quinta-feira, 23 de abril de 2020

A boa passagem de Túlio pelo Sion

Por Lucas Paes

Túlio jogou uma temporada no Sion

Túlio Maravilha foi um dos mais mortais atacantes brasileiros dos anos 1990. Dono de boa técnica e de ótima finalização, além de extremamente oportunista, ganhou apelido de Túlio Maravilha pela torcida do Botafogo, clube pelo qual virou ídolo. Depois de um início espetacular de carreira jogando pelo Goiás, acabou repassado ao grupo de empresários que o levou ao Sion, da Suiça, no ano de 1992.

Túlio iniciou a carreira no Goiás e rapidamente começou a mostrar serviço. Aos 20 anos, em 1989, foi artilheiro do Campeonato Brasileiro, sendo o mais jovem artilheiro de um brasileirão. Depois de marcar 94 gols em 165 jogos pelo Goiás, despertou o interesse de diversos clubes, mas era muito caro tirar ele do Goiás. Acabou repassado a um grupo de empresários, que o levou ao Sion, da Suíça.

Chegou ao time que havia acabado de ser campeão do campeonato nacional da temporada 1991/1992. Rapidamente caiu nas graças da torcida, pois marcava gols em profusão. Na temporada de 1992/1993, apesar do Sion ser econômico em gols, marcando apenas 45 gols na temporada inteira, Túlio conseguiu ótimos números, fazendo 21 gols na sua primeira temporada. Infelizmente, para ele, o Sion não conseguiu repetir o desempenho e ser campeão suíço pela segunda vez seguida.

Chegou a jogar também algumas partidas na temporada de 1993/1994, mas acabou deixando o clube ainda no ano de 1993, voltando ao Brasil para jogar no Botafogo, onde faria história e ganharia o Campeonato Brasileiro em 1995. Pelo Sion, Túlio totalizou 48 jogos e marcou 24 gols, uma média de um gol a cada dois jogos, deixando saudades nos torcedores.


Em todas as suas andanças pelo mundo do futebol, Túlio só voltaria a jogar na Europa em 2002, no Uljpest, da Hungria. Na longeva carreira, que ele mesmo disse que só terminaria aos 50 anos, passou por diversos clubes do Brasil e de outros países, marcando segundo suas contas mil gols. Apesar de não levar títulos, deixou uma marca boa na história do Sion, mostrando seu faro artilheiro no campeonato suíço. 

A contagem de gols de Túlio, aliás, tem um capítulo polêmico relacionado a própria Suíça, já que o brasuca contou 64 gols em sua passagem, mas a federação reconheceu apenas 19 gols, isso em jogos válidos pela liga, já que o total foi mesmo de 24. Fica de qualquer forma o folclore, já que independente de qualquer coisa, o "Maravilha" era sim artilheiro, sendo um dos poucos jogadores que ultrapassou a marca de 590 gols oficiais. São, no total, 592 gols, números ótimo, até para os padrões absurdos que são impostos hoje por nomes como Cristiano Ronaldo e Messi.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações