domingo, 7 de junho de 2015

Linhares, a surpresa da Copa do Brasil de 1994

O Linhares foi derrotado em casa pelo Ceará na semifinal

Cinco anos depois da criação da Copa do Brasil, que iniciou em 1989, uma equipe surpreendeu muitos, chegando à semifinal da competição: o Linhares do Espírito Santo. A equipe, que está extinta, era uma das melhores equipes capixabas na década de 90 e foi uma grande surpresa naquele ano de 1994.

A estreia do time do Espírito Santo era uma parada indigesta, pois enfrentaria o Fluminense do centroavante Super Ézio. Na primeira partida, nas Laranjeiras, o Linhares arrancou um excelente empate em 2 a 2. Wallace e Mário Tilico marcaram para os tricolores. Arildo e Rocha empataram para os capixabas. No jogo de volta, o 1 a 1, com gols Arildo para o Linhares e Luiz Henrique pro Flu, garantiu o Linhares na fase seguinte da competição. Uma grande surpresa!

Fluminense 2, Linhares 2

Na segunda fase, a equipe do Espírito Santo enfrentou o São José do Amapá. No primeiro jogo, em Linhares, um empate em 0 a 0, com uma grande atuação do goleiro Hiran, que depois ficaria conhecido no interior de São Paulo. No jogo de volta, no estádio Zerão, em Macapá, Varela marcou duas vezes para o São José. Porém, o experiente China, ex-Grêmio, Arildo e Rocha viraram o jogo para o Linhares, levando a equipe para as quartas-de-final da competição.

Agora a batalha era contra o Comercial do Mato Grosso do Sul. O Linhares iniciou o embate em casa, vencendo o jogo por 1 a 0, com gol de Vandick, que ficaria conhecido por defender o Paysandu na Libertadores de 2003. No jogo de volta, em Campo Grande, o Linhares arrancou um empate em 1 a 1, com Neilor fazendo para o Comercial e Gersinho para os capixabas. Com este resultado, o Linhares cavaria sua vaga nas semifinais da Copa do Brasil.

A equipe campeã capixaba de 1993 foi a base do time do ano seguinte

O adversário seria o Ceará. No jogo de ida, no estádio Castelão, em Fortaleza, a equipe do Espírito Santo arrancou um heroico empate em 0 a 0. A cidade de Linhares ficou em polvorosa, pois uma vitória simples colocaria o Linhares na final da Copa do Brasil. Porém, em casa, Sérgio Alves acabou com as esperanças dos capixabas, ainda no primeiro tempo, fazendo 1 a 0 para o Vovô Cearense.

O Grêmio acabou sendo o campeão da Copa do Brasil naquele ano, batendo o próprio Ceará nas finais.

Linhares 0, Ceará 1

Apesar do vacilo em casa, esta foi, disparadamente, a melhor campanha de um time do Espírito Santo na competição. O Linhares foi extinto no início dos anos 2000, devido às dívidas e alguns torcedores na cidade fundaram outro clube no município.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações