segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Deco no Corinthians

Por Victor de Andrade

Cena rara: Deco atuando pelo time principal do Corinthians, em 1996, contra o Fluminense
(foto: Gazeta Press)

Um meia clássico, daqueles que dificilmente erra um passe, Anderson Luís de Souza, o Deco, não teve muito destaque no futebol brasileiro e acabou se tornando um grande jogador na Europa, inclusive se naturalizando e defendendo a Seleção Portuguesa. Porém, ele chegou a atuar por aqui (fora a passagem dele pelo Fluminense, seu último clube como atleta) no começo da carreira, tendo se profissionalizado pelo Corinthians, em 1996.

Deco nasceu em São Bernardo do Campo, no dia 27 de agosto de 1977. Começou jogando nos times da sua cidade e logo foi descoberto pelo Nacional, onde fez a base. Porém, em 1996, ele foi contratado por um grupo de empresários que comandava as categorias de base do time da Barra Funda e que também tinha acordos com o Corinthians e ele acabou indo para o Timão.

Apesar de novo e ser, a princípio, jogador da equipe Sub-20, Deco acabou sendo utilizado no time profissional do Alvinegro. Como o Corinthians estava mal no Brasileirão de 1996, começou a mudar muito a equipe e foi aí que o meia teve chance de jogar suas duas primeiras partidas como profissional.

Em 1997, a expectativa de Deco era grande. Porém, como ainda tinha idade de Sub-20, ele "desceu" para o time que ia disputar a Copa São Paulo de Juniores. Era a grande oportunidade de mostrar o seu futebol. Deco e o próprio Corinthians até fizeram uma boa campanha, mas o Timão perdeu o título para o na época Lousano Paulista (o atual Paulista de Jundiaí) nos pênaltis, depois de um empate em 1 a 1 no tempo normal, em partida realizada no Canindé.

Treinando no Parque São Jorge
(foto: Gazeta Press)

Ao voltar ao elenco profissional, Deco não teve as chances que esperava, não ia sequer para o banco de reservas. Então os empresários o levaram para Alagoas, colocando o seu passe ligado ao Corinthians local e foi emprestado ao CSA, onde se destacou, ao lado de Adriano Gabiru, e conquistou o Alagoano daquele ano. No profissional do Corinthians, Deco acabou jogando apenas as duas partidas de 1996.

Do CSA, Deco foi negociado com o Benfica. Apesar de não ter dado certo no Encarnado, o meia passou por Alverca e Salgueiros até chegar no Porto, onde estourou para o futebol mundial. Daí para frente todos conhecem a sua história, recheada de títulos por grandes times europeus.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações