quinta-feira, 14 de maio de 2020

Estádio Nicolau Alayon - A casa do Nacional completa 82 anos

Natanael Oliveira / FPF
Foto: Reprodução

Estádio foi inaugurado em 14 de maio de 1938

Localizado na Rua Comendador Souza, no bairro da Barra Funda, na capital paulista, o estádio Nicolau Alayon era inaugurado há exatamente 82 anos, no dia 14 de maio de 1938. Tradicional casa do Nacional, o campo coleciona histórias desde sua fundação.

A história da casa do Nacional começa ainda em 1919, quando o então superintendente da antiga São Paulo Railway (SPR), Arthur J. Owen, cedeu um terreno para práticas esportivas dos antigos funcionários e atletas do São Paulo Railway Athletic Club, precursor do atual Nacional.

O estádio já começa a ser singular pelo nome que carrega: o campo foi batizado em homenagem ao uruguaio Nicolau Alayon, considerado o maior presidente da história do clube, que presidiu por 22 anos. O campo é um dos únicos dois no Brasil que leva o nome de um estrangeiro.

A partida inaugural do estádio aconteceu entre Nacional e Corinthians. Na ocasião, os mandantes saíram derrotados pelo placar de 2 a 1, mas o jogador Carlos Leite, atleta dos donos da casa, foi responsável pelo primeiro gol da história do Nicolau Alayon.

Recorde de público - Apesar de ter capacidade atual de 9.660, a casa do Nacional já contou com grandes públicos em suas arquibancadas. O recorde aconteceu no dia 21 de fevereiro de 1970, quando mais de 22 mil pessoas compareceram para ver o embate diante do São Paulo. A partida terminou com vitória mínima para o clube da Água Branca.

Jogos Pan-americanos - Um dos principais momentos da história do Nicolau Alayon aconteceu em 1963. No ano, o estádio foi uma das sedes dos jogos de futebol dos Jogos Pan-americanos, na primeira vez em que o Brasil sediava o evento. A seleção do Chile foi a que mais utilizou o estádio, atuando por três vezes, incluindo a decisão pela medalha de bronze, vencida pelos chilenos em cima do Uruguai por 2 a 1.


Confira todas as partidas dos Jogos Pan-americanos realizadas no Nicolau Alayon:

19 de abril de 1963 - Chile 10 x 2 Estados Unidos;
25 de abril de 1963 - Argentina 0 x 0 Chile;
28 de abril de 1963 - Argentina 1 x 0 Uruguai;
6 de maio de 1963 - Chile 2 x 1 Uruguai (decisão da medalha de bronze)

Tombamento  - Por fazer parte da cultura futebolística paulistana, o estádio foi tombado no dia 29 de novembro de 2017. O tombamento foi realizado pela Conpresp (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo). Na homologação, o Conpresp relembrou a contribuição do local para a memória do futebol paulistano e a sua característica arquitetônica dos primeiros estádios construídos no Brasil.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações