sábado, 7 de março de 2020

Com um a menos e de virada, Nacional bate o Marília no Nicolau Alayon

Foto: Matheus Dahsan / Marília AC

Jogo começou eletrizante, com as duas equipes procurando o ataque

O Nacional foi heroico na tarde deste sábado, dia 7, no Estádio Nicolau Alayon, em São Paulo. O time ferroviário da Barra Funda enfrentou o Marília, pela 10ª rodada do Paulista da A3 2020, saiu atrás do marcador, empatou, teve um jogador expulso na segunda etapa mas conseguiu buscar a virada, vencendo por 2 a 1.

As duas equipes começaram a rodada na parte de baixo da tabela e buscavam a vitória para melhorar a situação na classificação. O Marília, 11º, com 11 pontos, vinha de um empate em 1 a 1, em casa, com o Rio Preto. Já o Nacional, 13º, com 10 pontos, na última rodada, perdeu de virada para o Velo Clube, em Rio Claro, por 3 a 1.

E a partida começou em ritmo eletrizante, com as duas equipes procurando o ataque. Logo aos 2 minutos, o MAC abriu o marcador. Em cobrança de falta pela direita, próxima da área, Igor Meneghel mandou uma paulada, a bola desviu na barreira e tirou o goleiro Luís Henrique do lance: 1 a 0 para o Marília.


Jogando em casa e atrás no marcador, o Nacional foi com tudo para cima, em busca do empate. E ele aconteceu aos 12 minutos. André cobrou falta pela esquerda, alçando a bola na área, Guilherme Lobo cabeceou e Thiago Moraes fez grande defesa. Porém, no rebote, Guilherme Lobo foi esperto e botou a 'pelota' no fundo das redes, deixando tudo igual no Nicolau Alayon.

Depois do gol de empate, o Nacional passou a comandar as ações da partida e criou duas oportunidades, ambas com Guilherme Lobo, aos 26' e aos 42'. Porém, como a rede não foi mais balançada, o primeiro tempo terminou com o placar de 1 a 1.

O segundo tempo, diferente do primeiro, esteve mais cadenciado e equilibrado, com as duas equipes mais cautelosas. Porém, tudo mudou aos 13 minutos, quando Alanderson, do Nacional, foi expulso, deixando a equipe da casa com apenas 10 jogadores. O Marília aproveitou-se do fato de estar com mais atletas e foi para cima, em busca do gol da vitória.


Porém, quem acabou marcando foi o Nacional. Aos 37', Vinícius, que havia acabado de entrar, puxou o contra-ataque, passou pelo marcador e serviu Gustavo Lobo, que sozinho só teve o trabalho de marcar o segundo gol dele e do Naça na partida: 2 a 1 no marcador do Nicolau Alayon. No fim, o Marília foi para a pressão, mas não conseguiu marcar e a vitória ficou com o time da casa.

Na próxima rodada, as duas equipes jogam no sábado, dia 14. O Nacional encara o Capivariano, no Estádio Antonio Lins Ribeiro Guimarães, em Santa Bárbara D'Oeste, às 15 horas. Já o Marília terá pela frente o Comercial, às 16 horas, no Estádio Dr. Francisco de Palma Travassos, em Ribeirão Preto.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações