sábado, 20 de julho de 2019

Cruzeiro garante acesso no Brasileiro Feminino com vitória sobre o Ceará

Foto: Igor Sales/Cruzeiro

A vitória por 2 a 1 garantiu o acesso ao Cruzeiro

A equipe feminina do Cruzeiro venceu o Ceará, por 2 a 1, neste sábado, no Sesc Venda Nova e garantiu o acesso à elite do futebol feminino em 2020. Agora a equipe celeste disputará as semifinais do Brasileiro A-2. Os gols foram marcados por: Thayane e Janaína.

Com a vantagem de 2 a 0 no placar, conquistada fora de casa no jogo de ida, o Cruzeiro começou a partida sem desespero. Aos 23 minutos, Micaelly recebeu lançamento pela direita, invadiu a área e tocou para Miriã que finalizou para a defesa da goleira. Aos 30, Micaelly recebeu pela esquerda e tocou para Thayane que finalizou por cima. Aos 33, Isabela lançou Micaelly que dominou e ajeitou para bater com a esquerda e novamente a goleira defendeu.

Outra grande chance de gol aconteceu aos 36 minutos. Vanessa arriscou de longe e a goleira salvou o Ceará. Aos 42 minutos, Pires abriu o placar após cobrança de escanteio, mas a arbitragem anulou marcando impedimento. Um minuto depois, Thayane recebeu de frente para o gol, mas a goleira salvou.

O Cruzeiro voltou com tudo para a etapa final. Aos 10 minutos, Thayane recebeu passe de Janaína e mandou para o fundo do gol: 1 a 0. O segundo saiu aos 20 minutos. Duda fez bela jogada e tocou para Janaína estufar as redes da goleira: 2 a 0.

As adversárias diminuíram aos 42 minutos, em uma jogada duvidosa ignorada pela arbitragem. Dois minutos depois quase saiu o terceiro da Raposa. Micaelly recebeu de frente para o gol, mas a goleira pegou a finalização.

Na semifinal, as Cabulosas enfrentam o Grêmio nos dois próximos finais de semana. O primeiro confronto será em Gravataí-RS, já a volta acontece no Sesc Venda Nova, em Belo Horizonte. A CBF ainda vai confirmar as datas das partidas.

Grêmio empata com o América Mineiro e conquista o acesso no Brasileiro Feminino

Foto: Jéssica Maldonado / Grêmio FBPA

Jogadoras do Grêmio comemoram após o apito final

A tarde deste sábado ficará na memória das Gurias Gremistas. Diante da torcida, que lotou o pavilhão principal do Estádio Vieirão, em Gravataí, elas seguraram um empate sem gols com o América-MG e conquistaram o acesso para disputar o Campeonato Brasileiro Feminino A1 em 2020. A partida, além de valer a ascensão, classificou o Grêmio para as semifinais do Brasileiro A2.

Mesmo com a vantagem adquirida no jogo de ida, em um 2 a 1 em Belo Horizonte, o Grêmio buscava a vitória. A técnica Patrícia Gusmão entrou em campo com a mesma formação da partida de ida, com Lorena; Jissele, Bicê, Beta e Juju; Tchula, Katrine, Gabizinha e Pri Back; Carlinha e Karina.

No primeiro tempo, o Tricolor teve dificuldade de criar jogadas, enfrentando uma forte marcação da equipe do América-MG. Pelo lado esquerdo de ataque, surgiram as maiores oportunidades, mas sem sucesso na finalização. Karina teve chance aos 27, ao receber de Gabizinha, mas esbarrou na marcação ao tentar driblar e não conseguiu a finalização. No fim do primeiro tempo, as visitantes levaram perigo para Lorena que precisou fazer duas intervenções, em dois chutes seguidos.

Após o intervalo, logo no início do segundo tempo, o Grêmio foi novamente surpreendido, com uma cobrança de falta na entrada na área, mas que passou por cima do gol. Dois minutos depois, após um erro na troca de passes, Lilian ficou cara a cara a Lorena, mas chutou cruzado para fora. Depois, as Gurias Gremistas dominaram o jogo, criando mais chances que o América-MG, como a de Karina, que encobriu a goleira aos 15, mas a bola esbarrou no travessão. 

A técnica Patrícia Gusmão fez as três substituições no decorrer da etapa complementar, com Bruna Flôr no lugar da lateral Juju, Rafa Ancheta por Carlinha, e Andressinha, no ataque, substituindo Karina, transformando a equipe em um 3-5-2. Quase no fim de jogo, Katrine recebeu na área e teve a melhor chance, mas mandou por cima do gol. Final: Grêmio 0x0 América-MG, com as Gurias Gremistas na Série A1 em 2020.

Após o apito final, atletas, comissão e diretoria comemoraram a conquista do grande objetivo da temporada com a torcida, que empurrou as gurias durante todo o jogo. Agora, a equipe vai em busca da classificação para a final da competição. No próximo fim de semana, enfrenta o Cruzeiro no Vieirão - as datas serão confirmadas pela CBF nos próximos dias.

Mesmo com derrota para o Itabaiana, Ituano conquista acesso para a Série C

A derrota por 1 a 0 não tirou o acesso do Ituano (foto: Globo Esporte.com)

O Ituano está na Série C do Campeonato Brasileiro de 2020. O único representante paulista que ainda segue vivo na Série D passou pelo Itabaiana nas quartas de final. Depois de vencer o jogo de ida por 3 a 1, time rubro-negro acabou perdendo para os sergipanos neste sábado (20) por 1 a 0, no Estádio Etelvino Mendonça, em Itabaiana, mas levou a melhor no placar agregado e além do acesso, confirmou vaga nas semifinais.

O novo adversário do Ituano será decidido apenas depois do fim de todos os jogos das quartas de final. Isso porque, na semi, assim como aconteceu nas quartas de final, os confrontos serão definidos por campanha geral. A última boa campanha do time paulista na Série D havia sido em 2016, quando foi eliminado nas quartas de final pelo CSA.

Jogando em casa e precisando do resultado, o Itabaiana começou a partida indo para cima e fazendo pressão na área adversária. Tanto que não demorou para abrir o placar. Logo aos sete minutos, após um escanteio cobrado na área, Luiz Paulo se antecipou dos zagueiros e testou firme para o fundo das redes, sem chances para o goleiro adversário. A resposta do Ituano veio aos 10 quando em um contra-ataque, Claudinho recebeu na entrada da área e chutou, mas parou em uma bela defesa de Andrade.

À partir daí, o Itabaiana voltou a comandar as jogadas de perigo do duelo e o goleiro Pegorari foi obrigado a fazer três difíceis defesas para salvar o time paulista. A melhor delas veio aos 40 minutos. David cobrou falta da intermediária e obrigou o goleiro do Ituano a se esticar todo para fazer a defesa. Até por conta disso, o primeiro tempo terminou mesmo com a vitória parcial dos donos da casa.

Na volta do intervalo, a partida seguiu movimentada, com o Itabaiana fazendo pressão para chegar ao segundo gol e levar a decisão para os pênaltis e o Ituano se defendendo, e tentando responder em contra-ataques rápidos e bolas alçadas na área. Em um desses lances, aos 22 minutos, Peri arriscou de longe e por muito pouco não deixou tudo igual no placar, assustando o goleiro Andrade que só acompanhou a bola sair por cima do gol.

Nos minutos finais, o Itabaiana foi para o tudo ou nada e passou a arriscar chutes de qualquer lugar do campo, mas sem sucesso. Enquanto isso, o Ituano seguiu se defendendo e contando com boas defesas do goleiro Pegorari. Até por conta disso, a partida terminou mesmo com o placar de 1 a 0 para os donos da casa, mas por ter vencido o jogo de ida por 3 a 1, o Ituano ficou com o acesso.

8 a 0! Paulista 'atropela' Usac fora de casa

Foto: Gustavo Amorim/Paulista FC

Paulista dominou o adversário e goleou por 8 a 0

O calvário do União Suzano na segunda fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019 continua. Jogando no Estádio Francisco Marques Figueira, o Suzanão, o Usac recebeu o Paulista de Jundiaí, na noite deste sábado, dia 20, e foi goleado pelo placar de 8 a 0. João Paulo, Nenê, Edinan (2x), Jefferson, Mateus Pituca e Gustavo (2x) marcaram os gols do Galo.

Antes do início da rodada, o Paulista havia feito três pontos em dois jogos pelo Grupo 11 da segunda fase da competição e vinha de uma vitória sobre o Tupã, em casa, pelo placar de 2 a 1. Já o Usac vem mal, já que perdeu boa parte de seu elenco ao fim da primeira fase por falta de pagamento e não pontuou na atual etapa da competição, vindo de derrota em casa para o Catanduvense por 2 a 0.

Sabendo das dificuldades do time da casa, o Paulista foi para cima e abriu o marcador com 1 minuto, gol marcado por Joaquim. Edinam, de pênalti, aos 11', fez o segundo, e Mateus, aos 16', marcou o terceiro. O Galo não diminuiu o ritmo e fez o quarto aos 34', com Jefferson, e Nenê, aos 38', fez o último gol dos visitantes no primeiro tempo: 5 a 0 para o Paulista.

O Galo diminuiu o ritmo no início da segunda etapa, passando a controlar mais as ações. Quando a equipe começou a fazer as substituições, os gols voltaram a sair. Aos 31 minutos, Edinam fez o seu segundo na partida, o sexto dos visitantes. Aos 40', Guga fez o sétimo e aos 45' o mesmo Guga deu números finais ao embate: Paulista 8, Usac 0.

Com a vitória, o Paulista está na segunda colocação da chave, agora com seis pontos. Já o Usac continua zerado. As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo sábado, dia 27, às 15 horas, no Estádio Jaime Cintra, em Jundiaí.

Manaus supera Caxias e comemora acesso para a Série C

Foto: Yago Frota/GDC

Jogadores comemoram com Rossini o segundo gol da partida

O Manaus-AM é o primeiro time a garantir vaga na Série C 2020. Neste sábado (20), o Gavião do Norte festejou a classificação diante de seu torcedor na Arena Amazônia, em Manaus, ao virar o confronto com o Caxias, pelas quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série D de 2019. Após ser derrotado no jogo de ida, por 1 a 0, o time manauara reverteu a desvantagem dentro de casa, venceu por 3 a 0 e garantiu vaga na semifinal.

Nem mesmo o forte sol de sábado foi capaz de conter os ânimos do torcedor amazonense que compareceu em massa na Arena da Amazônia. Foram registrados 44.121 mil torcedores e uma renda de R$ 635.020,00. O público e a renda foram recorde para a Série D. Em público, o jogo superou até mesmo os quatro jogos da Copa do Mundo de 2014, realizados na capital amazonense. O maior público do mundial foi Honduras e Suíça com pouco mais de 40 mil espectadores.

Com recorde de público da atual edição da Série D (44.121 torcedores), o Manaus recebeu o Caxias para o duelo decisivo pelo acesso. O apoio vindo das arquibancadas animou os donos da casa, que criaram as principais chances de gol do primeiro tempo. Apesar do maior volume de jogo do Manaus, as equipes foram para o intervalo zeradas.

No segundo tempo, o Caxias ficou muito perto de abrir o marcador aos seis minutos, mas Taiberson acertou o travessão. Após o susto, o Manaus voltou a controlar as ações da partida e balançou as redes aos 25 minutos com Rossini. Decisivo, o camisa 10 repetiu a dose aos 39 minutos, 2 a 0. Já nos acréscimos, Matheus Oliveira sacramentou a vitória por 3 a 0 e garantiu a festa do acesso para a torcida manauara.

Sereias goleiam Vitória das Tabocas no Ulrico Mursa

Com informações do Santos FC
Foto: Flavio Hopp

As Sereias não tomaram conhecimento do time pernambucano em Ulrico Mursa

As Sereias da Vila, time feminino do Santos Futebol Clube, ganharam mais uma partida no Brasileirão Feminino de 2019. As alvinegras golearam o Vitória das Tabocas, de Pernambuco, por 4 x 0, em Ulrico Mursa, na tarde deste sábado, dia 20. Agora, as santistas lideram o campeonato, passando o Corinthians no saldo de gols. O jogo foi válido pela 13ª rodada.

As Sereias foram melhor no jogo desde o inicio, porém só conseguiram criar chances a partir dos 25 minutos. Naquele momento, Ketlen achou Villamizar livre na área e a camisa 14 mandou para as redes, abrindo o marcador em Ulrico Mursa. As Sereias tiveram chances de ampliar, mas só aos 37', Maurine marcou o segundo gol alvinegro, dando tranquilidade as santistas e fechando o placar do primeiro tempo.

Na etapa final, o Santos seguiu dominando o jogo. Depois de mexidas de Emily Lima, que fez três alterações aos 15 minutos, as santistas ampliaram a vantagem. Aos 16', Gláucia levantou e Maria Alves cabeceou para o fundo do gol, marcando um golaço de cabeça e praticamente garantindo o triunfo santista. O Vitória até tentou reagir, mas acabou levando mais um, no apagar das luzes, quando aos 42', Sole Jaimes aproveitou sobra de bola e deu números finais ao duelo.

Na próxima rodada, as santistas jogam novamente em casa, no Ulrico Mursa, contra o Audax, no próximo domingo (28), as 15 horas. Já o Vitória duela também em casa, no Barbosão, contra o Sport, no mesmo horário.

São Paulo faz 3 a 0 no Taubaté e garante acesso no Brasileirão Feminino

Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC

Comemoração das jogadoras do São Paulo com o acesso

Era tudo ou nada para o São Paulo no Campeonato Brasileiro Feminino A2. Neste sábado (20), o Tricolor entrava em campo em busca da virada no placar para garantir uma vaga nas semifinais do torneio e o tão sonhado acesso, contra o Taubaté. Com apoio do torcedor, no Pacaembu, raça e gols de Bruna, Ary e Valéria, o São Paulo fez 3 a 0 está na primeira divisão, assim como na próxima fase.

Após perder em Taubaté por 1 a 0 para o time da casa, o São Paulo precisava vencer por um gol de diferença para levar o duelo para os pênaltis ou por mais gols de diferença para avançar direto. O técnico Lucas Piccinato escalou o mesmo time do primeiro jogo: Carla, Bruna, Thais, Rayane, Natane, Cris, Yaya, Ary, Jaqueline, Ottilia e Valéria.

Se o time era o mesmo da última semana, a postura era completamente outra. Com o apoio da torcida no Pacaembu, as atletas mostravam que não teria bola perdida desde o primeiro minuto. Depois de boas chances disperdisadas, aos 19 minutos Ottilia caiu na área. Pênalti. Bruna cobrou e deixou o débito quitado.

Quando parecia que o primeiro tempo acabaria 1 a 0, Ary fez mais um. Jaqueline afastou a bola na defesa e lançou para Valéria, que ganhou na corrida e cruzou limpo para a camisa 10 ampliar, para delírio da torcida. O time voltou com a mesma formação e mesmo espírito vencedor para o segundo tempo. 

Com o time do Taubaté saindo para o jogo, o Tricolor criava espaços e buscava o terceiro gol. Ottilia, Larissa, que entrou no segundo tempo, tiveram chance, porém, Valéria, que amadurecia o gol desde o primeiro tempo, deixou o seu aos 31 minutos, decretando a vitória maiúscula do São Paulo. Parabéns, atletas, bem vindas à Série A1.

Na semifinal o São Paulo encara o vencedor de Palmeiras x Chapecoense, que fazem a segunda partida neste domingo. Datas e horários dos jogos da próxima fase ainda serão definidos pela CBF. Na primeira partida, em Chapecó, o Palmeiras venceu por 2 a 0.

Pela Copa Paulista, São Caetano vence o EC São Bernardo

Foto: Brendow Felipe/EC São Bernardo

São Caetano acabou derrotando o Cachorrão em pleno 1º de Maio

O EC São Bernardo tentou, mas não conseguiu sair com a vitória, do Estádio 1° de Maio, neste sábado, dia 20. O time perdeu para o São Caetano, por 2 a 1, pela quinta rodada da Copa Paulista (última do primeiro turno), e permaneceu com seis pontos no Grupo 4, com a garantia que fica no pelotão da frente ao fim da rodada. O adversário lidera a chave com 13 pontos.

As duas equipes vinham de vitória na rodada anterior. O São Caetano, em casa, havia batido o Santo André pelo placar de 2 a 0. Já o Cachorrão foi até Águas de Lindóia, onde encarou a Ponte Preta, e venceu também pelo placar de 2 a 0.

Dentro de campo, as duas equipes iniciaram tentando manter a posse de bola. Enquanto o Cachorrão apostava em jogadas trabalhadas por baixo, o Azulão explorava a velocidade de seus atacantes. Com isso, Emerson assustou em chute para fora para o EC São Bernardo, e Jeferson Maranhão, da mesma forma, para o São Caetano.

Na segunda etapa, as redes balançaram. Primeiro com Gleyson, aos 13 minutos, que aproveitou cruzamento para abrir o placar de cabeça ao adversário. O Cachorrão, porém, não desistiu e empatou, de pênalti, com Johnny, aos 21'. No entanto, o rival também teve penalidade e marcou o segundo. Gleyson fez outro para o São Caetano, aos 36'. No fim do jogo, Wesley teve ótima chance, de cabeça, mas o goleiro adversário defendeu, decretando o 2 a 1 no resultado.

Os dois times voltam a campo no próximo sábado, às 15 horas, pela sexta rodada. O EC São Beranrdo recebe o Água Santa, no 1º de Maio, em São Bernardo do Campo, enquanto o São Caetano enfrenta a Ponte Preta, no Municipal Leonardo Barbieri, em Águas de Lindóia.

Juventus bate Nacional e dispara na ponta do Grupo 3 da Copa Paulista

Foto: Ale Vianna/CA Juventus

Juventus bateu o Nacional e abriu vantagem na ponta do Grupo 3 da Copa Paulista

Em partida realizada na tarde deste sábado, dia 20, no Estádio Nicolau Alayon, em São Paulo, o Nacional recebeu o Juventus pela quinta rodada da primeira fase da Copa Paulista de 2019. O Moleque Travesso levou a melhor, venceu pelo placar de 2 a 1 e disparou na ponta do Grupo 3 da competição.

Em primeiro lugar da chave, com nove pontos, o Juventus vinha de uma vitória por 1 a 0 sobre a Portuguesa, na Rua Javari. Vice-líder, com um ponto a menos, o Nacional havia empatado com o Corinthians, em Osasco, na última rodada, pelo placar de 1 a 1.

Jogando em seus domínios e querendo vencer para assumir a liderança da chave, o Nacional quis pressionar o Juventus logo nos primeiros minutos. Porém, o Moleque Travesso, bem postado em campo, equilibrou as ações e conseguiu abrir o placar antes do fim da primeira etapa. Aos 42', após um cruzamento da direita, Thiaguinho apareceu livre para pegar o rebote e bater cruzado para o fundo das redes.

O gol fez com que o Juventus voltasse embalado para a segunda etapa e ampliasse o marcador logo aos 4 minutos. Júnior Mandacaru aproveitou a falha da zaga adversária que tocou a bola para trás, recebeu livre e tocou para Gil, que na saída do goleiro só teve o trabalho de mandar a bola para o fundo das redes: 2 a 0 para o Moleque Travesso.

Após sofrer o segundo gol, a equipe do Nacional acordou e foi em busca de diminuir o prejuízo, fazendo o seu primeiro aos 21'. Caju pegou a sobra e diminiu para os donos da casa. Depois disso, o Nacional foi para o tudo ou nada em busca do empate, mas o Juventus conseguiu controlar as ações e garantir a vitória por 2 a 1.

Os dois times voltam a campo para a disputa da sexta rodada da fase de grupos da Copa Paulista. No sábado, dia 27, o Nacional recebe o Taubaté, no Estádio Nicolau Alayon, às 15 horas. Já o Juventus joga apenas no dia 30, terça-feira, quando enfrenta o Corinthians, às 15 horas, no Jaime Cintra, em Jundiaí.

Mauá FC segura Amparo e empata em 0 a 0 fora de casa

Foto: divulgação Mauá FC

Amparo pressionou o Mauá FC, que conseguiu segurar as ações

O Mauá FC conseguiu o seu terceiro empate em três jogos na segunda fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2019. Jogando no Estádio José de Araújo Cintra, em Amparo, na tarde deste sábado, dia 20, o time do ABC encarou a equipe da casa, líder do Grupo 9, segurou o ímpeto do adversário e empatou o jogo pelo placar de 0 a 0. O resultado deixa o Índio em segundo na chave.

Em primeiro lugar do Grupo 9, o Amparo venceu as duas partidas que fez na segunda fase da competição: 1 a 0 no Itararé, em casa, e 2 a 0 no XV de Jaú, como visitante. Já o Mauá FC é o segundo colocado, com dois pontos, vindos de empates em 0 a 0 com o XV de Jaú, em casa, e 1 a 1 com o Itararé, fora.

Jogando diante de sua torcida, que foi em bom número ao José de Araújo Cintra, e querendo manter os 100% de aproveitamento, o Amparo foi para cima do Mauá nos primeiros minutos. Porém, o time do ABC contou com uma boa apresentação de sua defesa e também de seu goleiro, Gustavo, que fez boas intervenções e, com isto, o primeiro tempo terminou com o placar de 0 a 0.

Na segunda etapa, o Amparo continuou em cima, tentando buscar o gol, mas a bem postada zaga do Mauá conseguia segurar as ações. Quando a bola passava pela defesa, o goleiro Gustavo trabalhava e evitava que o Leão da Montanha abrisse o marcador. Já nos acréscimos, o Mauá FC ainda teve uma chance em contra-ataque, mas a defesa do Amparo trabalhou bem e, assim, o jogo terminou com o placar de 0 a 0.

Na próxima rodada, as duas equipes voltam a se enfrentar. A partida está marcada para o próximo sábado, dia 27, às 15 horas, no Estádio Pedro Benedetti, em Mauá. Porém, aguarda-se o posicionamento da FPF sobre a decisão do STJD sobre a devolução dos pontos ao Mauaense na primeira fase, o que eliminaria o Mauá FC da atual etapa da competição.
Proxima  → Inicio

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações