terça-feira, 9 de abril de 2019

Os times profissionais nos 70 anos de Cubatão


A cidade de Cubatão completa 70 anos de emancipação político-administrativa neste 9 de abril de 2019. No futebol, a cidade sempre foi um celeiro de atletas, foi de lá que surgiram nomes como Pita, Claudio Adão e Milton Cruz. Porém, no profissionalismo, o município nunca teve grande destaque e em três oportunidades houveram tentativas de se ter um representante em competições da Federação Paulista de Futebol, mas em ambas não se teve continuidade.

O futebol de Cubatão teve seu auge no amador nas décadas de 60 e 70, quando times como o Comercial Santista e o EC Cubatão faziam frente aos melhores times na categoria, chegando a, inclusive, ter títulos regionais. Porém, ambos os clubes nunca se arriscaram no profissionalismo, deixando a cargo de AA Guimarães, em 1966, AA Cubatense, em 2005, e Real Cubatense, em 2017, as tentativas. Ambos jogaram apenas um ano e sempre no quarto escalão do estado. Vamos ver como foram as participações:

ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA DOS GUIMARÃES
Campeonato Paulista da Terceira Divisão de 1966
Quarto escalão do futebol estadual

Equipe que disputou o campeonato em 1966
(foto: acervo Jair Siqueira)

Em 1966, a Federação Paulista de Futebol resolveu incentivar a profissionalização dos clubes no estado, principalmente em cidades que não estavam nas divisões acima. Com isto, a Terceira Divisão de 1966, equivalente ao quarto escalão do estado, teve o incrível número de 78 participantes! Entre eles estava a Associação Atlética dos Guimarães, de Cubatão, que havia sido fundada dois anos antes e resolveu se arriscar no profissionalismo, mesmo não sendo a grande equipe amadora da cidade na época.

A verdade é que o Guimarães não foi tão bem na competição. A inexperiência de se envolver no futebol profissional, mas a bagunça do próprio campeonato não fez tão bem ao Alviverde cubatense.  O título da competição ficou com o CA Ferroviário, de Araçatuba.

O Guimarães ainda disputou um torneio, no mesmo ano, contra as outras equipes da Baixada que jogaram a divisão, que eram o São Paulo de Itanhaém, São Paulo de São Vicente, Vila Souza e Itapema, ambos de Guarujá. O Guimarães até aplicou uma bela goleada de 5 a 0 sobre o time de Itanhaém, mas o título foi do São Paulo de São Vicente. Depois, a AA Guimarães nunca mais se arriscou no futebol profissional, indo jogar nos torneios amadores da cidade. Atualmente, o clube está inativo e sua sede abandonada.

ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA CUBATENSE
Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2005
Quarto escalão do futebol estadual

A Cubatense no jogo contra o Jabaquara, em Cubatão
(foto: Fernando Martinez/Jogos Perdidos)

Depois de 39 anos, Cubatão voltou a ter uma equipe disputando um campeonato profissional. Com o apoio do governo municipal, que havia sido reeleito no ano anterior, foi fundada a Associação Atlética Cubatense, que se filiou à Federação Paulista de Futebol, adequou o Poliesportivo Roberto Dick e disputou a Segunda Divisão Estadual, equivalente ao quarto estágio, em 2005.

A Cubatense, que estava no Grupo 4, formado por times da Baixada, Vale do Ribeira, ABC e Capital, até que no início brigou pela zona de classificação, tendo vitórias importantes, como contra o São Bernardo FC, fora de casa, por 1 a 0, mas derrotas para os "vizinhos" Jabaquara e AD Guarujá tiraram qualquer chance de classificação. A despedida foi honrosa: venceu o Barcelona Capela por 2 a 1 como visitante.

O clube se licenciou na Federação Paulista de Futebol no ano seguinte, depois mudou de sede e nome, passando a se chamar Itapevi FC, indo para a cidade da grande São Paulo. Disputou competições até 2012 e novamente se licenciou.

ATLÉTICO REAL CUBATENSE
Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2017
Quarto escalão do futebol estadual

A equipe que venceu o São José, fora de casa, por 3 a 1
(foto: Victor de Andrade)

Mais doze anos e um novo representante do município no futebol paulista. O Atlético Real Cubatense se filiou em 2016, mas oficialmente sendo de Santos. Cubatão não tinha (como atualmente não tem) um local apto para receber partidas oficiais e a saída do novo clube foi se registrar na cidade vizinha, atuando no Estádio Espanha, do Jabaquara Atlético Clube.

A equipe esteve no Grupo 4 e teve certas dificuldades, como uma goleada por 6 a 0 sofrida para o Mauaense. Porém, uma vitória fora, por 3 a 1, sobre o São José, colocou a equipe na briga e ela chegou na última rodada com chances de classificação e estava passando de fase até aos 43' do segundo tempo, quando levou a virada do União Mogi e deixou a vaga na fase seguinte da competição escapar.

O Real Cubatense é o clube da cidade que teve o melhor papel em uma competição da FPF, quando chegou ao mata-mata do Sub-20 da Segunda Divisão Paulista. Depois o clube se licenciou, mas segue ativo, disputando competições de base da Copa Ouro da Associação Paulista de Futebol (APF) e ainda tenta voltar ao futebol profissional.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações