segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Campanha do Fortaleza garante a volta por cima de Rogério Ceni como treinador

Por Lula Terras
Foto: divulgação Fortaleza EC

Campanha sob o comando de Rogério Ceni deu o acesso ao Fortaleza

A temporada de 2018 do futebol brasileiro está chegando ao fim e, com ela, algumas situações que merecem ser analisadas, sem paixão clubística, mas de reconhecimento quando o trabalho é bem feito. Neste caso o destaque é a volta por cima do Fortaleza, que está de volta para a série A, depois de 12 anos de ausência, e também de seu treinador, Rogério Ceni, que assumiu o time após ser demitido do cargo de treinador do São Paulo, depois de se consagrar como um dos maiores ídolos do clube e ganhar a fama de goleiro artilheiro, por sua extrema habilidade nas bolas paradas. Nos 25 anos de carreira, Ceni anotou 131 gols, sendo 69, na cobrança de falta e 62, de pênalti. 

O início da carreira como treinador não pode ser considerada como das melhores, dado o auto desafio que foi imposto por ele mesmo, ao aceitar o convite para comandar o São Paulo. Desde quando assumiu no São Paulo, em novembro de 2016 (com partidas só no início de 2017) até sua demissão, em 3 de julho de 2017, foram cerca de seis meses de trabalho, com 37 jogos realizados, dos quais, 14 vitórias, 13 empates e 10 derrotas, com aproveitamento de pouco mais que 50% dos pontos conquistados, que foram insuficientes para as pretensões da diretoria do tricolor paulista, que montou sua equipe para a conquista de títulos. 

Determinado como sempre foi em sua carreira, em novembro de 2017, Rogério Ceni acabou aceitando outro desafio e foi dirigir o Fortaleza, que disputa com o Ceará a primazia do futebol cearense. No início, as coisas não caminharam bem, até a perda do título estadual para o principal rival. Na oportunidade, Ceni chegou a ouvir gritos da torcida o chamando de burro. 

Felizmente para ele e para o clube, a diretoria do Leão do Pici resolver bancar a continuidade do trabalho e o resultado da aposta chegou neste último final de semana, com a vitória por 2 a 1, contra o Atlético/GO, fora de casa, pela 34ª Rodada. O resultado garantiu uma diferença de 12 pontos sobre o 5° colocado, o Vila Nova, também de Goiás, que, até a última rodada poderá alcançar o Fortaleza, em pontos, mas perde no número de vitórias, uma vez que os cearenses somam 19 vitórias, contra 13 dos goianos, daí a garantia de terminar a competição entre os quatros primeiros colocados e com vaga garantida para a Série A, em 2019. Parabéns, ao Fortaleza pelo retorno e ao Rogério Ceni, que se firma como um grande treinador de futebol, que passará a lutar agora, pelo título de campeão da Série B, para terminar com chave de ouro a temporada 2018.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações