quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Palmeiras apresenta equipe feminina de futebol para temporada 2019

Com informações do site oficial do Palmeiras
Fotos: Fabio Menotti / Agência Palmeiras

A equipe foi apresentada na manhã desta quarta-feira

O Palmeiras apresentou oficialmente, nesta quarta-feira (13), na Academia de Futebol, a nova equipe feminina de futebol para a temporada 2019. Realizado em parceria com a Prefeitura de Vinhedo-SP, o projeto visa a participação do time nas principais competições profissionais do país. A apresentação contou com as presenças de Alexandre Mattos, diretor do futebol profissional do clube, Alberto Simão, gerente do time feminino, Jaime Cruz, prefeito de Vinhedo, e a técnica Ana Lúcia Gonçalves.

“Hoje é um dia importante para a Sociedade Esportiva Palmeiras, estamos lançando oficialmente o projeto do departamento feminino de futebol. Quero agradecer aos responsáveis diretos. Ao prefeito de Vinhedo, obrigado por abrir as portas da cidade, com certeza faremos uma parceria forte e duradoura. Ao gerente Alberto Simão, uma pessoa que tem larga experiência desde universidades até o futebol profissional masculino. Estamos em boas mãos. A treinadora Ana também, uma das poucas que possui a licença A da CBF para ser treinadora. Tenho certeza de que será muito bem capacitada para ser líder da equipe”, declarou o diretor Alexandre Mattos.

O dirigente, contudo, admitiu que o pontapé inicial do trabalho precisa ser tratado com cautela. “É um dia muito importante, o Palmeiras sempre pensa em excelência e busca os objetivos nas competições, por isso chamamos o Alberto. Sabemos que é o início, começaremos do zero e, como todo início, podemos ter alguns problemas. A evolução acontecerá ano a ano. Digo ao torcedor do Palmeiras que trabalharemos bastante para dar muito orgulho e, sem dúvida, será um projeto de excelência e buscaremos sempre o melhor, assim como é no futebol masculino”, ponderou.

A equipe alviverde conta com atletas que tiveram passagens pela Seleção Brasileira e será treinada pela experiente Ana Lúcia Gonçalves, técnica com ótimo histórico de revelar nomes para as Seleções Brasileiras de Base e Principal. Ex-Ponte Preta, Ana é pós-graduada em fisiologia do exercício pela Unifesp e em treinamento desportivo pela Unicamp.

“Estou muito feliz e me sinto muito lisonjeada por ter sido escolhida para fazer parte deste projeto. O Palmeiras deu total liberdade para a gente, junto com o Alberto, escolhermos a nossa comissão técnica e as atletas. Isso é muito importante, eu diria que até fundamental. É uma modalidade diferente, todos querem comparar com o masculino, mas há muitas diferenças. Agradeço a todos”, afirmou a comandante, que comentou a forma como foram realizadas as contratações das jogadoras palestrinas.

“As atletas foram selecionadas, buscamos quem tem o perfil e a identidade do Palmeiras, sempre buscando a excelência que o Palmeiras tem e eu também. Nós trouxemos para este grupo atletas que realmente gostam de trabalhar, que são sérias e que, principalmente, buscam respeito há muito tempo. E elas estão tendo muito aqui, isso é muito importante para a modalidade. São obstáculos que sempre enfrentaram e agora não estão tendo”, expôs.

Já Alberto Simão, gerente contratado para cuidar da categoria, valorizou a iniciativa do Alviverde. “Quero agradecer a confiança do Palmeiras pelo novo desafio, a gente sabe o que significa ser Palmeiras e estar no Palmeiras. Aceitamos o desafio de fazer uma equipe de ponta, sabemos que estamos fazendo tudo do zero. O Palmeiras optou por montar a sua equipe, geralmente é normal se unir a outro time já existente, mas o projeto do Palmeiras é diferente. Por ser o Palmeiras, procuramos o melhor do mercado, montamos uma equipe que consideramos competitiva. Sabemos das dificuldades, o torcedor precisa ter paciência no início de trabalho”, falou.

Simão também detalhou sobre o local de treinamento e o estádio que abrigarão as atividades diárias e os jogos da equipe feminina do Palmeiras. “Neste primeiro momento, achamos necessário ter o nosso local próprio, sabemos o foco do futebol masculino, do trabalho da base, e nós queremos o nosso espaço também. Procuramos um local para fazer as nossas atividades e escolhemos a cidade de Vinhedo, que é perto de São Paulo, uma das cidades mais seguras do país. O estádio nos atende muito bem, lá temos toda a estrutura necessária para fazer um bom trabalho. O Palmeiras está muito bem servido em Vinhedo”, enalteceu o palmeirense, explicando o motivo de levar o time para a cidade do interior paulista.

A equipe foi montada em parceria com a Prefeitura de Vinhedo

“A estrutura do Palmeiras está totalmente à disposição do nosso projeto, foi opção nossa que, neste primeiro momento, a gente fizesse uma parceria de local para poder desenvolver o nosso projeto. O Palmeiras colocou toda a sua estrutura à disposição, mas nós achamos que, neste primeiro momento, seria importante termos uma base fixa para a modelagem da equipe”, concluiu.

Jaime Cruz, prefeito de Vinhedo, não escondeu a satisfação pela parceria com o Verdão. “Vinhedo se sente muito feliz, completaremos 70 anos em abril. Para nós, foi um presente, ganhamos um dos melhores presentes. Quando você é escolhido, é muito gratificante. Claro que nos sentimos honrados. A partir de hoje, Vinhedo será a casa das atletas. Digo que hoje Vinhedo acordou mais verde. Já temos o selo azul e verde de sustentabilidade e agora com o time feminino do Palmeiras. Que o Palmeiras se sinta em casa, Vinhedo é uma cidade acolhedora”, disse.

Os treinamentos da equipe feminina do Maior Campeão do Brasil começarão nesta quinta (14), em Vinhedo-SP. Já os jogos como mandante pelo Campeonato Paulista e pela Série A2 do Brasileiro serão realizados no Estádio Nelo Bracalente, também na cidade do interior de São Paulo.

Histórico – O futebol de campo feminino do Palmeiras foi introduzido no ano de 1997, sendo o clube um dos pioneiros na prática e popularização do esporte. Desde então, o Verdão desenvolveu algumas parcerias com prefeituras de cidades paulistas, como São Bernardo do Campo (2005-2006), Salto (2008), Bauru (2012) e, atualmente, Vinhedo (2019).

A principal conquista da equipe feminina palmeirense foi o Campeonato Paulista de 2001, após vitória sobre a Matonense na decisão por 1 a 0. No ano anterior, o time bateu na trave no estadual diante da Portuguesa. A nível nacional, o Alviverde acumula um vice-campeonato brasileiro, em 1999.

Nomes como Maravilha, Tânia Maranhão, Elaine, Cidinha, Robertinha, Gisele Priscila, Sissi, Nilda, Formiga e Michele tiveram passagens destacada na equipe palmeirense e na Seleção Brasileira, além do técnico Filpo Nuñez, que também foi treinador da Primeira Academia do clube.

Conquistas

Vice-campeonato Brasileiro: 1999
Campeonato Paulista: 2001
Jogos Regionais: 2005, 2008 e 2010
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações