Everson, Eduardo Sasha... O último apaga a luz?

Por Victor de Andrade
Foto: Getty Images.com

Dois jogadores desta foto entraram na Justiça contra o Santos: quem será o próximo

A situação no Santos FC não está nada fácil. Nos últimos dias, tivemos as notícias de que o goleiro Everson e o atacante Eduardo Sasha entraram na Justiça do Trabalho contra o clube pedindo rescisão contratual por falhas no pagamento dos vencimentos. Estes problemas colocam nos olhos de todos a péssima gestão da atual diretoria do Peixe.

Em artigo publicado neste domingo em O Curioso do Futebol, de autoria do jornalista Lula Terras, já levantávamos o fato da atual gestão do clube ser falha por conta da condução do caso Bryan Ruiz, que depois de mais de um ano e meio sem atuar pela equipe e tendo um dos salários mais altos do elenco, finalmente teve um acordo de rescisão. Porém, neste tempo todo houveram muitas falhas da diretoria.


E nesta virada de semana aconteceram mais duas bombas: os pedidos de rescisão na Justiça de Everson e Eduardo Sasha. Em ambos os casos, duas reclamações saltam aos olhos: os atrasos nos direitos de imagem e a questão da redução de 70% dos vencimentos.

O atraso nos direitos de imagem dos atletas do Santos era público. Além disso, a redução foi algo que, quando se soube, na época, foi alertado. O acerto entre diretoria e atletas era de uma redução de 30% e todos foram surpreendidos com a redução de 70%, comunicada através de e-mail, dois dias antes do pagamento. Como a decisão foi unilateral, sem consentimento dos atletas, isto poderia trazer problemas. E começou a acontecer!


Em nota, Eduardo Sasha destacou o fato da redução salarial não ter sido acertada com os atletas. “Eu sou pai de família, tenho minhas responsabilidades e obrigações e fomos comunicados que teríamos um desconto de 30% em nossos salários, por conta da pandemia, nós jogadores estávamos dispostos a aceitar, porque sabíamos da situação que o mundo estava vivendo, porém faltando 2 dias para o pagamento fomos comunicados que teria um corte de 70% nos salários, não houve nenhuma explicação. Não há o recolhimento do FGTS faz algum tempo e já tínhamos 3 meses de imagem atrasados, antes mesmo da pandemia, ninguém da diretoria nos dá nenhuma satisfação”, diz a publicação.

E se você está pensando que isto pode desencadear uma série de processos trabalhistas contra o Santos, está certo! Sim, os outros atletas, com todos estes problemas, podem sim acionar o clube na Justiça e pedir rescisão contratual. E as chances não são pequenas.


E olha que os problemas de gestão no Santos FC não ficam só nestes citados. Se for fazer uma lista com as falhas administrativas, vai longe. Desde as negociações de renovação com vários atletas, anunciando que estava certo, quando na verdade não; a questão da suspensão do Carlos Sánchez na Copa Libertadores de 2018; as dívidas de negociação com clubes do exterior; a contratação do Cueva... É, a vida do clube não está nada fácil!

←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Colabore

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações