quinta-feira, 23 de julho de 2015

Túlio no São Caetano

Túlio com Marcelinho, no jogo das faixas

Entre as dezenas de clubes que o centroavante Túlio defendeu, um deles foi o São Caetano. Sim, o Azulão do ABC Paulista teve a honra de ver o artilheiro defender sua camisa no Campeonato Paulista da Série A-2 de 2000.

O São Caetano já tinha como base o time que faria sucesso no final daquele ano, onde seria o vice-campeão da Copa João Havelange. Aliás, a equipe já tinha ido muito bem no Campeonato Brasileiro da Série B de 1999, onde foi o líder da primeira fase da competição, mas caiu nos play-offs para o Santa Cruz.

Artilheiro da A-2 de 2000

Buscando o acesso tanto no Paulista como no Brasileiro, a diretoria do clube reforçou ainda mais o bom plantel. E entre as contratações, Túlio Maravilha, que também era pretendido pela Portuguesa Santista, foi apresentado no Anacleto Campanella.

Túlio Maravilha confirmou sua fama de matador, sendo o artilheiro da Série A-2 naquela oportunidade. Além disso, o Azulão conseguiu o título da competição, após bater o Etti Jundiaí na final, e, consequentemente, o acesso para a elite do Campeonato Paulista.

Durante treinamento no Anacleto Campanella

Para festejar o título da A-2, o São Caetano convidou o Corinthians para um amistoso no Anacleto Campanella. Resultado: 3 a 1 para o Azulão, com direito a gol de Túlio de letra! Este foi o último jogo do artilheiro pelo São Caetano, que foi defender o Botafogo na Copa João Havelange. Se ele soubesse o futuro, não teria mudado de equipe.

Nas contas do artilheiro, Túlio fez 30 gols em 31 jogos na passagem pelo Azulão.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações