domingo, 19 de abril de 2020

A boa passagem de Rivaldo pelo Bunyodkor

Por Lucas Paes
Foto: AFP

Rivaldo teve boa passagem pelo Bunyodkor

Um dos mais brilhantes jogadores brasileiros das últimas décadas, completando 48 anos neste dia 19, Rivaldo é um dos maiores responsáveis pelo quinto título de Copa do Mundo do Brasil em 2002. Possui também, ao longo da carreira, passagens por Barcelona, Olympiakos, AEK, Milan, entre outros clubes do Brasil e do mundo. Já com idade avançada, em 2008, o craque brasuca foi contratado pelo Bunyodkor, do Uzbequistão.

Rivaldo chegou ao clube asiático depois de uma passagem relativamente boa pelo AEK de Atenas, logo após sair do Olympiakos da Grécia. Segundo o jogador brasileiro, a oferta na época era irrecusável. Ajudou também, que, na época, o "Barcelona Asiático" era treinado pelo brasileiro Zico.  Apesar de estar em fase final de carreira, pelo menos na teoria, Rivaldo ainda tinha lenha para queimar, ainda mais numa liga mais "fraca",  por falta de um melhor termo.

Já na estréia, marcou dois gols em uma vitória por 2 a 0. Na sua primeira temporada, ajudou o clube a conquistar o título da Copa do Uzbequistão e a Premier League uzbeque. Foram 17 jogos e 9 gols na sua primeira temporada jogando pelo Bunyodkor. Em 2009, se anunciaria a volta de uma velha parceria que deu muito certo em 2002, quando foi confirmada a chegada de Felipão para substituir Zico no comando técnico do clube de Tashkent.

Em 2009, um fato curioso rolou com o meia brasuca, quando ele foi o primeiro jogador a marcar em quatro jogos seguidos, o número de gols equivalente a cada jogo. Ou seja, foi um gol na primeira partida, dois na segunda, três na terceira e quatro na quarta, o que obviamente ocorreu em quatro partidas seguidas. Naquele ano, Rivaldo ajudou novamente na conquista do doblete nacional, ganhando copa e campeonato. Foram 40 jogos e 22 gols naquela temporada.


No ano seguinte, seguiu no clube, mas acabaria ficando só até agosto por lá. Depois de 11 gols em 19 jogos, ele anunciou a rescisão do contrato e sua consequente saída do Bunyodkor. Foram 76 jogos e 42 gols pelo "Barça" asiático, marcando a história do clube como um dos principais ídolos na melhor época na história da instituição. Acabaria voltando ao Mogi Mirim no final de 2010, antes de chegar ao São Paulo em 2011.

Rivaldo seguiu jogando futebol até 2014, quando anunciou sua primeira aposentadoria, pelo Mogi Mirim, clube pelo qual ainda voltou a jogar em 2015, para jogar ao lado do filho. Em 2019, surgiu a informação de que ele havia acertado para ser treinador do SC Mohamédia, time da terceira divisão da liga do Marrocos. Rivaldo, porém, negou que havia acertado com o clube.  
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações