sexta-feira, 13 de março de 2020

Tem início neste sábado o Brasileirão Feminino A2 2020

Clique no mapa para visualizá-lo em resolução maior
ATENÇÃO: não utilize esta imagem sem a autorização dos responsáveis pelo site O Curioso do Futebol

Começa neste sábado, dia 14, a edição de 2020 do Campeonato Brasileiro Feminino A2. A competição será disputada por 36 equipes que lutarão pelo título da competição e as quatro vagas de acesso da elite do Futebol Feminino brasileiro.

Inicialmente, os participantes do torneio seriam os 27 campeões estaduais, os quatro rebaixados da Série A1 em 2019, e os cinco melhores do Ranking da CBF do futebol masculino, totalizando as 36 equipes. No entanto, a CBF não homologou o Campeonato Roraimense de Futebol Feminino de 2019, por não haver o número mínimo de participantes. Assim, o campeão roraimense São Raimundo-RR não poderá participar, sendo esta vaga herdada pelo sexto melhor colocado no Ranking masculino, o Fortaleza. Além disso, o Vitória das Tabocas, um dos rebaixados da Série A1 de 2019, desistiu de participar do campeonato, e conforme regulamento, esta vaga foi herdada pelo sétimo melhor colocado no ranking, o Atlético Goianiense.

Na primeira fase, as 36 equipes serão divididas em seis grupos com 6 equipes cada, onde disputarão todos contra todos em turno único. Os dois primeiros colocados de cada grupo mais os quatro melhores terceiros colocados se classificarão às oitavas-de-final. A partir desta, serão disputados jogos "mata-mata" em ida e volta até a final. As equipes classificadas para as semifinais serão promovidas à Série A1 de 2021.


Confira os grupos da competição:

GRUPO A
Oratório - Ceará - Juventude Timonense
Esmac - Tiradentes - Santos Dumont

Ceará treinando para a competição
(Foto: Marcelo Vidal/CearaSC.com)

Dois times pintam como favoritos no Grupo A: o Ceará, que chegou no mata-mata da A2 do ano passado, e o Tiradentes, equipe com tradição no feminino e que já foi semifinalista da elite brasileira no passado. O Esmac pode surpreender e ficar com a vaga dos melhores terceiros e o Juventude Timonense corre por fora. Oratório e Santos Dumont devem fazer figuração.

GRUPO B
Atlético Acreano - 3B da Amazônia - São Francisco
Fortaleza - São Valério - Real Ariquemes

Elenco do 3B da Amazônia, durante a apresentação
(Foto: Sandro Pereira/A Crítica)

O grande favorito do Grupo B é o 3B da Amazônia, que no ano passado teve problemas de inscrição das atletas estrangeiras, mas no segundo semestre acabou com a hegemonia do Iranduba e conquistou o estadual. Porém, o São Francisco, vindo da A1, quer voltar para a elite e deve querer fazer frente ao time manauara. O Fortaleza entra como terceira força e o Atlético Acreano que surpreender. São Valério e Real Ariquemes dificilmente fará frente às outras forças do grupo.

GRUPO C
União Desportiva - Bahia - Náutico
Auto Esporte - Cruzeiro-RN - Sport

Campeão alagoano em 2019, UDA vem querendo mais
(foto: divulgação)

Campeão estadual em 2019, desbancando Vitória e São Francisco, o Bahia vem para esta A2 como o provável favorito do Grupo C. O Sport, rebaixado da A1 no ano passado, mas que venceu o Pernambucano, quer fazer frente ao rival tricolor. UDA, que tem a gestão da Maxxi Sports Academia, Náutico e Auto Esporte devem brigar pela terceira força do grupo, enquanto o Cruzeiro de Macaíba deve apenas tirar um ou outro ponto dos outros times.

GRUPO D
Atlético Goianiense - América Mineiro - SERC
Foz Cataratas - Juventus - Operário FC

Elenco do Foz Cataratas
(foto: divulgação)

Um dos grupos mais equilibrados de toda a competição. Foz Cataratas, América Mineiro e Juventus devem brigar pela liderança da competição. As três equipes têm tradição no Futebol Feminino. O Atlético Goianiense, que herdou a vaga do Vitória das Tabocas, montou o seu time fazendo peneiras. Já SERC e Operário FC não devem fazer frente aos favoritos da chave.

GRUPO E
Real Brasília - Goiás - Vila Nova-ES
Botafogo - Vasco da Gama - Atlético Mineiro

O time do Botafogo que vai para a disputa da A2
(foto: divulgação)

O Botafogo fez contratações interessantes e deve vir com força neste Brasileirão Feminino A2. O mesmo pode-se dizer do Atlético Mineiro. O Real Brasília é um time para ficar de olho, já que no Candangão do ano passado desbancou o Minas/Icesp, da elite nacional, e ficou com o título. Vila Nova, Vasco e Goiás prometem times competitivos. Será uma chave interessante de se acompanhar.

GRUPO F
Napoli - Athletico Paranaense - Fluminense
Brasil de Farroupilha - Chapecoense - Toledo

O time do Athletico Paranaense
(foto: divulgação)

O Napoli, grande rival do Kindermann em Santa Catarina, espera ter sucesso na A2. O Athletico Paranaense rompeu a parceria com o Foz Cataratas e montou o seu próprio time. O Fluminense vem do vice estadual e espera fazer boa campanha. Brasil de Farroupilha e Chapecoense devem dar trabalho. Já o Toledo vai para a competição com uma parceria com o Coritiba.

Confira a tabela completa da competição aqui e o regulamento aqui.

ATENÇÃO: não utilize esta imagem sem a autorização dos responsáveis pelo site O Curioso do Futebol
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações