domingo, 29 de setembro de 2019

Náutico faz 3 a 1 no Sampaio Corrêa e abre boa vantagem na decisão da Série C

Com informações do site oficial do Náutico
Foto: Léo Lemos / Comunicação CNC

O 3 a 1 faz com que o Náutico possa até perder por um gol para ser campeão

O Náutico venceu o Sampaio Corrêa por 3x1, neste domingo (29), no estádio dos Aflitos, pelo jogo de ida da final da Série C do Campeonato Brasileiro. Pouco mais de 16 mil torcedores estiveram no estádio para acompanhar a partida. Os gols alvirrubros foram marcados por João Victor (contra), Camutanga e Jhonnatan. Com a vitória, o Náutico pode perder por até um gol de diferença no jogo da volta.

A partida começou equilibrada. Ambas as equipes tiveram poucas chances de gol. A primeira do Náutico foi com Jean Carlos, aos 2 minutos, cobrando falta. A bola foi para fora. O Sampaio criou oportunidades, mas parou nas mãos do goleiro Jefferson. Aos 27 minutos, o volante Jhonnatan conseguiu um escanteio. Na cobrança, após bate rebate na área, Vitor Bafana chutou a bola em João Victor e entrou nas redes maranhenses: 1x0. Aos 33, a Bolívia empatou com Roney.

Mesmo com o empate, o Náutico não desanimou em campo e continuou buscando o gol adversário. Contudo, não conseguiu encontrar brechas na defesa maranhense. A primeira etapa terminou empatada em 1x1.

O Timbu começou o segundo tempo em cima do Sampaio Corrêa. Buscando jogadas pelas pontas, o time alvirrubro chegou ao segundo gol logo no começo da etapa complementar. Em outra bola alçada na área, Camutanga subiu mais alto que a defesa maranhense e fez o 2x1 aos 9 minutos.

Após o segundo gol do Timbu, o Sampaio Corrêa passou a ser mais agudo na partida e a ocupar o campo de defesa alvirrubro. Bem postado defensivamente, os alvirrubros souberam se defender. O Náutico controlou a reta final do confronto e ampliou o marcador aos 41 minutos. Jhonnatan aproveitou o rebote da zaga tricolor, ajeitou a bola e mandou no canto do goleiro: 3x1.

O jogo da volta está marcado para o próximo domingo (6), no Castelão, no Maranhão. O Náutico pode perder por até um gol de diferença que será o campeão. Já o Sampaio precisa de três gols para ficar com a taça. Já em caso de vitória dos maranhenses por dois gols, o título será definido nas penalidades.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações