sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Botafogo campeão da Taça Cidade Maravilhosa em 1996

Por Lucas Paes

Em pé: Perivaldo, Gonçalves, Jéfferson, Márcio Theodoro, Carlão, Wilson Gottardo e Paulo Roberto
Agachados: Túlio, Bentinho, Dauri, Marcelo Alves, Uidemar, Moisés, Wagner, Jamir e Souza

Neste dia 18 de Agosto, comemoram-se 103 anos da fundação do Botafogo FC, clube que se fundiu com o Botafogo de Regatas em 1942 para criar o atual Botafogo FR. Em homenagem a tal fato, o Curioso do Futebol relembrará o título da Taça Cidade Maravilhosa, conquistada pelo Fogão no ano de 1996.

A competição aconteceu entre os dias 27 de Janeiro e 8 de Março. Foi disputada por Botafogo, Flamengo, Fluminense, Vasco, América, Bangu, Madureira e Olaria, todos os times da cidade do Rio de Janeiro. A disputa ocorreu através de pontos corridos, em um turno único de 7 rodadas. A competição se destacou por diversos públicos bons, mesmo em um torneio de pré-temporada. Por exemplo, o jogo entre Fluminense e Bangu nas Laranjeiras, logo na estreia dos tricolores, lotou o estádio.

Gonlçalves e Gottardo com os troféus

Campeão do Brasileirão no ano anterior, o Glorioso estreou contra o América, no São Januário, vencendo o adversário por 3 a 1, de virada, com dois de Túlio Maravilha e um de Mauricinho. Zé Carlos fez o gol americano. Na segunda rodada, o alvinegro bateu o Fluminense, no Maracanã, por 2 a 0. Na terceira rodada, a vítima foi o Olaria, que perdeu também por 2 a 0, no Caio Martins.

O jogo da quarta-rodada acabou sendo o do título do Botafogo. Ele foi atrasado devido a disputa da Taça Libertadores da América. Jogando no dia 29 de fevereiro, a equipe bateu o Olaria no Maracanã por 3 a 0. Antes, o fez um espetacular clássico com o Vasco, terminado com um incrível 5 a 3, no Maracanã e uma goleada por 4 a 0 contra o Bangu em Moça Bonita. Com isso, a taça veio com uma rodada de antecedência, em um jogo que teve reclamações da arbitragem, já que o Madureira teve um gol legítimo anulado.

Vários momentos do título

Curiosamente, apesar dos diversos bons públicos registrados pelos grandes ao longo do torneio, o duelo entre o Botafogo e o Flamengo, que era entrega das faixas, deu uma baixíssima audiência de apenas 7 mil espectadores. O jogo terminou em 2 a 2. Túlio e Dauri marcaram para o Glorioso, enquanto o Mengão fez com Mancuso e Jorge Luis. Ao rubro-negro, restou o conselo de ser o único não derrotado pela Estrela Solitária, campeã invicta.

O artilheiro do torneio foi o mítico Túlio Maravilha, com 10 gols marcados. O Botafogo terminou com 19 pontos, seis triunfos e um empate. Marcou 21 gols e sofreu 6, uma campanha avassaladora. Porém, no resto do ano a equipe não foi bem, terminando a temporada sem nenhum dos principais títulos.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações