sábado, 27 de outubro de 2018

Primavera vira nos acréscimos e conquista a Segundona Paulista

Com informações do site oficial da FPF
Foto: Célio Messias

Primavera fez o que parecia ser impossível: virou nos acréscimos e conquistou o título

Em jogo emocionante, o Primavera venceu o Comercial por 2 a 1 e se tornou o campeão do Paulista Segunda Divisão Sub-23. Na tarde deste sábado (27), no estádio Dr. Francisco de Palma Travassos, em Ribeirão Preto, os donos da casa podiam até empatar e venciam até os 47 minutos da etapa final, mas sofreram a virada em dois lances seguidos.

Como o primeiro jogo havia terminado empatado sem gols, o Primavera sagra-se campeão. As duas equipes, porém, têm o que comemorar, uma vez que o acesso ao Paulista A3 2019 já estava assegurado.

Atuando diante de sua torcida, o Comercial iniciou o jogo de forma ofensiva. Logo aos quatro minutos, o zagueiro do Primavera derrubou Matheus China na área e o árbitro marcou pênalti. Ele mesmo cobrou e abriu o placar.

Após o gol, o Comercial continuou melhor no jogo e criando as principais oportunidades. Aos 26, o goleiro do Primavera errou na saída de bola e Michael Douglas perdeu boa chance. Aos 36 minutos, Liniker fez boa jogada e Gleyson perdeu o gol. No rebote, Lineker chutou para fora. O Primavera tentou levar perigo, sempre acionando China, mas não criou nenhuma chance clara.

No início da etapa final, o Primavera quase empatou. O goleiro adversário errou dentro da área e a bola ficou no pé de Lucas Douglas. Ele chutou, mas Gut salvou em cima da linha. Atrás do placar, o time adiantou a marcação, enquanto o Comercial tentou administrar mais a posse de bola.

Aos 18 minutos, em contra-ataque, Lineker tocou de calcanhar para o Maycon, que ficou cara a cara com o gol. O goleiro Filipe, porém, fez outra grande defesa. O Primavera chegou bem aos 34 minutos. Russo chutou forte da entrada da área em direção ao ângulo, mas Geílson salvou. Aos 37 minutos, Zé Andrade tabelou com Gleyson e chutou bem, mas o goleiro Filipe evitou mais um gol do Comercial.

Nos dois últimos lances, porém, o improvável aconteceu. Aos 47 minutos, após bola alçada na área, o goleiro do Comercial soltou a bola e Gabriel Caran mandou para a rede. Mesmo com esse resultado, o Comercial seria o campeão Mas, os 48 minutos, em outra bola aérea, Felipe cabeceou e garantiu o título aos visitantes.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações