domingo, 12 de abril de 2020

O título do Marília no Paulista da Série A2 de 2002

Por Lucas Paes
Foto: Arquivo Marília AC


Equipe do Marília campeã da Série A2 do Paulista em 2002

O Marília Atlético Clube é um dos mais tradicionais times do interior de São Paulo. O MAC completa neste dia 12 de Abril, 78 anos de fundação. Com o apoio da empresa American Sport, do empresário Luiz Antônio Duarte Ferreira e da fabricante de biscoitos Marilan, o Tigre viveu, no início dos anos 2000, seu melhor período, vivendo ótimos momentos na série A1 do Paulista e jogando inclusive a Série B do Brasileirão, brigando por acessos para a Série A. Essa história começa com o título da Série A2 de 2002.

Tudo começa com a montagem de uma boa equipe pelos maqueanos. Entre os nomes no elenco, destacavam-se os zagueiros Andrei e Grotto, ambos tiveram e ainda teriam depois passagem por clubes grandes do país, além de Alemão, ídolo do clube, na reserva. No meio de campo, Perdigão, que seria destaque do Inter campeão da Libertadores e Mundial anos depois era o primeiro volante de um meio que tinha como destaque Palhinha, campeão do mundo com o São Paulo de Telê Santana. Além deles, ainda havia João Marcos, prata da casa que viraria ídolo do Ceará, jogando 8 anos no clube entre 2009 e 2017. No ataque, o destaque era Nei Bala. Foi com essa base que Wanderley Paiva começou a campanha.

A estreia ocorreu no dia 20 de janeiro daquele ano, com uma vitória apertada por 3 a 2 sobre o São Bento de Sorocaba. Depois, empate com o Bragantino por 1 a 1. Na terceira rodada, vitória contra a Araçatuba por 4 a 2. O time seguiu em geral com vitórias em casa e empates fora de casa. A exceção veio com uma vitória por 5 a 3 sobre o Paraguaçuense fora de casa. Até que em março acontece uma queda de rendimento, com derrota em casa para o Rio Preto, fora de casa para o Mirassol e um empate com um Bandeirante.

A volta as vitórias vem fora de casa, contra o Atlético Sorocaba. Depois, foram outras três vitórias seguidas até o duelo valendo o primeiro lugar do grupo contra a Francana, quando o MAC perdeu por 4 a 1. A classificação para as semifinais veio na segunda colocação. Na semifinal, o adversário seria o São José, a famosa Águia do Vale.

Jogo completo da final de 2002

Jogando o primeiro jogo no dia 5 de maio, em São José dos Campos, o MAC não tomou conhecimento e ganhou de 3 a 0 da Águia. No segundo jogo, em Marília, outra vitória, dessa vez por 2 a 1, dando a vaga para a final, que decidiria o acesso para a Série A1, para o Tigre, que enfrentaria na final a velha conhecida Francana, dessa vez decidindo em casa, já que as duas vitórias fizeram a campanha maqueana ficar acima da do time de Franca.

Só que o jogo em Franca foi um verdadeiro pesadelo para o MAC. Derrotado por 2 a 0, o time viu o treinador Wanderley Paiva ser demitido para a chegada de Luiz Carlos Ferreira, o Ferreirão, conhecido como Rei do Acesso. Precisando do resultado, o Marília jogou no Abreuzão lotado partindo pra cima desde o início do jogo. O gol de abertura do placar veio só aos 29 minutos, com Edu, de cabeça, após cruzamento de Rossatto. Andrei ampliou, cobrando falta, aos 36, ainda no primeiro tempo.

A etapa final da decisão começava com o Marília precisando de outro gol para conseguir o acesso direto, já que os cartões, critério de desempate em caso de empate no saldo de gols, favoreciam a Francana. Nei Bala teve um gol anulado logo no começo do segundo tempo. O terceiro gol veio já aos cinco minutos, com um chute de Palinha que foi defendido pelo goleiro, mas sobrou para Nei Bala, que chutou no travessão e a bola foi as redes. A Francana ainda assustou com Tico Mineiro, aos 24', quando ele cobrou uma falta que desviou na barreira e quase entrou, mas o título foi mesmo do Marília, mesmo com os visitantes tentando partir para a pressão de qualquer jeito durante quase toda a metade final da partida.


A conquista da Série A2 se somou ainda no segundo semestre ao vice-campeonato da Série C do Brasileirão, que colocou o MAC na Série B do Brasileirão, dando início à aqueles que seriam os melhores anos da história do Tigre. Hoje, depois de uma crise imensa, o clube tenta voltar aos trilhos e recuperar seu espaço na elite do futebol estadual.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações