terça-feira, 25 de dezembro de 2018

Joel Santana - O Rei do Rio

São oito cariocas, sendo um como jogador e sete como treinador

Na década de 90 havia uma briga em terras cariocas para ver quem era o jogador Rei do Rio. Renato Gaúcho, Edmundo, Romário e Túlio Maravilha, a cada título conquistado por eles, reivindicava o "trono". Porém, o verdadeiro dono da "coroa" vinha do banco de reservas, comandando a equipe: Joel Santana. Naqueles dez anos, ele, que está completando 70 anos neste 25 de dezembro, conquistou cinco títulos cariocas como treinador.

Porém, a vitoriosa história de Joel Santana com o estadual do Rio de Janeiro vem de muito antes da década de 90, mais precisamente em 1970. Naquele ano, ele era jogador do elenco do Vasco, que conquistou o título com um ponto na frente do Fluminense. Joel Santana não era titular, é verdade, mas para a história, ficou como o seu primeiro título carioca.

A história de Joel Santana com título no Rio de Janeiro voltaria 22 anos depois. Dirigindo o Vasco, ele foi o comandante da campanha vitoriosa de 1992. O mais legal é que ele repetiu a dose no ano seguinte, levando o cruzmaltino ao bicampeonato. Porém, Joel não foi o treinador do tri, em 1994, mas ele também foi campeão estadual, só que com o Bahia.

Em 1995, Joel Santana voltaria mais uma vez a escrever seu nome no Campeonato Carioca. Ele assumiu um Fluminense desacreditado, com veteranos e jogadores com pouco nome. Porém, na fase final, buscou o título, inclusive com uma vitória épica sobre o Flamengo de Romário e Sávio, com direito a gol de barriga de Renato Gaúcho.

No ano seguinte, Joel Santana foi para o Rubro Negro e conquistou, talvez, o Campeonato Carioca mais fácil de sua carreira como treinador. O time mantinha Romário e Sávio e levantou a taça conquistando os dois turnos. Em 1997, Joel Santana assumia o Botafogo e adivinha: campeão carioca novamente, com direito a caçoar a dança da bundinha feita por Edmundo, então no Vasco, no primeiro jogo da final. Quem dançou por último, dançou melhor naquele ano.

Joel Santana entrou em um hiato de 11 anos sem conquistar o Campeonato Carioca, mas em 2008, novamente no Flamengo, comandou a equipe em mais um título estadual. Mas ainda teria mais um: em 2010, no Botafogo, depois de ter comandado a seleção sul-africana, o "papai" colocou mais um troféu carioca em sua estante. No total, foram oito títulos, sendo sete como treinador e um como jogador. Não dá para negar que o Rei do Rio é ele!
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações