O começo de Solskjaer na Noruega

Por Lucas Paes
Foto: Morten Hval/NTB scanpix

Antes de ir para o United, Solskjaer teve um bom começo na Noruega

Conhecido pelos torcedores do Manchester United como o assassino com cara de bebê, Ole Gunnar Solskjaer é um dos grandes ídolos da história dos Red Devils. O atual treinador do time vermelho de Manchester fez um dos gols mais importantes da era Fergunson, o segundo na final contra o Bayern na Liga dos Campeões de 1998/1999. Antes de explodir com a camisa do United e deixar eternas boas lembranças no torcedor, Solskjaer teve um excelente começo na Noruega.

Nascido na vila de Kristiansund, Ole chegou a base do time do Clausenengen, de sua cidade natal, ainda aos 7 anos de idade. Aos 17, no ano de 1990, começou a jogar pelo profissional da equipe, que na época frequentava a terceira divisão norueguesa. Logo em sua primeira temporada, fez incriveis 17 gols em seis jogos. Era nitidamente um jogador que estava acima do nivel da divisão. Em 1993, começa a chamar atenção de clubes maiores do país, quando contra o Molde marca o único gol de seu time numa derrota por 6 a 1 na Copa da Noruega.


Em 1995, o próprio Molde o compra do Clausenenguen. Encerrou sua passagem com incríveis 119 gols em 105 jogos. Na sua temporada derradeira no Clausenenguen, marca 31 dos 47 gols do clube na segunda divisão norueguesa.  Ele chega ao Molde por influência do treinador Age Hareld, sendo adquirido por uma soma de 200 mil coroas norueguesas. Seria no Molde em que o jovem atacante passaria a jogar até pela seleção nacional.

Estreou pelo MFK no dia 25 de abrl de 1995, numa vitória por 6 a 0 pra cima do Brann, marcando dois dos seis gols da partida. Na sua segunda partida com o Molde, marca sua primeira tripleta, em uma apertada vitória por 5 a 4 em cima do Viking. Além disso, na mesma temporada, ainda marcou gols na antiga Recopa Européia, decidindo as classificatórias contra o Dinamo Minsk e ainda marcando no duelo contra o PSG pela primeira fase da competição. Na Liga Norueguesa, foram 20 gols em 26 jogos na sua temporada de estreia.


Na temporada seguinte, durou pouco dentro da equipe do Molde. Marcou seus primeiros três gols na temporada em partida da liga contra o Moss, no dia 21 de abril de 1996. Seus gols e seu desempenho fizeram com que clubes maiores ficassem interessados no seu futebol e logo vieram propostas de Hamburgo e Cagliari. Porém, o treinador Harelde deixou maior disponibilidade para os interesses de Everton e Manchester City. Aquela altura era claro que Solksjaer deixaria a Noruega. Sua despedida do Molde foi em 21 de julho daquele ano, numa goleada em cima do Start, onde ao marcar o último gol do jogo, Ole jogou sua camisa aos torcedores. Foram 41 gols em 54 jogos pelo Molde.

Apesar da disponibilidade maior para Everton e Manchester City e do interesse maciço do Cagliari, quem resolveu correr o risco da contratação de Solskjaer foi o Manchester United. Enquanto seus rivais do City e os diretores do Everton desistiram, o time de Alex Fergunson pagou 1,5 milhões de Libras pelo passe do atacante norueguês. O resto é história, história que Solskjaer ajudou a escrever nos Red Devils. 
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Colabore

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações