Em 1950, um outro 7 a 1 marca a maior goleada do Brasil na história das Copas

Por Lucas Paes
Foto: Arquivo

Gol do Brasil diante dos suecos no Maracanã

Num certo 8 de julho de 2014, num dia terrível para a história da Seleção Brasileira, os Canarinhos levaram uma goleada histórica por 7 a 1 da Alemanha, em plena semifinal de Copa do Mundo, dentro do Mineirão. Porém, o dia seguinte da goleada, dia 9 de julho, marca um dia de alegria para a história da maior campeã das Copas do Mundo. Em 1950, diante da Suécia, o Brasil aplicou sua maior goleada na história dos mundiais, no eterno Maracanã.

Jogando a Copa do Mundo dentro da sua casa, atuando na maior parte dos seus jogos no imponente e recém-construído na época Maracanã, os brasileiros passaram sem sustos pela primeira fase e chegaram ao quadrangular final como favoritos. E o favoritismo só aumentaria quando naquele dia 9, diante da Suécia, os Canarinhos, ou melhor, o time de branco, já que na época os anfitriões do mundial usavam camisas branca, fizeram sua melhor partida até então.

Ademir, craque daquele time brasileiro da época e artilheiro daquela competição, abriu os trabalhos da goleada aos 17 minutos, levando a explosão os 140 mil presentes no Maracanã. Aos 36', o próprio Ademir ampliou. Econômico no primeiro tempo, os brasucas marcaram apenas mais um gol na partida em sua primeira metade, com Chico colocando o marcador em 3 a 0 e complicando muito a vida dos suecos.


Só que se a situação já era complicada para os europeus ao fim do primeiro tempo, ela piorou de maneira absurda no segundo. Ademir marcou mais duas vezes e ampliou o marcador para 5 a 0. A Suécia mostrou alguma reação só na metade da etapa complementar, quando de pênalti, Sune Andersson diminuiu o marcador. Foi só no finalzinho que os comandados de Flávio Costa ampliaram, com gols de Maneca aos 40' e Chico, aos 43', fechando o marcador num histórico 7 a 1. 

Como já está mais do que registrado na história, o Brasil ainda venceu a Espanha, dessa vez por 6 a 1, antes de perder a Copa do Mundo dentro do Maracanã abarrotado para o ótimo e eficiente time do Uruguai, no que é a maior tristeza da história do futebol brasileiro (veja bem, o 7 a 1 da Alemanha está mais para decepção resignada). Ficam porém, os registros das ótimas partidas que o time de 1950 fez, já que perdeu de maneira muito mais honrosa do que o de 2014.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Colabore

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações