domingo, 29 de setembro de 2019

Em 2009, CSA aprontava para cima do Santos em plena Vila Belmiro

Foto: divulgação Santos FC

Madson tenta passar por jogador do CSA: alagoanos eliminaram o Peixe em 2009

Neste 29 de setembro de 2019, o Santos recebe o CSA na Vila Belmiro, pela terceira rodada do returno do Brasileirão Série A da temporada. As equipes já se enfrentaram na competição, no turno inicial, em Maceió, onde a partida terminou empatada em 0 a 0. Porém, na última vez em que os dois times se encontraram no estádio do Peixe, em embate válido pela Copa do Brasil, em 2009, quem levou a melhor foram os alagoanos.

No dia 22 de abril de 2009, as duas equipes entraram no gramado da Vila Belmiro para se enfrentarem na partida de volta da segunda fase da competição nacional de mata-mata. Na primeira etapa, o Peixe havia eliminado o Rio Branco, do Acre, com duas vitórias: 2 a 1, fora, e 4 a 0, em casa. Já o CSA passou pelo capixaba Serra, também vencendo os dois jogos: 3 a 2, fora, e 3 a 1, em casa.

Apesar de ter sido campeão alagoano em 2008 e ter passado, até com certa facilidade, pela primeira fase da Copa do Brasil, o CSA de 2009 nem de perto lembra o atual time. Naquela momento da temporada, a equipe azul brigava contra o rebaixamento no Campeonato Alagoano e nem sabia se teria calendário no segundo semestre, já que não tinha vaga garantida na recém-criada Série D do Brasileiro.

Apesar deste cenário adverso, o CSA havia conseguido segurar o 0 a 0 contra o Santos, no Rei Pelé, em Maceió, no dia 8 de abril, e, com isto, levou o segundo jogo para a Vila Belmiro. Um empate com gols ou uma vitória simples classificaria os alagoanos. Porém, era considerada uma grande zebra, já que o time azul vinha mal e o Santos, por mais que não estivesse em boa fase, era uma equipe de Série A, considerada amplamente favorita.

Pois o favoritismo do Santos, que contava com um jovem Neymar, recém-promovido ao time titular pelo técnico Vágner Mancini, caiu por terra logo aos sete minutos de jogo. Na única finalização certa em gol do CSA no primeiro tempo, Júnior Amorim aproveitou belo passe dado por Fábio Lopes e abriu o placar. O gol fez o Santos partir para o ataque. Como o empate com gols classificava o time de Alagoas às oitavas da Copa do Brasil.

O gol de Júnior Amorim, o único do jogo (imagens: ESPN Brasil)

É bom lembrar que o Santos poupou alguns titulares, como Ganso e Kléber Pereira, para a final do Paulistão, que seria quatro dias depois. Porém, nem assim, o mais pessimista torcedor do Alvinegro imaginava uma desclassificação em plena Vila Belmiro. O Peixe, até tentava o gol de empate, que ainda assim, classificaria o CSA, mas os alagoanos conseguiam se segurar.

O CSA ainda teve o autor do seu gol, Júnior Amorim, expulso, na metade do segundo tempo. Com um a menos, os alagoanos jogaram de vez na defesa e aproveitando-se da afobação dos jogadores do Santos, conseguiu segurar o 1 a 0 e avançaram na Copa do Brasil de 2009.

Aquele ano seria terrível para o CSA. O time acabou mesmo rebaixado no Alagoano, disputando o acesso no ano seguinte. Na Copa do Brasil, caiu para o Coritiba, na fase seguinte, com duas derrotas: 3 a 0 e 4 a 0. Mesmo com a queda no estadual, a equipe conseguiu vaga na Série D, por causa da desistência de outras, pasmem, seis equipes. Porém, o time acabou caindo na primeira fase. Já o Santos perdeu a final do Paulistão para o Corinthians e ainda foi apenas o 12º no Brasileirão. Era um cenário completamente diferente dos dias atuais.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações