quarta-feira, 25 de dezembro de 2019

Joel Santana no Corinthians

Foto: Folha Press

Joel Santana, com Rincón: apenas quatro vitórias em 15 jogos

A carreira de Joel Santana, que completa 71 anos neste 25 de dezembro de 2019, como treinador é muito vitoriosa, principalmente pelos clubes do Rio de Janeiro, onde conquistou títulos pelos quatro grandes (Flamengo, Fluminense, Vasco e Botafogo). Apesar de ter levantado taça dirigindo Vitória e Bahia, suas passagens por clubes de outros estados não é tão marcante, como a no Corinthians, em 1997.

Joel Santana vinha de sucessivos sucessos no Rio de Janeiro. Havia vencido o Carioca de 1992 e 1993 pelo Vasco, 1995 pelo Fluminense, 1996 pelo Flamengo e 1997 pelo Botafogo. Porém, ao início do Brasileirão, ele deixou o clube, tentado pela proposta do Timão e também o desafio de ir bem em um clube paulista.

O Corinthians tinha com problemas. Depois de conquistar o Campeonato Paulista, o time perdeu algumas peças, como Marcelinho Carioca, que foi para o Valencia. No início do Brasileirão, o Timão não foi bem e Nelsinho Baptista foi demitido. E o Timão acabou buscando o "Rei do Rio".

"Eu senti firmeza na proposta. Eles me deram segurança de que não estavam me chamando só para encontrar um substituto de imediato para o lugar do Nelsinho, mas que eles me queriam de verdade no time. O Corinthians me procurou decidido a me contratar", disse, na época, em entrevista à Folha de São Paulo.

Mas o que parecia ser um sucesso acabou sendo um fracasso. Logo no início, ele demonstrou não conhecer o elenco do Alvinegro. "Sei que o Corinthians tem uma grande torcida. Do elenco, conheço o Donizete, atacante, e o Ronaldo, que é um goleiro experiente", afirmou na época.


Com o passar no tempo, os resultados não vieram e a cobrança acabou sendo forte. Após quatro derrotas consecutivas, acabou sendo demitido. "Time grande é o seguinte: passa um ano muito bom e aí vira um ano, ele se ajeita e vai embora. Tanto que no outro ano, o Corinthians foi bater campeão brasileiro, campeão de tudo. Mas também limpou a casa. Foi uma pena, sinceramente foi uma pena porque tenho grandes recordações", completou.

Com ele no comando, o Timão venceu quatro jogos, empatou dois e perdeu nove. Em seu lugar, o Corinthians contratou Candinho, conhecido por seus diversos trabalhos com a Portuguesa. Mas não tendo desempenho espetacular, fez o suficiente para o Corinthians escapar do rebaixamento do Brasileirão de 1997.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações