Os 95 anos do Estádio Conde Rodolfo Crespi

Natanael Oliveira / FPF
Foto: divulgação Juventus

Popularmente conhecida como Rua Javari, o Estádio Conde Rodolfo Crespi completa 95 anos

26 de abril de 1925: nesta data era inaugurado um dos campos mais charmosos da capital paulista: o Conde Rodolfo Crespi, popularmente conhecido por Rua Javari. A casa do Clube Atlético Juventus completa 95 anos como um dos símbolos do futebol paulistano e com momentos importantes em sua história quase centenária.

A primeira partida dos donos da casa no campo localizado no bairro da Mooca aconteceu apenas em 10 de novembro de 1929, em comemoração à inauguração do novo gramado. O Juventus recebeu a Roma-ITA, e os visitantes venceram por 2 a 1.

Primeira conquista - O primeiro título conquistado pelo Juventus dentro da Javari foi a Segunda Divisão da APEA, em 1929. Ainda com o nome de Cotonifício Rodolfo Crespi F.C, o time fez uma campanha arrasadora, vencendo 13 das 16 partidas. O último jogo do torneio foi realizado no estádio, e os torcedores puderam acompanhar a vitória, por 1 a 0, sobre a A.A. República.

Público recorde - Atualmente com capacidade para 4 mil torcedores, o campo já registrou grandes públicos. O maior deles aconteceu em 13 de julho de 1941, quando 15 mil pessoas presenciaram os donos da casa serem derrotados pelo Corinthians, pelo placar de 3 a 1. A partida também marcou a reinauguração do estádio, que estava sendo modernizado com as construções das arquibancadas de concreto e tribunas.

O gol mais bonito do Rei - O estádio da Rua Javari também foi palco do gol mais bonito da carreira de Pelé, de acordo com o próprio. Em partida realizada no dia 2 de agosto de 1959, o Santos venceu os donos da casa por 4 a 0, em jogo válido pelo Campeonato Paulista, com três gols de Pelé e um de Dorval.


O gol que entrou para a história não foi filmado, mas ficou na memória dos presentes no jogo. Quando o Santos vencia por 3 a 0, Pelé anotou uma pintura com direito a quatro chapéus consecutivos nos adversários, inclusive no goleiro juventino. O golaço foi motivo de um busto inaugurado no dia 29 de agosto de 2006, em homenagem.

Parte da cultura local - Sendo um dos símbolos da Mooca, o estádio foi tombado pela Secretária Municipal de Cultura de São Paulo, em 2019. Os principais motivos para o tombamento foi a “contribuição para a identidade urbana paulistana” e “valor afetivo da comunidade local”.

Além do valor histórico, o estádio também é reconhecido pelo famoso cannoli. A comida típica italiana se tornou uma das marcas típicas do Juventus. Feito de massa folhada frita em forma de tubo recheada por chocolate ou creme, a iguaria se tornou uma das culturas futebolísticas marcantes do clube.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Colabore

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações