segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Santos perde para a Chapecoense e está fora da disputa do título

Por Lucas Paes

Wellington Paulista comemora o primeiro dos dois gols da Chape no jogo
(foto: divulgação Chapecoense)

O Santos parece entrar num inferno astral depois da derrota para o Vasco. Na noite desta segunda, dia 13, o time da Vila foi até a Arena Condá, em Chapecó e acabou derrotado pela Chapecoense por 2 a 0. Foi o sexto jogo seguido sem derrota dos catarinenses, que vinham de três empates seguidos.

Os santistas vinham de derrota para o Vasco, em plena Vila Belmiro, por 2 a 1, de virada. Já a Chape vinha de frustrante empate com o São Paulo, no Pacaembú, por 2 a 2. O Verdão havia chegado a abrir 2 a 0.

O jogo começou bem travado, com poucos ataques. O primeiro lance mais agudo veio quando Luiz Antônio achou ótimo lançamento para Arthur Caike, mas Vanderlei cortou. Pouço depois, Lucas Veríssimo cortou lançamento com a mão e o auxiliar de linha de fundo viu o pênalti. Wellignton Paulista bateu e abriu o placar.

A partir daí, só deu Chape. O Verdão dominou e continuou atacando, oferecendo perigo num chute de Arthur Caike que Vanderlei pegou. Apenas aos 26', o Arthur santista deu a primeira finalização alvinegra, sem muito perigo. Em um jogo sem muita ação a partir dali, os catarinenses apenas controlaram as ações, sem sofrer muito. Ao final de um primeiro tempo bem parado, a Chapecoense tinha a vantagem.

O segundo tempo começou igual ao primeiro, sem muita ação. Aos 11', Arthur   Caike recebeu lançamento e chutou para fora. Pouco depois, o "semi xará" santista Arthur Gomes tentou jogada pelo meio e chutou longe do gol.

Continuando no controle do jogo, o Verdão chegou ao segundo aos 22', Wellignton Paulista recebeu no lado direito e cruzou para Arthur Caike, que só tirou de Vanderlei e ampliou a vantagem. Aos 26, o Santos finalmente teve uma finalização certa, em cabeçada de Arthur Gomes que parou nas mãos de Jandrei.

Ao invés do Peixe chegar próximo ao gol, a Chape quase fez o terceiro. Aos 30', Vanderlei fez boa defesa em cabeçada de Túlio de Melo, após falta de Reinaldo. Pouco depois, Ricardo Oliveira teve as duas melhores chances santistas, primeiro em chute que Jandrei defendeu fácil e depois em uma cabeçada na trave.

A partir daí, o Alvinegro Praiano pareceu finalmente acordar e Lucas Veríssimo desperdiçou uma chance claríssima, embaixo do gol, após um escanteio. Logo depois, Victor Ferraz fez boa jogada, mas o chute foi para longe do gol. 

O despertar foi breve e sem conseguir mostrar mais reação, o Santos pareceu jogar apaticamente esperando a inevitável derrota. Na próxima rodada, os santistas vão até a Bahia, enfrentar o Bahia, na Fonte Nova. Já a Chapecoense pega o outro baiano do campeonato, o Vitória, na Arena Condá. Ambos os jogos ocorrem na quinta feira, dia 16, às 21 e 20 horas, respectivamente.

Ficha Técnica 
CHAPECOENSE 2 x 0 SANTOS FC

Data: 13 de novembro de 2017
Local: Arena Condá - Chapecó (SC)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas 
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos e Elicarlos Franco de Oliveira 

Cartões Amarelos
Santos FC: Lucas Veríssimo, Luiz Felipe e Serginho

Gols
Chapecoense: Wellington Paulista, aos 13' do primeiro tempo, e Arthur Caike, aos 22 do segundo tempo

Chapecoense: Jandrei; Apodi, Douglas, Fabrício Bruno, Reinaldo; Luiz Antônio (João Pedro), Canteros (Neném), Moisés, Amaral; Arthur Caike e Wellington Paulista (Túlio de Melo) - Técnico: Gilson Kleina

Santos FC: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Luiz Felipe, Daniel Guedes; Matheus Jesus (Serginho), Renato, Alisson, Lucas Lima (Jean Motta); Arthur Gomes, Ricardo Oliveira - Técnico: Elano Blumer
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações