sábado, 15 de junho de 2019

No confronto de Mogi das Cruzes, União, de virada, leva a melhor sobre o Atlético

Foto: Alexandre Barreira/Alexmar Comunicação

O Atlético fez 2 a 0, mas levou a virada do União, que venceu por 4 a 2

União e Atlético se enfrentaram na tarde deste sábado, dia 15, no Nogueirão, para fazer mais um confronto de Mogi das Cruzes, válido pelo Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019. Apesar das duas equipes já estarem sem chances de classificação na competição, a rivalidade foi colocada a "flor da pele", dentro de campo e quem levou a melhor foi a Serpente, que venceu, de virada, por 4 a 2.

O jogo deste sábado só valia pela rivalidade citadina. Tanto União como o Atlético já estavam eliminados do torneio. O time vermelho de Mogi era o sexto colocado do Grupo 5, com quatro pontos (sendo que perdeu outros quatro no TJD, por escalação irregular) e vinha de derrota, em casa, por 3 a 2 para o São José. Já o time de azul era o sétimo e lanterna da chave, com apenas um ponto conquistado e foi goleado pelo Paulista, fora de casa, na última rodada, por 4 a 0.

Porém, jogo em que envolve rivalidade sempre pode causar surpresas e o Atlético, que ainda não havia vencido no torneio, abriu 2 a 0 com menos de 15 minutos de jogo. Aos 7', num contra ataque rápido puxado por Natanael, pela direita, Vinícius aproveitou a sobra e abriu o placar para o Atlético Mogi. Já aos 11', Natanael dominou uma bola alta, de chaleira, e da intermediária mandou de longe para fazer dois a zero.

Com o placar adverso, o União resolveu acordar e foi para cima e buscou o empate ainda no primeiro tempo. Primeiro com o zagueiro Erick Joe aos 24 minutos aproveitando rebote de escanteio. Depois, aso 27 minutos com Bernardes, que empatou cobrando pênalti sofrido por Lucas. Poderia até ter virado ainda no primeiro tempo, mas o chute de Wágner bateu na trave.

No segundo tempo, o União Mogi veio para cima e virou logo aos 3 minutos com Wágner, que aproveitou cruzamento de Lucas e empurrou para a rede. Com o resultado, o União Mogi recuou, mas o Atlético não teve forças para chegar ao empate e ainda sofreu mais um. A consolidação do placar veio aos 44 minutos da etapa final com Marinho, que invadiu a área e bateu na saída do goleiro.

Com o resultado, o União Mogi foi a 7 pontos no Grupo 5 e ocupa a sexta colocação. O Atlético é o lanterna com 1 ponto. Os dois clubes já estão eliminado da competição. Os dois times voltam a jogar no próximo fim de semana. O União enfrenta o Paulista, de novo em Mogi das Cruzes, domingo, às 10 da manhã. No mesmo dia, o Atlético vai a São José dos Campos encarar o Joseense, no estádio Martins Pereira.

Flamengo de Guarulhos vence Jabaquara e avança na Segundona Paulista

Por Victor de Andrade, direto do Estádio Espanha
Fotos: Victor de Andrade


Anderson cercado por jogadores do Flamengo no início do jogo

Mais um time do Grupo 6 do Campeonato Paulista da Segunda Divisão se garantiu na próxima fase da competição. O Flamengo de Guarulhos encarou o Jabaquara na tarde deste sábado, dia 15, no Estádio Espanha, em Santos, saiu perdendo no primeiro tempo, mas conseguiu vencer pelo placar de 5 a 2. A vitória deu a classificação antecipada para o Corvo. Já o Jabaquara, que só cumpre tabela, ainda não venceu no torneio.

O Flamengo foi a Santos em busca da vitória, que garantiria a classificação para a próxima fase da competição. O Corvo vinha de vitória sobre o Barcelona Capela, na rodada anterior, por 3 a 1. Já o Jabaquara apenas cumpre tabela na competição, onde fez apenas dois pontos, e vinha de derrota para o Guarulhos, fora de casa, por 3 a 0.

O jogo começou com o Flamengo pressionando o Jabaquara, aproveitando-se das falhas da defesa do time da casa no início da partida, utilizando, inclusive da bola área. A partir dos 15 minutos, o Leão da Caneleira 'acordou' e equilibrou a partida. Aos 21', Yuri recebeu na entrada da área, invadiu, mas finalizou por cima do gol, perdendo boa chance para o Jabuca. Aos 27', Joilson cobrou falta com força e obrigou o goleiro do Corvo, Zé Carlos, a trabalhar.

Aos 31', foi a vez do Flamengo chegar com perigo, em chute de Higor Custódio. Em seguida, Thomas arriscou arremate de fora da área, a bola bateu no travessão e na linha do gol defendido pelo Jabaquara, mas não entrou. Já nos acréscimos Bruno Freitas arriscou de fora da área, o goleiro do Jabaquara, Everton, até foi na bola, que tirou tinta da trave e saiu pela linha de fundo. No último lance do primeiro tempo, o Jabaquara abriu o marcador. Yuri foi lançado, invadiu a área e tocou na saída do arqueiro, fazendo com que o Leão da Caneleira fosse para o intervalo em vantagem.

Logo no início do segundo tempo, o Flamengo empatou. Em jogada de escanteio, a bola foi desviada no primeiro poste, Matheus Alves ajeitou de cabeça e Denilson Piauí, sozinho, balançou as redes. No lance seguinte, Denilson Piauí quase vira o marcador, mas Everton salvou o Jabuca. Depois, o jogo diminuiu de ritmo e as duas equipes pouco procuravam o ataque.

Na segunda etapa, o Flamengo foi melhor

Apesar do ritmo mais lento, o Flamengo de Guarulhos conseguiu virar o marcador aos 14 minutos. Pela esquerda, Vinicius Araújo fez um cruzamento na cabeça de Matheus Alves, que não perdoou: 2 a 1 para o Corvo, que quase marcou o terceiro aos 16', com Higor Custódio, mas o goleiro Everton fez a defesa. O Rubro Negro ampliou aos 23', quando em lançamento, Diogo falhou e a bola sobrou para Denilson Piauí, que sozinho só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo das redes.

Aos 26', o Jabaquara teve chance de diminuir com Joilson, mas o goleiro Zé Carlos fez boa defesa. Na jogada seguinte, o Leão da Caneleira fez o segundo. Yuri serviu Mateusinho, que foi até a linha de fundo e rolou para Dener. Ele ainda limpou o zagueiro antes de bater para o gol e marcar. No final da partida, o time da casa foi em busca do empate. Porém, foi o Flamengo que ampliou. Em cobrança de falta, aos 40', Gustavo de Oliveira bateu forte e não deu chance para Everton. Ainda teve tempo para o quinto. De pênalti, Irving deu números finais à partida: Flamengo 5, Jabaquara 2.

O Jabaquara volta a campo no próximo sábado, dia 22, quando encara o Mauaense, às 15 horas, no Estádio Pedro Benedetti, em Mauá. O Flamengo folga no fim de semana e joga apenas na última rodada, enfrentando o o mesmo Mauaense, no dia 30, às 10 horas, no Estádio Antônio Soares de Oliveira, em Guarulhos.

Sereias terminam primeira fase do Paulista goleando a Lusa

Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Jogadoras comemorando um dos gols da partida

As Sereias da Vila não poderiam partir para o merecido descanso sem dar mais um show para a nação santista, né? Na manhã deste sábado (15), o Santos FC não tomou conhecimento da Portuguesa e aplicou uma sonora goleada de 8 a 1 na Vila Belmiro, pela décima (e última) rodada da primeira fase do Campeonato Paulista Feminino de 2019. Os gols santistas foram marcados por Maria Dias, Maria Alves, Leila, Ketlen, Amanda Gutierres, Carol Arruda e Glaucia, duas vezes.

Já classificado e com o segundo lugar do Grupo 2 já garantido, sem conseguir mais alcançar o líder Corinthians, o Santos, que vinha de uma goleada de 8 a 1 sobre o Juventus, fora de casa, poupou algumas titulares na partida deste sábado. Já a Portuguesa, que não tinha mais chances de avançar de fase, empatou com o Taubaté, no Canindé, em 1 a 1, na última rodada.

Logo no primeiro minuto de jogo, o Santos FC chegou bem com Maria Alves pela direita. A camisa 5 recebeu dentro da área, passou pela marcação, mas acabou mandando pra fora. No lance seguinte, Maria Dias recebeu cruzamento, dominou no peito e acertou a trave direita da goleira Letícia, da Portuguesa.

Aos 12 minutos, porém, a Lusa do Canindé não aguentou a pressão. Após tabela com Katielle, Maria Dias avançou pela esquerda e bateu cruzado para fazer 1 a 0 na Vila Belmiro. Mesmo com o placar aberto, as Sereias da Vila seguiram melhores e ampliaram dois minutos depois, quando Glaucia aproveitou roubada de bola no meio para ajeitar e mandar colocado, no ângulo, fazendo um golaço para o Peixe. Aos 20, a lateral-direita Leila fez o que quis com a marcação, entrou na área e cruzou rasteiro para Maria Alves chegar batendo firme, anotando o terceiro das Sereias.

Só um time jogava na Vila Belmiro. Aos 28, Glaucia recebeu no meio, avançou e arriscou de longe. A bola passou raspando a trave direita da goleira Letícia. Sete minutos depois, Leila cruzou da direita e Sochor cabeceou firme para o gol. Mas a arqueira da Lusa fez uma ótima defesa e impediu o quarto. No ataque seguinte, porém, Letícia não conseguiu salvar. Após receber passe de Sandrinha, Leila tocou por cima da goleira, colocando 4 a 0 no marcador. Aos 43, ainda sobrou tempo para Glaucia driblar duas marcadoras com extrema facilidade e encobrir Letícia, fazendo mais um golaço na Vila. O segundo dela e quinto do Santos FC.

A segunda etapa seguiu com as Sereias dominando. Aos 4 minutos, Leila cobrou escanteio curto, Kelly bateu de primeira e quase fez outro lindo gol na Vila. Já aos 10, Katielle recebeu de Alanna na esquerda e cruzou rasteiro para Ketlen desviar de primeira, anotando o sexto do Peixe.

Mesmo com a vitória e a goleada, a pressão santista continuou gigantesca. Aos 22, Alanna arriscou de longe e Letícia salvou a Portuguesa. Quatro minutos depois, Amanda Gutierres recebeu de Angelina dentro da área, passou pela marcação e encheu o pé para mandar no ângulo, colocando 7 a 0 no placar da Vila Belmiro.

Já aos 37, a zagueira Carol Arruda se arriscou no ataque e arriscou um chutaço de fora de área. A bola foi direto para gol e ainda bateu no travessão antes de estufar as redes, anotando o oitavo das Sereias. Aos 42 minutos, a atacante Lins descontou para a Portuguesa em cobrança de pênalti, mas a goleada santista já estava decretada.

Já classificadas para a sequência da competição, as comandadas de Emily Lima fecharam a parte inicial do Paulistão na segunda colocação do grupo 2, com 24 pontos conquistados. Agora, o elenco do Peixe terá 10 dias de folga e retorna aos treinos no próximo dia 25. As Sereias só voltam oficialmente aos gramados a partir de 9 de julho, quando o Brasileiro Feminino voltará a ser disputado após a pausa para a Copa do Mundo Feminina. O Paulistão, por sua vez, iniciará sua segunda fase apenas em agosto. Já a Lusa não tem mais calendário, ao menos oficial, no ano de 2019.

Meia-atacante do Novorizontino ressalta importância de decidir a vaga em casa na Série D

Foto: Gustavo Ribeiro/Novorizontino

Elvinho acredita que decidir em casa seja uma vantagem para o Novorizontino

O Novorizontino é um dos representantes paulistas na segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D. O meia-atacante Elvinho, um dos artilheiros do time de Novo Horizonte, destacou a importância de decidir a vaga diante do seu torcedor.

Líder do Grupo A14 após a primeira fase, o Novorizontino encara o Boavista-RJ na segunda etapa do Campeonato Brasileiro da Série D. Por ter finalizado na primeira colocação de sua chave, o clube de Novo Horizonte tem a vantagem de fazer a segunda partida no Estádio Dr. Jorge Ismael de Biasi.

“A importância de decidir em casa é fundamental, pois o apoio da torcida faz a diferença. Sabemos que conseguir um resultado positivo no primeiro jogo fora de casa ajuda muito, pois aí podemos decidir com mais tranquilidade”, disse o meia-atacante Elvinho.

Titular nos dois primeiros jogos, Elvinho retornou ao time titular apenas na última rodada por conta de uma lesão. O meia-atacante é o artilheiro do Novorizontino com dois gols, mesmo número de Carlão, Leonardo e Cléo Silva, outros goleadores novorizontinos.

O jogador fez uma projeção do primeiro encontro diante do Boavista-RJ, marcado para o domingo (16), às 15h30, no Estádio Elcyr Resende, em Saquarema, no Rio de Janeiro. “Será um jogo difícil e mata-mata é outro campeonato. O Boavista é um time muito qualificado, com jogadores experientes e temos que trabalhar bastante para essa próxima decisão”, completou Elvinho.

Juliano projeta reencontro do Hercílio Luz com o Brusque em decisão na Série D

Foto: divulgação Hercílio Luz

Juliano, do Hercílio Luz, crê em bons confrontos contra o Brusque

A Série D do Campeonato Brasileiro teve, no final de semana, seus confrontos definidos para a fase de mata-mata. Classificado na segunda posição do Grupo A14, com nove pontos somados, o Hercílio Luz encara o Brusque em busca da vaga para as oitavas de final.

O adversário é conhecido do meia Juliano, que enfrentou a equipe no Campeonato Catarinense deste ano e na final da Copa Santa Catarina, em novembro do ano passado, quando perdeu nos pênaltis o título. “Mais do que nunca queremos vencer o Brusque. A derrota nos pênaltis na final do ano passado ainda está entalada na garganta. Infelizmente naquela oportunidade saímos derrotados por detalhes. Dessa vez tem que ser diferente. Vamos lutar mais e estar ainda mais concentrados para conseguir a classificação. Serão dois jogos muito importantes para todos nós jogadores, comissão técnica e diretoria”, destacou o atleta, que está desde 2018 no clube.

Apesar da perda do título para o Brusque, Juliano também carrega boas lembranças contra a equipe. No estadual deste ano, foi dele o gol no empate de 1 a 1, ainda na segunda rodada da competição. O Bruscão fez uma boa campanha no certame.

Confiante, o meia projeta o primeiro dos dois jogos decisivos. “É uma decisão de 180 minutos, a gente sabe que a partida desse final de semana é fundamental, até porque será na nossa casa. Mas nada será definido agora. Acredito que serão dois jogos muito disputados e equilibrados, por isso a atenção precisa ser ainda maior. Estamos trabalhando bem ao longo da semana para fazer uma grande partida no domingo”, finalizou.

O primeiro confronto entre Hercílio Luz e Brusque acontece no domingo (16), às 16h, no estádio Aníbal Costa.

sexta-feira, 14 de junho de 2019

Brasil desencanta no segundo tempo e vence a Bolívia na abertura da Copa América

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Philipe Coutinho fez os dois primeiros gols do Brasil no jogo

Com dois gols de Philipe Coutinho e um de Everton 'Cebolinha', a seleção brasileira estreou com vitória por 3 a 0 diante da Bolívia na Copa América. O duelo aconteceu na noite desta sexta-feira, no Estádio do Morumbi, em São Paulo.

O primeiro tempo foi equilibrado. A seleção brasileira, jogando de camisa branca, teve a posse de bola, mas acabou sendo anulada pela equipe boliviana. As principais oportunidades foram com Thiago Silva. O zagueiro teve duas chances de marcar. Na mais perigosa, Lampe fez a defesa no susto.

Fora as tentativas de Thiago Silva, o Brasil não conseguiu produzir como queria. A Bolívia recuou com os 11 jogadores e não deu espaço para a seleção de Tite contragolpear. Richarlison se movimentou bem, buscou o jogo, mas não conseguiu a infiltração para assustar Lampe.

No segundo tempo, o panorama mudou. Logo no minuto inicial, o árbitro marcou pênalti, após consultar o VAR, de Jusino, que cortou com a mão o cruzamento de Richarlison. Philipe Coutinho foi para a cobrança e mandou para o fundo das redes.

E não parou por aí. O Brasil aproveitou o momento e foi para cima. Após boa jogada de Firmino, a bola foi na cabeça de Coutinho, que só desviou para fazer o segundo, aos sete minutos. O jogo, porém, voltou a cair de produção.

Aos 39 minutos, no entanto, Everton entrou em campo e chamou a responsabilidade. O jogador do Grêmio recebeu pelo lado esquerdo, cortou para o meio e chutou com categoria, sem chances para Lampe. Após o gol, o Brasil apenas administrar a vantagem para estrear na Copa América com o pé direito.

As duas equipes voltam a campo na próxima quinta-feira, dia 18. A Bolívia joga contra Peru no Maracanã, no Rio de Janeiro, às 18h30. Já o Brasil terá pela frente a Venezuela na Arena Fonte Nova, em Salvador, às 21h30.

Usac vence o Barcelona Capela de virada e garante classificação na Segundona

Com a colaboração de Genilton Lucas (informações e foto)

O Barcelona Capela surpreendeu no início e fez um gol com 8 minutos

O União Suzano já está garantido na próxima fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019. Em partida realizada na noite desta sexta-feira, dia 14, no Estádio Francisco Marques Figueira, em Suzano, o Barcelona Capela até saiu na frente, mas o Usac virou e conquistou a vitória pelo placar de 3 a 2, o que já garante a classificação antecipada na competição.

Líder do Grupo 6, com 18 pontos, o União Suzano foi a campo para tentar já se garantir na segunda fase da competição. A equipe vinha de um empate em 0 a 0 com o Mauá FC na última rodada. Já o Barcelona Capela, antes do início do jogo, era o sexto da chave, com sete pontos, não havia pontuado no returno, vinha de uma derrota, em casa, por 3 a 1, contra o Flamengo de Guarulhos, e jogava suas últimas fichas em uma chance mínima de avançar para a próxima etapa.

Estreando o treinador João Paulo Afonso, que substituiu Murilo Souza no início da semana, o Barcelona surpreendeu o time da casa no início do jogo e abriu o marcador aos 8 minutos, com Wesley. Aos 11', o Elefante da Capital perdeu uma grande chance de ampliar, em novo lance de Wesley, desta vez de cabeça.

Aos poucos, o União Suzano, buscando o empate, foi dominando as ações e procurando o ataque. Porém, bem postada, a defesa do Barcelona Capela conseguia segurar o ímpeto do adversário e ainda assustava quando tinha a bola. Porém, já nos acréscimos, o Usac teve uma série de escanteios a seu favor e, aos 49', a equipe chegou ao empate com Silva, em um belo chute de primeira. Assim, o primeiro tempo terminou com o placar de 1 a 1.

Na segunda etapa, o Barcelona passou a atacar mais, já que precisava da vitória para manter chance de classificação. Isto deixou espaços para o Usac, que conseguiu fazer o segundo aos 11 minutos, com o artilheiro Vitor Santiago. Aos 23', veio o terceiro do time da casa. Após cobrança de falta, o zagueiro Augustinho ampliou a vantagem para o União Suzano.

O Barcelona buscou a reação, indo ao ataque e conseguiu diminuir aos 43 minutos. O árbitro marcou pênalti, que foi cobrado com perfeição por Félix. Nos acréscimos, o Elefante Paulistano até tentou o empate, mas o Usac conseguiu segurar a vitória, que deu a classificação antecipada à segunda fase do campeonato.

Na próxima rodada, o Barcelona Capela, que agora não tem mais chances de classificação, encara o Mauá FC na próxima sexta-feira, dia 21, às 15 horas, na Rua Javari, em São Paulo. Já o União Suzano joga contra o Guarulhos no dia 23, domingo, às 10 horas, no Estádio Antônio Soares de Oliveira, em Guarulhos.

Inglaterra vence a retranca Argentina na Copa do Mundo Feminina

Foto: Getty Images.com/Fifa.com

A Argentina tentou aplicar a retranca, mas sua defesa foi vazada

A Inglaterra conquistou a sua segunda vitória na Copa do Mundo Feminina de 2019, que está sendo realizada na França. Jogando no Stade Océane, em Le Havre, nesta sexta-feira, dia 14 o time inglês encarou a retranca da Argentina, teve muitas dificuldades, mas conseguiu o triunfo de 1 a 0, com gol marcado por Jodie Taylor no segundo tempo, ficando em primeiro no Grupo D.

Na primeira rodada da chave, a Inglaterra teve o clássico britânico, contra a Escócia, e venceu pelo placar de 2 a 1. Já a Argentina aplicou uma forte retranca contra o favorito Japão e conseguiu segurar o empate em 0 a 0, marcando o seu primeiro ponto na história do torneio.

Como deu certo no jogo anterior, a Argentina, novamente franca-atiradora, jogou na retranca, tentando os contra-ataques puxados por Estefania Banini, que sempre procurava a centroavante Sole Jaimes. Porém a meia da Albiceleste não estava em uma boa jornada e a bola raramente chegou à camisa 9 do time sul-americano. Porém, na primeira etapa, as inglesas também não conseguiram furar a retranca adversária e a partida foi para o intervalo com o placar de 0 a 0.

No segundo tempo, o jogo apresentava a mesma característica. Porém com o passar do tempo, a Argentina foi cansando e a Inglaterra passou a achar os espaços, até que aos 17 minutos, após bela jogada, Jodie Taylor apareceu sozinha na área para marcar o único gol do jogo. Após o tento, as inglesas até tiveram chances para ampliar, mas perderam as oportunidades. Mas como a Albiceleste pouco conseguiu fazer, a vitória ficou com o time europeu.

A última rodada do Grupo D está marcada para a próxima quarta-feira, dia 19, com os jogos sendo realizados às 16 horas no horário de Brasília. No Stade de Nice, a Inglaterra disputa o primeiro lugar da chave com o Japão. Já no Parc des Princes, em Paris, a Argentina joga as suas últimas fichas contra a Escócia.

Ferroviária anuncia contratação de zagueiro para sequência da Série D

Foto: Jonatan Dutra/Ferroviária SA

Everton Dias defendeu o Nacional no Paulista da A2

Classificada à segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D, a Ferroviária, que vai encarar o Cianorte, reforça o seu elenco de olho na sequência da competição. A novidade no elenco afeano é a chegada do zagueiro Everton Dias, ex-Nacional.

O defensor, de 24 anos, disputou a Copa São Paulo de Futebol Júnior, em 2015, pela Inter de Limeira, mesmo ano em que defendeu o Nacional na Copa Paulista, em sua primeira experiência no futebol profissional.

De lá para cá, o zagueiro, natural de São Paulo, coleciona passagens por Juventus, Portuguesa, CRB-AL, Novoperario, Sport de Recife e novamente Nacional, onde disputou o Paulistão A2 Sicredi da atual temporada e não teve muito sucesso, já que a equipe foi rebaixada.

Everton Dias já passou pelos exames médicos, saiu no BID e está á disposição do técnico Vinicius Munhoz e terá a concorrência de de Luis Felipe, Luis Gustavo, Luiz Felipe e Raniele no mata-mata. A Ferroviária volta a campo para encarar o Cianorte-PR no sábado (15), às 17h, na Arena da Fonte, em Araraquara.

Brasileiro Feminino Sub-18: confira o regulamento e grupos do torneio

Com informações do site oficial da CBF


A Diretoria de Competições da CBF divulgou, nesta quarta-feira (12), o regulamento específico do Campeonato Brasileiro Feminino Sub-18 de 2019. Em sua edição de estreia, o torneio faz parte do novo calendário do futebol revelado no início do ano, que garante mais disputas para o futebol feminino e as categorias de base. 

Terão condição de jogo as atletas nascidas a partir de 2001, com idade mínima de 14 anos completos no momento da solicitação de registro. O campeonato será dividido em quatro fases: em um primeiro, os 24 clubes classificados serão divididos em seis grupos (de A a F), com quatro equipes cada. Classificam-se para a fase seguinte os primeiros colocados de cada chave e os dois melhores segundos colocados no geral. Todos os clubes jogarão entre si, em turno e returno dentro do próprio grupo.

Já na segunda fase, os oito clubes classificados formarão novos grupos de quatro equipes cada, conforme sorteio a ser realizado na sede da Confederação Brasileira de Futebol. Os jogos serão em sede e turno únicos; as duas melhores equipes de cada fase avançam às semifinais. A semifinal terá confrontos de ida e volta, de caráter eliminatório, cujos vencedores irão avançar para a grande decisão.

A tabela completa de jogos será publicada até o dia 19 de junho de 2019.

Confira os grupos do Campeonato Brasileiro Feminino Sub-18 2019:

Grupo A - 12 a 23 de julho, em Caçador (SC)
Atlético-MG, Foz/Athletico-PR, Avaí/Kindermann-SC e Santos 

Grupo B - 08 a 19 de julho, em Flores da Cunha (RS)
Chapecoense, Corinthians, Ferroviária-SP e Internacional

Grupo C - 08 a 19 de julho, em Bálsamo (SP)
Botafogo, Cruzeiro, Ponte Preta e São Paulo

Grupo D - 08 a 19 de julho, em Brasília (DF)
Bahia, Fluminense, Minas ICESP-DF e Palmeiras

Grupo E - 08 a 19 de julho, em Recife (PE)
Flamengo, São Francisco-BA, Vitória-BA e Vitória-PE

Grupo F - 08 a 19 de julho, Belém (PA)
Iranduba, Paysandu, Pinheirense-PA e Vasco da Gama
Proxima  → Inicio

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações