Apostas por treinadores de fora será para o bem do futebol brasileiro?

Por Lula Terras
Foto: reprodução

Jesualdo Ferreira foi contratado para o lugar de Jorge Sampaoli

O futebol brasileiro que está em fase final de férias e pronto para retomar a longa e difícil temporada de 2020, tem um diferencial neste ano que é o peso maior dado aos treinadores, responsáveis pela montagem do elenco e do esquema tático a ser implantado, visando às conquistas de seus times. A responsabilidade por essa mudança, sem dúvidas cabe ao Santos FC, que ousou trazer, em 2019, o argentino Jorge Sampaoli, cujo desempenho e resultados já foram explorados ao extremo, pela imprensa esportiva do País. 

Também o Flamengo, depois de alguns trabalhos com treinadores conceituados no Brasil, mas que, não trouxeram resultados almejados resolveu apostar suas fichas no português Jorge de Jesus, com quem conquistou o Brasileiro e Libertadores de 2019. Agora, para a temporada de 2020, algumas agremiações estão apostando suas fichas, na formação de uma forte Comissão Técnica, para depois pensar na montagem da equipe. 

Até o momento, as de maiores impactos couberam ao Atlético Mineiro, que resolveu apostar no treinador venezuelano, Dudamel, que realizou brilhante trabalho nas seleções de base e principal, de seu País, e Internacional, que trouxe o argentino Eduardo Coudet, que fez bela campanha no Racing. Os clubes acreditam na capacidade técnica dos novos comandante para garantir uma temporada melhor e com títulos conquistados. 

Até mesmo o Santos, que não conseguiu segurar Sampaoli, por divergências do treinador argentino, com o presidente Peres, acena agora, com outra grande surpresa, que é apostar no treinador português, Jesualdo Ferreira, cujos melhores resultados, foram obtidos em seu próprio País, onde dirigiu Porto, Benfica e Sporting. A favor tem algumas referências, por ser considerado Mestre e referência para outros treinadores lusitanos, como Mourinho e Jorge de Jesus. 

As dúvidas ficam não pela idade, 73 anos, mas por ter deixado de lado sua aposentadoria, já programada, para assumir um novo e importante desafio comandar o Santos, clube que ele viu, pessoalmente, se tornar campeão do Mundo, goleando o grande Benfica, em pleno Estádio da Luz, em Lisboa. São respostas que só virão ao final da temporada, quando cada um vai mostrar a que veio para o resgate do bom futebol brasileiro.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Colabore

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações