Parou tudo! Não tem mais bola rolando no futebol brasileiro por conta do coronavírus

Foto: Igo Estrela / Metrópoles

Zé Love, pelo Brasiliense, fez um hat-trick em um dos últimos jogos no Brasil

Não tem mais bola rolando no futebol brasileiro por conta da pandemia de coronavírus. Os três últimos estados, todos na Região Norte, que estavam com jogos confirmados até a última quarta-feira, suspenderam também suas partidas. Amapá e Pará tiveram a decisão de adiar os embates ontem. Já Roraima foi o último a decidir para a paralisação, já nesta sexta-feira. Porém, os últimos jogos no Brasil foram realizados em Brasília, na última quarta-feira, dia 18.

A decisão em Roraima foi tomada nesta sexta-feira, dia 20. A atitude teve dedo da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Segundo o presidente da Federação local, Zeca Xaud, foi depois de um e-mail de Walter Feldman, secretário geral da entidade máxima do futebol nacional, declarando a suspensão dos jogos no futebol brasileiro que a decisão veio.

"Forneci (por comunicado) a todas as federações e também ao Xaud, informando que não havia mais, de todas as informações que eu tinha, competição em nenhum canto do país. Ele, pelo que sei, baseado nesta informação, determinou por ele, também, a suspensão de seu campeonato. Não foi uma determinação nossa (da CBF), determinação nunca, porque nós não temos esse direito", declarou Feldman.

O GAS fez 3 a 0 no Atlético Roraima no último jogo do Roraimense

Dias antes, a Federação de Roraima tinha determinado que iria realizar jogos até o final do primeiro turno. Tanto que na terça-feira, dia 17, teve o último jogo da competição: uma vitória do GAS, por 3 a 0, sobre o Atlético, com os portões do Ribeirão fechados. Depois, ainda tinha uma partida entre São Raimundo e Baré, que em protesto contra a não paralisação, todos os jogadores entraram de máscaras, ficaram 1 minuto em campo e abandonaram o gramado.

Paraense - Depois de reuniões que confirmavam a realização das duas últimas rodadas da primeira fase do Parazão 2020, com portões fechados, na quinta-feira, dia 19, veio a paralisação. E quem confirmou a suspensão foi o governador do estado, Helder Barbalho, após reunião com o presidente da Federação local, Adélcio Magalhães Torres. A paralisação partiu de um pedido conjunto de Remo e Paysandu depois do primeiro caso de coronavírus no estado.

Amapaense - Em reunião na tarde desta quinta-feira (19) representantes da Federação Amapaense de Futebol (FAF) e presidentes de clubes decidiram por unanimidade paralisar por tempo indeterminado o Amapazão 2020 e o Sub-17, as duas únicas competições da entidade que estavam em andamento. Segundo a FAF, a preservação da saúde dos jogadores e de todas as pessoas que são envolvidas em uma partida de futebol foi levada em conta neste momento de preocupação com a pandemia do novo coronavírus.

Imagem

Últimos jogos - Mas, apesar de Pará, Amapá e Roraima terem sido os últimos a suspenderem seus campeonatos, em nenhum deles foi o último jogo do Brasil antes da paralisação por causa da pandemia de coronavírus. Estes foram a 11ª rodada do Candangão, que aconteceu na última quarta-feira, dia 18, com todos os jogos começando às 15h30, com direito a um hat-trick de Zé Love na goleada do Brasiliense sobre o Paranoá por 8 a 0.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Colabore

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações