terça-feira, 5 de maio de 2020

Experiente meia-atacante do Juventus-SC, Fabinho mantém a forma física em casa

Foto: divulgação GE Juventus

O experiente Fabinho atualmente defende o Juventus de Jaraguá do Sul

Em Santa Catarina, o futebol segue parado por conta da pandemia do novo coronavírus. Na última semana, o governador negou o pedido da Federação Catarinense de Futebol (FCF) de retorno do futebol com portões fechados, a partir do dia 16 de maio.

A situação vem pesando para os clubes, principalmente para os de menor poder aquisitivo. O experiente meia-atacante Fabinho, do Juventus de Jaraguá do Sul, avalia a situação do clube, que está classificado para as quartas de final do Campeonato Catarinense.

“O momento é difícil. Por isso, é hora de união e compreensão. A gente sabe que não é fácil para o clube. O futebol está totalmente parado e isso afeta todos nós que estamos envolvidos no dia a dia. O que nós mais queremos agora é que tudo fique bem o quanto antes e possamos voltar aos gramados. Por enquanto temos que aguardar pelas próximas orientações do governo e dos órgãos responsáveis”, destacou o atleta, que ao longo dos seus quase 20 anos de carreira, defendeu clubes como Guarani, Botafogo/SP, Portuguesa, Cruzeiro, Criciúma, Ceará, Vila Nova/GO, Londrina e ABC.


Ciente da importância de manter a forma física nesse momento, Fabinho treina diariamente em casa. “Enquanto a situação não volta ao normal, faço o que posso para manter a preparação física em dia. Eu sempre cuidei da minha parte física, até mesmo nas férias. Apesar de não podermos ir ao clube treinar, procuro me exercitar, correr e cuidar da alimentação. Acho que é o mínimo que podemos fazer nesse momento”, finalizou.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações