domingo, 25 de agosto de 2019

Definidos os confrontos das quartas da Série C 2019


Náutico x Paysandu, Juventude x Imperatriz, Ypiranga de Erechim x Confiança e Sampaio Corrêa x São José-RS. Estas são as quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série C de 2019. Os confrontos, que definirão as quatro equipes que vão subir para a Série B de 2020, foram definidos depois da última rodada da primeira fase da competição, que foram realizados neste final de semana.

No sábado, dia 25, foi definido o Grupo A. O ABC venceu o Globo por 2 a 0, o Imperatriz bateu o Sampaio Corrêa por 1 a 0, o Náutico fez 3 a 1 no clássico contra o Santa Cruz, o Treze empatou com o Botafogo da Paraíba em 2 a 2 e o Ferroviário ficou na igualdade em 2 a 2 com o Confiança.

Com estes resultados, Náutico, com 33 pontos, Sampaio Corrêa, 31, Imperatriz, 28, e Confiança, com 26 pontos, avançaram para as quartas. Ferroviário, 25 pontos, Botafogo da Paraíba, 25, Santa Cruz, também 25, e Treze, com 19 pontos, continuam na Série C em 2020. Já ABC, com 18 pontos, e Globo, com 16, foram rebaixados e jogarão a Série D no próximo ano.

Grupo B - Já neste domingo, dia 25, foi definido o Grupo B. O Boa foi derrotado pelo Tombense, por 1 a 0, o Atlético Acreano venceu o Luverdense por 3 a 2, Paysandu e Remo empataram o clássico em 1 a 1, o Ypiranga de Erechim triunfou sobre o Juventude por 1 a 0 e o São José fez 4 a 2 no Volta Redonda.

Com os resultados, Ypiranga de Erechim, Juventude, São José e Paysandu, todos com 28 pontos, avançaram para as quartas da competição. Remo, com 27 pontos, Volta Redonda, 25, Tombense, 23, e Boa Esporte, 20, se mantiveram na Série C. Já Luverdense, 13 pontos, e Atlético Acreano, com 11, foram rebaixados e estarão na Série D de 2020.

A Confederação Brasileira de Futebol deve anunciar nos próximos dias as datas, horários e locais das partidas das quartas da competição, que definem as quatro equipes que terão o acesso para a Série B de 2020.

Briosa vence e está viva no sub-15 - A rodada da base

Por Lucas Paes


A Briosa venceu e agora está viva no sub-15 (Foto: Divulgação/AA Pòrtuguesa)

Entre sexta-feira e este domingo, dia 25, tivemos mais uma rodada do Campeonato Paulista nas categorias de base. O destaque ficou por conta da sobrevida da Briosa no sub-15, onde a Portuguesa Santista depende só de sí para classificar. Teve também Santos, Jabaquara, Mauá, União Mogi e EC São Bernardo, nas mais diversas categorias.

No sub-15, com todos os jogos ocorrendo na manhã de sábado, o destaque da rodada veio com a Briosa, que bateu o Noroeste em casa e agora depende só de sí para se classificar. O placar foi de 2 a 0, com gols de Matheus e Kayque. Agora, a Briosa enfrenta o Primavera, no Ítalo Limongi, em Indaiatuba, no próximo sábado, as 9h e depende só de sí para se classificar.

Já o Santos foi até Rio Preto e bateu o Rio Preto por 3 a 0. Kauã e Alison (2) marcaram os gols santistas. Na próxima rodada, Santos e Botafogo de Ribeirão Preto decidem a liderança do grupo no CT Meninos da Vila. O jogo ocorre no próximo sábado, dia 31, as 9h.

O Jabaquara, por sua vez, foi até o Parque Ecológico e perdeu mais uma. O Leão da Caneleira foi batido pela Lusa por 2 a 1. Wallace e Felipe marcaram para a Lusa, enquanto Faccina diminuiu para o Leão da Caneleira. O Jabuca encerra sua participação jogando em casa contra o Guarani, no próximo sábado, no mesmo horário de Santos e Briosa. 

Sub-17 - Santos vence fora de casa e está classificado 

Também na manhã de sábado, tivemos os jogos do sub-17. O Santos garantiu a vaga com vitória fora de casa pra cima do Guarani. Os Meninos da Vila foram até Morungaba, no Floravante Flare e bateram o Bugre por 3 a 1. Marcos Leonardo marcou os três gols do Santos, enquanto o Bugrão descontou com Luã. o Santos fecha sua participação nessa fase cumprindo tabela contra o Osvaldo Cruz, no CT Meninos da Vila, no próximo sábado, as 11h.

Já a Briosa segue zerada nessa fase. Mesmo jogando em casa, os rubro-verdes perderam para a Francana por 1 a 0, com gol de Kauã. Agora a Portuguesa Santista fecha sua participação no sub-17 também contra o Primavera, no mesmo horário do Santos, no Ítalo Limongi, mas sem chances de classificação.

Sub-20 - Bernô bate o Juventus fora de casa e segue vivo

O destaque do sub-20 foi o EC São Bernardo, que foi até a Rua Javari, na sexta-feira a tarde e bateu o Juventus, garantindo sobrevida na competição. O Bernô venceu por 1 a 0, com gol de Felipe. O São Bernardo agora pega o Nacional, no Baetão, no próximo sábado, dia 31, as 15 horas e torce por um mal resultado do Juventus contra o Novorizontino, fora de casa, para se classificar com a vitória ou o empate.

Jogando em casa, o Santos também venceu. O Alvinegro Praiano bateu o Primavera por 3 a 0, com gols de Jackson Porozo, Yuri Alberto e Anderson Ceará. O Santos está já classificado para a próxima fase do campeonato e fecha sua campanha também no dia 31, as 15 horas, contra a Ponte Preta, fora de casa.

O São Bernardo bateu o Juventus e segue vivo
(Foto: Ale Vianna/Juventus)

Sub-11 e Sub-13 - Uma rodada recheada de gols

Na manhã deste domingo, na rodada do sub-11 e do sub-13, tivemos muitos gols e algumas goleadas. O Santos folgou na rodada, mas tivemos partidas de Jabaquara, União Mogi e Mauá Futebol Clube. Incluindo completos opostos no jogo do Tigre de Mauá.

O Jabuca pegou o São Caetano no Estádio Espanha e se deu mal. No sub-11, Patrick e Cauã fizeram os gols da vitória por 2 a 0 do Azulão. No sub-13, a vitória do Azulão foi maior ainda, por 4 a 0, com gols de Thierry (2), Guilherme e João Vitor.

No Pedro Benedetti, o Mauá FC enfrentou o Palmeiras. No sub-11, as duas equipes não sairam do zero. Já no sub-13, o Verdão aplicou inapeláveis 8 a 0. Os gols foram de Rafael, Matheus, Vitor (2), Luiz Felipe, Gabriel, Luighi e Felipe.

O União Mogi jogou no Nogueirão contra o Guarulhos. No sub-11, vitória da Serpente por 4 a 1, com gols de Pedro (2), João Vitor e Valentin. Gustavo fez o gol de honra do Guarulhos. No sub-13, as equipes ficaram no empate por 1 a 1, com gol de Kevin para o União e Arthur para o Guarulhos.

Na próxima rodada, Santos e Mauá se enfrentam no CT Meninos da Vila. O Jabuca visita a Lusa no Parque Ecológico, o União pega o Taubaté em casa. Todos os jogos ocorrem no domingo, dia 1 de Setembro, as 9h (sub-11 e as 10h30 (sub-13).

Sub-20 Segunda Divisão - Mauá vence o Jabuca fora de casa

Na segundona do sub-20 o destaque foi a vitória do Mauá FC, que foi até o Estádio Espanha e bateu o Jabuca por 1 a 0, na tarde de sábado. Maitheus Dias fez o gol da vitória do Tigre. Na próxima rodada, o Jabuca pega o Flamengo, em casa, no sábado, as 15h. O Mauá só volta em campo daqui a duas semanas, também contra o Flamengo, em Guarulhos.

O União Mogi acabou derrotado por 3 a 0 no clássico contra o Atlético Mogi, no Nogueirão, também no sábado a tarde. Gabriel, Cristiano e Daniel marcaram os gols da vitória do Atlético. Na próxima rodada o União visita o Barcelona fora de casa, no sábado, as 15h.

Feminino Sub-17 - Santos não sai do zero com o Guarulhos

As Sereinhas da Vila estrearam mal no Paulistão sub-17. As santistas foram até o Cícero Miranda, na tarde deste domingo e empataram com o Guarulhos sem gols. O Santos pega o Água Santa, no CT Meninos da Vila, na próxima rodada, no domingo, as 15h.

Flamengo de Pirajuí fica com a última vaga nas quartas da São Paulo Cup

Foto: divulgação Flamengo de Pirajuí/Lins FC

Flamengo de Pirajuí foi a última equipe a cravar a sua classificação

O Flamengo de Pirajuí se juntou à Grêmio Barueri, Independente de Mogi Guaçu, Andreense, Real Cubatense, Jaboticabal, Mogi Mirim e Garça e está nas quartas-de-final da São Paulo Cup 2019, competição organizada pela Global Scouting Football. E a classificação veio neste sábado, dia 24, sem a equipe rubro-negra precisar entrar em campo.

No Estádio Municipal Teófilo Cordovil, em Duartina, no sábado, o Garça, já classificado, enfrentou o Lençoense, que com nove pontos, um a menos que o Flamengo, precisava vencer para avançar, já que a equipe tinha duas vitórias contra três do Rubro Negro.

O jogo foi muito disputado, com o Garça saindo na frente, mas o Lençoense ainda empatando no primeiro tempo. Na segunda etapa, o time mandante fez o segundo, o que complicava a situação do Lençoense. A equipe de Lençóis Paulista ainda empatou aos 44' do tempo complementar, mas não conseguiu a virada, sendo eliminada e classificando o Flamengo de Pirajuí.

Agora, as oito equipes classificadas, Grêmio Barueri, Independente de Mogi Guaçu, Andreense, Real Cubatense, Jaboticabal, Mogi Mirim, Garça e Flamengo de Pirajuí, esperam o sorteio que vai definir os confrontos das quartas-de-final da competição, assim como está previsto no regulamento. A Global Scouting Football, organizadora da São Paulo Cup, deve realizar o sorteio nos próximos dias.

Santos abre 3 a 0, vacila na segunda etapa e cede empate ao Fortaleza

Foto: Ivan Storti/Santos FC

Depois de um belo primeiro tempo, Santos caiu de produção na segunda etapa

O Santos FC recebeu a equipe do Fortaleza na tarde deste domingo, dia 25, na Vila Belmiro, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A de 2019. O Peixe fez um grande primeiro tempo e abriu 3 a 0, com gols de Marinho, Jorge e Eduardo Sasha. Porém, foi mal na segunda etapa e o Tricolor de Aço, com dois gols de Wellington Paulista e mais um de Tinga, buscou o empate em 3 a 3.

Logo no primeiro minuto de jogo, o alvinegro descolou ótimo lançamento com Jorge para Evandro pela direita. O meia dominou e tocou para Sasha acionar Marinho. O camisa 11 do Peixe avançou, ajeitou o corpo e bateu sem chances para o goleiro adversário. Com a Vila Belmiro lotada e a torcida inflamada, não demorou para o segundo tento logo sair: após cobrança de escanteio, aos 9 minutos, Jorge aproveitou a sobra e, de primeira, soltou um chutaço para ampliar. Golaço!

Na segunda etapa, aos 11 minutos, Evandro deu bom passe para Pituca, que soltou o pé, mas parou no arqueiro adversário. Quatro minutos depois, Pituca recebeu boa bola de Soteldo e tentou de novo, mas a bola foi para o lado de fora da rede. Pouco tempo depois, Evandro recebeu de Jorge pelo alto e tentou de cabeça, mas o goleiro ficou com ela. Após uma chance desperdiçada por Marinho e outra por Soteldo, o Peixe chegou ao terceiro gol com Eduardo Sasha: o artilheiro recebeu de Jorge, avançou a área e tocou de cobertura, sem chance para Felipe Alves.

Depois do domínio no primeiro tempo, o Santos até balançou as redes no início da segunda etapa, com Soteldo, em lance anulado por impedimento. Porém, o Fortaleza iniciou uma reação aos aos 13 minutos, quando um pênalti cometido por Aguillar foi anotado para o Fortaleza graças ao VAR. Wellington Paulista converteu a cobrança.

O gol deu ânimo aos visitantes, que melhoraram. Aos 23', Wellington anotou o segundo da sua equipe. Depois de sofrer o segundo, o Santos até pareceu que colocou a casa ordem, mas o pior estava por vir. Já nos acréscimos, após falha da defesa do Alvinegro, Tinga fez o terceiro do Fortaleza. Final de jogo e 3 a 3 no placar da Vila Belmiro.

O próximo compromisso do Santos FC será contra a Chapecoense, no sábado, dia 31, às 19 horas, na Arena Condá, em Chapecó. Já o Fortaleza joga no domingo, às 16 horas, no Castelão, quando recebe o Goiás.

São Paulo empata com o Cruzeiro e conquista o Brasileiro Feminino A2

Foto: Cristiane Mattos/saopaulofc.net

Comemoração no gol de empate Tricolor na partida que deu o título ao São Paulo

Menos de um ano depois de anunciar o retorno do projeto do futebol feminino no São Paulo, o torcedor já pode soltar o grito de campeão. Na tarde deste domingo (25), jogando no Estádio das Alterosas, no Sesc Venda Nova, as são-paulinas empataram em 1 a 1 com o Cruzeiro, e sagraram-se campeãs Brasileiras da Série A2.

O Tricolor começou a partida com uma boa vantagem no placar. Nos primeiros 90 minutos, que aconteceram no Pacaembu, com mando de campo do São Paulo, o Tricolor abriu o marcador com Bruna e ampliou com Yaya, ainda no primeiro tempo. No segundo, Valéria e Cris deram números finais a partida, 4 a 0, que deixaram o time paulista com a possibilidade de perder por até três gols de diferença em Minas Gerais.

Mesmo com o placar elástico, o Tricolor foi a campo com força máxima para tentar mais uma vitória na competição. Contando com o retorno de Ary e Natane, que estavam suspensas pelo terceiro cartão amarelo, o técnico Lucas Piccinato escalou o São Paulo com Carla, Andressa, Bruna, Thaís, Natane, Cris, Yaya, Ary, Jaqueline, Ottilia e Valéria. O Cruzeiro veio modificado e com o apoio do torcedor, que cantou durante toda a partida.

Surgiam chances dos dois lados, nos primeiros minutos, o Tricolor chegou bem por duas vezes, depois foi a vez do time da casa se apresentar melhor e a defesa são-paulina mostrar serviço. Aos 32 minutos, o Cruzeiro teve um pênalti ao seu favor. Na primeira batida, Carla pegou, mas a árbitra, erroneamente, mandou voltar alegando que a camisa 12 havia se adiantado. Na segunda chance, Duda converteu. Na sequência, Ottilia aproveitou o lançamento e quase igualou, mas a goleira buscou na ponta da luva.

O São Paulo ficou mais acuado, e o Cruzeiro chegou a acertar a trave, mas o primeiro tempo se manteve 1 a 0. Lucas Piccinato não fez substituições no time no intervalo, mas as jogadoras se fecharam no vestiário e conversaram sobre mudança de postura, que foi nítido nos primeiros minutos da segunda etapa.

Logo aos 7 minutos, Ary cobrou escanteio na cabeça de Ottilia, que deixou tudo igual em Venda Nova. Aos 12 minutos, Larissa Santos entrou na vaga de Jaqueline. Rayane e Pitti também foram para o jogo, nas vagas de Cris e Ottilia, mas o resultado não mudou mais.

As são-paulinas só terão o restante deste domingo para comemorar e já pegar estrada de volta para a capital paulista. Na próxima quarta-feira, dia 28, às 16h, no Pacaembu, o Tricolor enfrenta o Santos, em importante duelo pela segunda fase do Campeonato Paulista, voltando assim rapidamente aos treinos e com foco total no Estadual.

Flamengo de Guarulhos fica no 0 a 0 contra a Itapirense

Foto: Julio Moura/Flamengo de Guarulhos

Apesar de jogar em casa, o Flamengo apenas empatou com a Itapirense

Pela segunda rodada do Grupo 15 da terceira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019, o Flamengo de Guarulhos recebeu a Itapirense no Estádio Antônio Soares de Oliveira, na manhã deste domingo, dia 25. Apesar da expectativa da segunda vitória do Corvo nesta fase da competição, a partida terminou com o placar de 0 a 0.

Na abertura da terceira fase da competição, o Flamengo de Guarulhos conquistou um importante resultado, já que venceu o Mauá Futebol, fora de casa, por 1 a 0. Já a Itapirense não teve a mesma sorte, pois recebeu o Rio Branco e acabou perdendo pelo mesmo marcador.

Empurrado por sua torcida, que compareceu em bom número no Ninho do Corvo, o Flamengo começou melhor a partida, pressionando o adversário em busca de abrir o marcador. Porém, bem montado defensivamente, a Itapirense conseguiu segurar o ímpeto do time da casa e o primeiro tempo terminou com o placar de 0 a 0.

Na segunda etapa, o jogo continuou com o mesmo cenário. O Flamengo até tinha domínio da partida, mas não conseguia transformar isto em finalizações. A Itapirense, que claramente foi para Guarulhos em busca de um empate conseguia o seu objetivo. No final da partida, o goleiro do Corvo, Zé Carlos, fez uma falta fora da área e foi expulso, mas a Itapirense não se aproveitou disto nos últimos minutos e a partida acabou com o placar em branco.

Na próxima rodada, a terceira da atual etapa da Segundona Paulista, as duas equipes jogam no sábado, dia 31, às 15 horas. O Flamengo encara o Rio Branco no Estádio Décio Vitta, em Americana, enquanto a Itapirense recebe o Mauá Futebol no Estádio Coronel Francisco Vieira, em Itapira.

Pela Segundona Paulista, Fernandópolis e Guarulhos empatam em 1 a 1

Foto: FPF TV

A partida foi movimentada e terminou com o placar de 1 a 1

Na manhã deste domingo, dia 25, no Estádio Cláudio Rodante, em Fernandópolis, o Fefecê recebeu o Guarulhos, pela segunda rodada do Grupo 14 da terceira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019. O jogo foi movimentado, com chances para ambas as equipes e terminou com o empate em 1 a 1. Murilo abriu o marcador para o time da casa e Douglas Valle empatou para os visitantes.

Na abertura do Grupo 14 da terceira fase, o Guarulhos jogou em casa contra o São José e ficou no empate em 1 a 1. Já o Fefecê enfrentou a Catanduvense, fora de casa, e saiu vitoriosa pelo placar de 1 a 0 e este resultado colocou a equipe na liderança da chave.

Jogando diante de sua torcida, o Fernandópolis iniciou o jogo pressionando o Guarulhos. Esta postura deu certo e o time da casa abriu o marcador aos 7 minutos. Após cruzamento pela direita, Murilo, artilheiro da competição, se antecipou ao zagueiro adversário e de cabela mandou a bola para o fundo das redes.

O Guarulhos acordou com o gol sofrido e equilibrou as ações. As duas equipes se alternavam no ataque, até que aos 36' saiu o gol de empate. Em cobrança de falta pelo lado direito do campo, próximo à linha de fundo, Douglas Valle, de canhota, mandou a bola direto para o gol e o goleiro Gabriel foi surpreendido: 1 a 1 no marcador e foi assim que o primeiro tempo acabou.

Na segunda etapa, o Fernandópolis foi para cima, em busca do segundo gol, enquanto o Guarulhos buscava os contra-ataques. Houve chances para os dois lados, mas nenhuma das equipes conseguiram aproveitar as oportunidades. Assim, o jogo terminou com o placar de 1 a 1.

Na próxima rodada, o Fefecê entra em campo no sábado, dia 31, quando enfrenta o São José, às 19 horas, no Estádio Martins Pereira, em São José dos Campos. Já no domingo, dia 1º, o Guarulhos recebe a Catanduvense, às 10 horas, no Estádio Antônio Soares de Oliveira, em Guarulhos.

Paulo Autuori no Peru

Foto: arquivo Federação Peruana

Paulo Autuori dirigiu a Seleção Peruana entre 2002 e 2005

Técnico vitorioso no Brasil, campeão brasileiro em 1995, pelo Botafogo, e da Libertadores, em 1997, pelo Cruzeiro, e 2005, pelo São Paulo, Paulo Autuori, que está completando 63 anos neste 25 de agosto de 2019 e, atualmente, é gerente de futebol do Santos, teve uma passagem de sucesso pelo futebol peruano no início da década passada, que o fez chegar na seleção do país.

Tudo começou em 2001. Nesta época, ele já havia tido experiências fora do Brasil, mais precisamente em Portugal, onde dirigiu times pequenos na primeira passagem e depois o Benfica, após o título brasileiro com o Botafogo. O treinador desembarcou no Alianza Lima e ele foi muito bem, conquistando o título peruano, quebrando uma sequência de três anos de conquistas do Universitario.

Com o título, ele ficou cobiçado no mercado local e trocou de equipe, causando certa polêmica, já que ele deixou o Alianza Lima para dirigir o rival Sporting Cristal. Apesar das discussões se ele deveria assumir um rival direto, Paulo Autuori teve sucesso mais uma vez e conquistou o bi-campeonato peruano pessoal.

Em alta, com dois títulos nacionais seguidos, a Federação Peruana de Futebol o convidou para dirigir a Seleção, com a missão de tentar levar o Peru para a Copa do Mundo de 2006, algo que não se conseguia desde 1982, com um outro brasileiro: Tim. Além disso, seria o comandante do time que disputaria a Copa América em casa.

Apesar da bela estreia nas eliminatórias, goleando o Paraguai por 4 a 1, em Lima, em 2003, o Peru não ia tão bem nas Eliminatórias. Assim, em 2004, ele passou a renovar a equipe. Primeiro, convocou Farfán, que jogou a Copa América diante da torcida, onde os peruanos caíram nas quartas para a Argentina.

Depois da Copa América, apostou ainda mais na renovação e convocou um centroavante de 20 anos, que, na época, defendia o Bayern de Munique B e que tinha saído do país dois anos antes. O nome dele: Paolo Guerrero, que depois se tornaria o mais importante jogador peruano de sua geração.

"Quando convoquei o Guerrero, ele estava no Bayern B. E eu convoquei mesmo assim. Tomei porrada e ouvi o seguinte: "Como você vai convocar um cara que joga no time B do Bayern?" Aí eu fui duro na resposta: "É lógico que eu vou. A segunda divisão lá é muito mais competitiva do que a primeira aqui no Peru. Só isso". Paolo já mostrava muita qualidade", comentou Autuori em uma entrevista ao Lance!

Apesar disto tudo, Autuori não conseguia colocar o Peru na zona de classificação para a Copa do Mundo e final de março de 2005, após derrota para o Brasil, fora, e empate com o Chile, em casa, ele saiu da Seleção Peruana. O Peru ficou em penúltimo nas Eliminatórias, ao fim, ficando à frente apenas da Bolívia. Já Autuori se deu bem: assumiu um São Paulo que recém conquistou o Campeonato Paulista já montado por Emerson Leão, que foi para o Japão, e conseguiu ser campeão da Libertadores.

sábado, 24 de agosto de 2019

Grupos da segunda fase da Copa Paulista 2019 estão definidos

Com informações do site da FPF


Com direito a muita emoção, Atibaia, Desportivo Brasil e Nacional conseguiram garantir suas classificações nesta última rodada da primeira fase da Copa Paulista, que foi disputada de forma completa na tarde deste sábado (24). As três equipes se juntam a Ferroviária, Linense, Mirassol, Comercial, XV de Piracicaba, Inter de Limeira, Rio Claro, Taubaté, Juventus, Água Santa, Santo André, São Caetano e EC São Bernardo, que já estavam garantidos na segunda etapa.

No Grupo 3, onde haviam duas vagas em aberto, Nacional e Desportivo Brasil conseguiram garantir as suas classificações. O time da capital paulista fez um clássico diante do líder Juventus e venceu pelo placar de 2 a 1, mesmo jogando na Rua Javari. Com isso, a equipe ficou na terceira posição com 13 pontos ganhos. Já o time juventino, apesar da derrota, ficou em primeiro da chave, com 18.

Já o Desportivo Brasil conseguiu a sua classificação mesmo perdendo para o Corinthians por 1 a 0. Isso porque a Portuguesa ficou no empate sem gols com o Taubaté e ficou de fora. Com isso, a equipe de Porto Feliz terminou na quarta colocação com 12 pontos, enquanto a Lusa - eliminada - ficou em sexto com 11, assim como o time alvinegro, que ficou em quinto.

No Grupo 02, por sua vez, quem conquistou a classificação foi o Atibaia. Mesmo jogando fora de casa, a equipe atibaiense visitou e não tomou conhecimento do Rio Claro, tanto que venceu pelo placar de 2 a 0. Com isso, terminou na quarta colocação com 12 pontos. Já o Velo Clube, outro time que brigava pela vaga, ficou no empate com a Inter de Limeira e está eliminada.

Com os resultados, os grupos da segunda fase ficaram os seguintes:

Grupo 5
Ferroviária, Taubaté, EC São Bernardo e Ataibaia

Grupo 6
XV de Piracicaba, Água Santa, Nacional e Mirassol

Grupo 7
Juventus, Comercial, Inter de Limeira e Santo André

Grupo 8
São Caetano, Rio Claro, Linense e Desportivo Brasil

Rio Branco bate o Mauá Futebol por 3 a 1 pela Segundona Paulista

Foto: Marcelo Rocha/O Liberal

Thiago fez um belo primeiro tempo, marcando duas vezes para o Rio Branco

Na tarde deste sábado, no Estádio Décio Vitta, em Americana, o Rio Branco recebeu o Mauá Futebol, pela segunda rodada da terceira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019. O time da casa foi melhor e venceu pelo placar de 3 a 1. Thiago, duas vezes, e Leandro marcaram para o Tigre, enquanto Ronaldo diminuiu para o Índio do ABC.

As duas equipes estrearam de forma distinta na primeira rodada da terceira fase. O Rio Branco encarou o Itapirense, como visitante, e venceu pelo placar de 1 a 0. Já o Mauá Futebol recebeu o Flamengo de Guarulhos em seus domínios e foi derrotado por 1 a 0.

Jogando diante de sua torcida, o Rio Branco foi para cima do Mauá logo nos primeiros minutos e abriu o marcador aos 7'. Em cobrança de falta ensaiada, Bismark ajeitou para Thiago, que bateu forte. A bola desviou na defesa do Índio do ABC antes de balançar as redes. Aos 28', o time da casa fez o segundo: Thiago, novamente, marcou, após ganhar a disputa com o defensor e goleiro adversários. Assim, o primeiro tempo terminou com o placar de 2 a 0 para o Tigre.

Na segunda etapa, o Mauá voltou melhor e chegou a até criar mais algumas chances, mas pecava na finalização. Para piorar, o Rio Branco fez o terceiro aos 40', com Leandro, que encobriu o goleiro em chute de fora da área. O Índio do ABC até diminuiu nos acréscimos, com Ronaldo, mas a partida terminou com a vitória do time da casa por 3 a 1.

Na próxima rodada, o Rio Branco joga novamente no Estádio Décio Vitta, desta vez contra o Flamengo de Guarulhos, no sábado, dia 31, às 15 horas. Já o Mauá Futebol se apresenta fora de seus domínios de novo, contra o Itapirense, no mesmo dia e horário, no Estádio Coronel Francisco Vieira, em Itapira.lendo: https://liberal.com.br/esporte/futebol/tigre-faz-3-vence-em-casa-e-mantem-100-1064401/ - Sede por notícias? Assine O Liberal. Também estamos no Facebook, siga: /Grupoliberalhhhh
Proxima  → Inicio

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações