domingo, 15 de março de 2020

De virada, São Caetano bate a Briosa em pleno Ulrico Mursa

Foto: Flavio Hopp

São Caetano fez grande segundo tempo e virou para cima da Briosa

A Portuguesa Santista não teve uma boa jornada na manhã deste domingo, dia 15, principalmente no segundo tempo. Jogando no Estádio Ulrico Mursa, em Santos, pelo Campeonato Paulista da Série A2, a Briosa até saiu na frente no primeiro tempo, gol de pênalti de Kalil, mas foi mal na etapa complementar e levou a virada do São Caetano, que venceu pelo placar de 3 a 1.

Antes do início da rodada, a Portuguesa Santista ocupava a liderança do certame, com 20 pontos, e em seu último jogo, contra o Red Bull, atrasado da décima rodada, venceu pelo placar de 3 a 1, em Ulrico Mursa. Já o São Caetano era o sexto, com 15 pontos, e na partida passada bateu o Atibaia, em casa, por 2 a 1.

Partida começou truncada, com as duas equipes tentando ter o domínio do jogo. A disputa pela bola era intensa, mesmo com o calor, e um número grande de faltas foram marcadas nos primeiros minutos. Com 13 minutos, a Briosa teve que trocar o goleiro. Cleyton, que ganhou a titularidade na partida anterior, bateu a cabeça em uma disputa pelo alto e João Lucas entrou no lugar.


Aos poucos, a Portuguesa Santista foi dominando as ações e o primeiro chute saiu aos 16 minutos, com Emerson Guioto, só que a bola saiu por cima do travessão. Aos 24', foi a vez de Galego arriscar de fora da área, mas Luiz Daniel, do São Caetano, defendeu firme.

A Briosa teve grande chance para marcar aos 32 minutos, logo após a parada para hidratação. Kalil roubou a bola de Acácio, no meio-de-campo, avançou sozinho, invadiu a área e quando foi tentar driblar o goleiro, Luiz Daniel conseguiu salvar o São Caetano. Aos 35', continuou a pressão do time da casa: Kalil cabeceou, Luiz Daniel defendeu e, no rebote, Rafael Ferro bateu, mas o goleiro do Azulão fez outra boa defesa.

Aos 38', Emerson Guioto virou o jogo, Rafael Ferro matou a bola no peito e ia passando por Acácio, pela direita, quando foi derrubado já dentro da área: pênalti! Kalil foi para a cobrança e, depois de duas cobranças desperdiçadas pelo time Rubro Verde na competição, por Juazeiro e Gabriel Terra, ele marcou! No placar, 1 a 0 para a Briosa.


Antes do fim da primeira etapa, mais um lance pelo alto com choque de cabeça, entre os jogadores Sandoval, do São Caetano, e Diego Borges, da Portuguesa Santista, em um lance de escanteio para o São Caetano. Porém, desta vez, ninguém precisou ser substituído. E os 45 minutos iniciais terminaram com a vantagem da Briosa: 1 a 0.

No segundo tempo, a Briosa voltou com tudo. Logo no primeiro lance, Gabriel Terra teve a chance de marcar, na marca do pênalti, mas mandou a bola por cima do travessão. Aos 12', em jogada de escanteio, quase que Galego marca o segundo, mas Luiz Daniel fez outra grande defesa.

E o time da casa continuou pressionando. Aos 20', Gabriel Terra, sozinho na área, finalizou para fora. Porém, quem empatou foi o São Caetano no minuto seguinte. Depois de cruzamento pela direita, Emerson Santos, de cabeça, mandou a bola no ângulo, sem chances para João Lucas: 1 a 1 no Estádio Ulrico Mursa.


E aos 30', logo depois da parada para a hidratação, o São Caetano conseguiu a virada. Depois de bela jogada pela esquerda, feita por Ronaldo, a bola foi rolada para Marcus Vinícius, que sozinho só teve o trabalho de mandar a bola para o fundo das redes: 2 a 1 para o Azulão, que fez o terceiro aos 38': Marcus Vinicius cruzou pela direita na cabeça de Bruno Moraes, que não perdoou: 3 a 1 para os visitantes.

A Portuguesa Santista sentiu os três gols sofridos e mostrou nervosismo na hora de definir as jogadas, não conseguindo finalizá-las. Já o São Caetano apostou nos contra-ataques e ainda levou perigo nos minutos finais. A Briosa, aos 45', meteu uma bola na trave, em chute de Gabriel Terra, que desviou na defesa adversária, que ainda teve a chance de fazer o quarto aos 50', com Bruno Moraes, mas o jogo terminou com o placar de 3 a 1 para o Azulão.

Quem entra primeiro em campo, caso nada mude por causa da pandemia mundial de coronavírus, é o São Caetano, que tem o confronto regional contra o São Bernardo na sexta-feira, dia 20, às 19h15, no Anacleto Campanella. Já no sábado, às 15 horas, a Portuguesa Santista encara o Juventus na Rua Javari, em São Paulo.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações