sábado, 14 de março de 2020

Baldocchi - Um tricampeão do mundo no Fortaleza

Foto: arquivo Fortaleza

Baldocchi chegou em 1976 no Fortaleza: apenas três jogos e uma fratura no pé

José Guilherme Baldocchi, ou simplesmente Baldocchi, que está completando 74 anos neste 14 de março de 2020, foi um dos maiores zagueiros da história do futebol brasileiro. Reserva na Seleção Brasileira tricampeã do mundo em 1970, no México, ele marcou época defendendo o Palmeiras e o Corinthians. Mas foi no Fortaleza, ainda novo, antes de completar 30 anos, onde encerrou a carreira, em 1976.

Baldocchi nasceu em Batatais e começou no time da cidade. Em 1964, com 18 anos, estreou na equipe principal e logo chamou a atenção do Botafogo de Ribeirão Preto, que o contratou. Fez grandes partidas pelo Pantera e começou a ser chamado como o melhor zagueiro do interior.

Em 1966, começou a ser disputado pelas grandes equipes de São Paulo e o Palmeiras o contratou. No Verdão, conquistou o Robertão de 1967 e 1969 e a Taça Brasil de 1967, além do Ramón de Carranza de 1969. Suas atuações o levaram para a Seleção Brasileira, onde fez parte do elenco campeão do mundo em 1970, no México, apesar de não ter entrado em nenhum jogo.

No ano seguinte, Baldocchi terminou a sua relação com o Palmeiras e trocou o time pelo maior rival: o Corinthians. Apesar das boas atuações, o zagueiro esteve no Timão na pior fase da história do clube, a da fila. Entre 1971 e 1975, ele foi um dos melhores jogadores do time, mas não conseguiu levar o Alvinegro a um título.


Como sempre acontecia na época no Timão, grandes jogadores ficavam marcados quando não conquistavam títulos. Até Rivelino sofreu com isto. O mesmo ocorreu com Baldocchi, que resolveu trocar de região e foi para o Nordeste, mais precisamente para defender o Fortaleza.

No Tricolor de Aço, em 1976, Baldocchi foi recebido com festa. Também, era apenas o segundo campeão do mundo a vestir a camisa da equipe, já que o primeiro foi Garrincha, em um amistoso, em 1968 (o terceiro foi Ado, goleiro, em 1979). A expectativa era grande.

Porém, a passagem de Baldocchi acabou não sendo feliz. Mas não foi pelo futebol apresentado. Em seu terceiro jogo pela equipe, o zagueiro fraturou o pé. Em resumo, antes mesmo de completar 30 anos, resolveu pendurar as chuteiras com a lesão e voltou para Batatais, onde se tornou comerciante.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações