quinta-feira, 22 de agosto de 2019

WO também nos Aspirantes! Figueirense não entra em campo contra o Santos

Foto e colaboração: Walter Dias

Só a equipe do Santos em campo. Jogadores do Figueirense se recusaram ir para o gramado

O problema de atrasos de salários do Figueirense teve um segundo triste capítulo nesta quinta-feira, dia 22, no Estádio Ulrico Mursa, em Santos. Os jogadores da equipe catarinense se recursaram a entrar em campo contra o Santos FC, em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro de Aspirantes, em protesto à falta de pagamento. Com isto, o Peixe ganha por WO e vai à última rodada com chances de estar na semifinal.

Desde o WO que a equipe principal do Figueirense deu na última terça-feira, dia 20 contra o Cuiabá, na Arena Pantanal, pela Série B, já havia comentários que o time de Aspirantes do clube catarinense faria o mesmo nesta quinta, em Santos. E foi exatamente o que aconteceu.

O jogo estava marcado para às 15 horas. E quando faltava uma hora para o início da partida, os presentes no Estádio Ulrico Mursa começaram a ficar apreensivos, porque a delegação do Figueirense não havia chegado ao local da partida. Com o passar dos minutos, a expectativa foi aumentando. O time do Santos foi a campo se aquecer, mas nada do Figueira chegar.

Faltando cerca de 20 minutos para o início da partida, a delegação do Figueirense chegou ao Estádio Ulrico Mursa. Aí, a pergunta era: será que vão entrar em campo? E o questionamento foi pertinente, já que alguns membros da comissão técnica até entraram no gramado, mas nada dos jogadores. Dentro do vestiário, nenhum tipo de barulho parecido com aquecimento de atletas. A cada minuto que se passava, ficava mais claro que time de Aspirantes repetiria que a equipe principal do clube tinha feito dois dias antes.

O árbitro deu início ao cerimonial de início da partida apenas com a equipe do Santos, que perfilou junto com a arbitragem para o hino nacional. Depois, os jogadores do Santos ficaram batendo bola, para se manterem aquecidos, esperando uma decisão do elenco do Figueirense. Já a arbitragem, como diz a regra, era obrigada a esperar 30 minutos.

Depois de 15 minutos daquele que seria o início do jogo, a delegação do Figueirense saiu do vestiário. Mas não foi para ir ao gramado e sim voltaram ao ônibus. Eles decidiram não entrar em campo e sair do Estádio Ulrico Mursa. A arbitragem esperou os 30 minutos e decretou o WO para o Santos FC.

Delegação do Figueirense saindo do Estádio

Problemas econômicos - O Figueirense, que atualmente é um clube empresa, está passando por uma grave crise financeira. O elenco está com direitos de imagem atrasados desde maio, enquanto os salários não são pagos desde julho. O FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) dos atletas também não vem sendo recolhido. E este problema abrange todas as categorias do clube.

Na Série B, há um grande risco de o Figueirense tomar um novo WO neste sábado, dia 24, em jogo contra o CRB. Caso isto aconteça, o clube catarinense corre grande risco de ser eliminado da competição e rebaixado para a Série C antes do final da competição.

Próxima rodada - Com a vitória por WO, o Santos foi a sete pontos e vai para a última rodada com chance de classificação no Grupo D. O Peixe encara o Internacional, na próxima quinta-feira, dia 29, às 15 horas, na Morada dos Quero-Queros, em Alvordada. No mesmo instante, o Figueirense, já eliminado, cumpre tabela contra o Vitória, que também briga por uma vaga na semifinal, no Orlando Scarpelli, em Florianópolis. Isto de não houve um novo WO.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações