Corinthians 2 x 2 Real Madrid - O grande jogo do Mundial de 2000

Por Bruno Filandra Lopes
Foto: arquivo Corinthians

O exato momento em que Edilson colocava a bola entre as pernas de Karembeu

Nos anos 90 havia dias e horários bem distintos do que estamos habituados hoje em dia. Imagine um jogo no Morumbi, numa sexta-feira, às 18h45. Ainda mais em pleno verão chuvoso. Esse foi o cenário para Corinthians e Real Madrid, segunda rodada da primeira fase do Mundial de Clubes da FIFA, em 7 de janeiro de 2000.

Os 55 mil torcedores que rumaram ao estádio testemunharam um grande jogo. Porém, não estava presente ao Morumbi. Era apenas um pré-adolescente de 12 anos passando férias na chácara da família. Mesmo que muitos ainda contestem as reais intenções da equipe espanhola no torneio, ainda houve um espaço para provocações.


Após uma brincadeira entre Edílson e Vampeta repercutir na imprensa envolvendo o desempenho do meia francês Karembeu, o então vice-presidente do Real Madrid afirmou não conhecer o Capetinha. Horas antes da partida, Edílson e Vampeta pegaram o mesmo elevador com jogadores do Real Madrid e o camisa 10 corintiano provocou o lateral-esquerdo Roberto Carlos.

Em campo, o Real Madrid abriu o placar aos 19 minutos do primeiro tempo. Roberto Carlos cobrou a falta e Anelka desviou para o gol. O Corinthians teve um gol feito por João Carlos mal anulado. No entanto, aos 28’, Luizão recebeu a bola na área e tocou para Edílson deixar tudo igual no placar.

Aos 19 minutos do segundo tempo acontece o lance mais marcante da partida. Do centro do campo Ricardinho lançou para Edílson que avançava pelo lado direito. O Capetinha avançava conforme Roberto Carlos ia recuando. Até que Karembeu chegou em cima, e a bola passou por entre suas pernas. Edílson chutou à direita de Casillas e fez o segundo do Corinthians.


Festa no Morumbi. Festa na chácara, sendo que eu era o único que estava na sala torcendo pelo Corinthians. Luciano do Valle fazia uma de suas maiores narrações. Aos 26’ Anelka recebeu sem marcação, driblou Dida e empatou o jogo. Aos 35’, Sávio entrou na área e foi derrubado por Fábio Luciano. O árbitro William Mattus marcou pênalti. Parecia que Anelka anotaria um hat-trick. Parecia. O atacante chutou à esquerda de Dida, e o goleiro eternizou mais uma cobrança defendida.

Ao final, Corinthians 2 x 2 Real Madrid. Mesmo depois de voltar a campo menos de 48 horas da partida de estreia, o onze Alvinegro fez uma grande partida. O vice-presidente do clube madrilenho conheceu Edílson, o atacante deixava o campo com mais uma atuação marcante, e a partida entrava para a história de quase 90 anos do Corinthians. E que passados 20 anos, relembro com saudade e orgulho.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Colabore

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações