O Torneio Brasil-Itália de 1994 com o Palmeiras anfitrião e campeão

Foto: Acervo Gazeta Press

A Lazio enfrentando o Palmeiras no Parque Antarctica

Até o final da década de 90 era bem comum ter uma espécie de intercâmbio entre o futebol brasileiro e europeu no meio do ano (pré-temporada dos clubes de lá e intertemporada das equipes daqui). Clubes brasucas e do Velho Continente atravessavam o Oceano Atlântico para realizarem amistosos e até torneios. O Parque Antarctica, a casa do Palmeiras, em São Paulo, foi palco de uma dessas competições em maio de 1994: o Torneio Brasil-Itália, que contou com os italianos Lazio e Parma, além de Santos e a agremiação anfitriã.

O torneio foi tiro bem curto, realizado apenas em dois dias. O regulamento era bem simples: no primeiro dia, os times dos mesmos países se enfrentavam nas semifinais. No dia seguinte, os perdedores faziam a disputa de terceiro lugar, na preliminar, enquanto os vencedores faziam a partida de fundo, decidindo o título. E tudo isto foi transmitido pela Rede Manchete.

Então, no dia 21 de maio, no primeiro embate, a Lazio encarou o Parma, que era da Parmalat, empresa de laticínios italiana que também patrocinava o Palmeiras. Eles esperavam uma final entre os dois times ligados à empresa, mas não foi o que aconteceu. O Parma, muito desfalcado por conta dos jogadores cedidos às seleções que se preparavam para a Copa do Mundo, até saiu na frente, com  o brasileiro Sorato (emprestado pelo Palmeiras justamente para este torneio). Porém, a Lazio virou e se garantiu na decisão com uma vitória por 2 a 1.

No jogo de fundo, houve o clássico paulista entre Palmeiras e Verdão. Vindo do recém bicampeonato paulista, o Verdão não tinha Zinho e Mazinho, ambos na Seleção Brasileira. Porém, ainda era um time que contava com grandes nomes, como Antônio Carlos, Cléber, Roberto Carlos e Evair, e o Santos acabou sucumbindo pelo placar de 1 a 0, gol de Maurílio.


No dia seguinte, Santos e Parma abriram a rodada dupla, disputando o terceiro lugar. E quem deu show neste jogo, apesar de não estar muito animado (não comemorou direito os gols), foi o centroavante Guga, que marcou todos os gols do Peixe na vitória por 3 a 1.

Já no jogo de fundo, o Palestra Itália viu o time da casa encarar a Lazio, que jogou neste dia de amarelo. Porém, quem deu as cartas foi o Verdão. Com dois gols de Edilson e mais um de Maurílio, o Palmeiras venceu por 3 a 0 e ficou com a taça do torneio.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Colabore

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações