domingo, 18 de novembro de 2018

Libertadores Feminina começa neste domingo em Manaus

Por Victor de Andrade


Tem início neste domingo, dia 18, na Arena da Amazônia, em Manaus, com os jogos Urquiza x Cerro Porteño e Flor de Patria x Iranduba, a edição de 2018 da Copa Libertadores Feminina (a décima da história). A competição, que terá a participação de 12 equipes, sendo três brasileiras, está prevista para terminar no dia 2 de dezembro.

Depois de uma Libertadores de 2017, realizada em Assunção no Paraguai, com problemas sérios, com jogadoras de várias delegações passando mal e partidas sendo adiadas, espera-se que em Manaus o andamento da competição seja perfeito. Aliás, a organização tomou uma atitude antes do torneio iniciar: na tabela original, alguns confrontos seriam realizados no Estádio da Colina, mas fizeram a modificação e todos os 22 jogos serão na Arena da Amazônia.

Três times brasileiros estão na competição: Audax, atual campeão da Libertadores, Santos, campeão brasileiro em 2017, e o Iranduba, convidado por ser da sede torneio. Além deles, os outros nove países da Conmebol estão representados por uma equipe cada. Confira como são os três grupos do torneio e os favoritos:

GRUPO A
AUDAX-BRA - UNIÓN ESPAÑOLA-EQU
ATLETICO HUILA-COL - PEÑAROL-URU

Tecnicamente é o grupo mais fraco da competição. Apesar de atual campeão da Libertadores, o Audax, que disputou o torneio do ano passado em parceria com o Corinthians, tem um time que nem de longe lembra o que levantou a taça do ano anterior. Porém, como está em uma chave não tão difícil, ainda tem boas chances de chegar à semifinal. O Atletico Huila, da Colômbia, pinta como rival do time de Osasco e pode complicar. O Peñarol, que desbancou o Colon no Uruguai, e o Unión Española, que sempre se classifica para a competição, mas raramente tem bons resultados, devem apenas fazer figuração.

GRUPO B
COLO-COLO-CHI - SANTOS-BRA
JC SPORT GIRLS-PER - DEPORTIVO ITA-BOL

A grande disputa da primeira fase está no Grupo B, já que dois dos grandes favoritos na competição estão nesta chave. O Santos, bicampeão da Libertadores (2009 e 2010), campeão brasileiro de 2017 e atual campeão paulista, já medem forças logo na estreia contra o Colo-Colo, campeão da Libertadores em 2012 e vice no ano passado (perdendo o título nas penalidades). O vencedor deste confronto, provavelmente, será o líder da chave, já que JC Sport Girls e Deportivo ITA só devem fazer figuração.

GRUPO C
UAI URQUIZA-ARG - CERRO PORTEÑO-PAR
FLOR DE PATRIA-VEN - IRANDUBA-BRA

Jogando em casa, diante de sua torcida (que tradicionalmente leva bons públicos para a Arena da Amazônia), o Iranduba pinta como favorito a ser o primeiro colocado do Grupo C e também ao título. Porém, o Hulk não terá vida tão fácil como se imagina, já que terá pela frente o Cerro Porteño, semifinalista na edição passada, e o UAI Urquiza, que é um dos times com mais participação na competição. O Flor de Patria não é uma equipe para se descartar totalmente e pode tirar pontos preciosos dos outros times.

REGULAMENTO

O regulamento da Copa Libertadores Feminina de 2018 prevê que na primeira fase os times joguem entre si, dentro de suas chaves. Os primeiros colocados de cada grupo mais o melhor segundo se classificam para as semifinais. Os vencedores disputam a final da competição, enquanto os perdedores fazem a decisão pelo terceiro lugar. Confira abaixo a tabela completa do torneio:

←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações