O Noroeste campeão do Acesso Paulista de 1953

Foto: arquivo

O time que conquistou o título do acesso de 1953

O Esporte Clube Noroeste está completando 110 anos de fundação neste 1º de setembro de 2020. O clube, que neste ano lidera o Campeonato Paulista da Série A3, e se prepara para o retorno da competição, tem várias glórias, como o título do Acesso estadual em 1953, que levou o Norusca pela primeira vez à elite do futebol de São Paulo.

O Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 1953 (equivalente à atual Série A2) teve a participação de 20 equipes, divididas em três séries, sendo duas com sete e uma com seis. Primeiro e segundo colocados de cada chave (que jogavam entre si, em turno e returno) avançavam para uma fase final, onde também se enfrentavam em dois turnos. Quem somasse mais pontos nesta etapa final era o campeão e garantia o acesso para a elite.

O Noroeste entrou na Série Verde, ao lado do rival citadino Bauru AC e mais São Paulo de Araçatuba, Marília, Piracicabano e Tupã. O Norusca não teve muita dificuldade e foi o primeiro colocado, com 15 pontos em 10 jogos, sendo seis vitórias, três empates e apenas uma derrota. Nos confrontos municipais, o time vermelho levou vantagem: 3 a 1 no primeiro jogo e 4 a 3 na volta.

Com isto, o Noroeste se garantiu na fase final da competição, ao lado de Ferroviária, Paulista de Jundiaí, América de São José do Rio Preto, Marília e Bragantino. Vale lembrar que, como era comum antigamente no futebol brasileiro, a Segunda Divisão Paulista de 1953 avançou e foi terminar quase no meio do ano de 1954.

Além disso, a escalação de jogadores irregulares também estava longe de ser rara. Bragantino, América e Marília perderam pontos por terem feito isto. Assim, o Noroeste foi vencendo seus adversários e abrindo vantagem.


O Norusca estreou fazendo 4 a 2 no Paulista. Depois, foi enfileirando adversários: 2 a 1 no América, 2 a 0 na Ferroviária, 2 a 1 no Marília e 1 a 0 no Bragantino. Ao fim do primeiro turno da fase final, o Noroeste tinha 100% de aproveitamento, com 10 pontos.

A equipe de Bauru só precisou de mais dois jogos para garantir o título: vitórias sobre o Paulista e América, ambas por 1 a 0. Nem as derrotas para Ferroviária (por 5 a 3) e Bragantino (2 a 0), com um triunfo sobre o Marília entre essas duas partidas, por 2 a 0, apagaram o brilhantismo da conquista do Noroeste.

O time de 53 era formado por Sidney, Osvaldo e Villa; Nelson Faria, Mingão e Amaro; Colombo, Zeola, Brotero, Ranulfo e Luiz Marini. O técnico era José Pavesi, que faleceu pouco antes do último jogo do primeiro turno da fase decisiva, contra o Bragantino.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações