quinta-feira, 2 de agosto de 2018

A turbulência no Santos influencia dentro das quatro linhas do gramado

Por Lula Terras

José Carlos Peres tem dois pedidos de impeachment no conselho do clube
(foto: Ivan Storti/Santos FC)

Não bastasse a má campanha no Campeonato Brasileiro, onde, embora ainda tenha um jogo a menos que a maioria, o Santos ocupa a 17ª colocação, as ondas de turbulência que atingem o clube, ao que parece, vão demorar em se afastar. Para colocar mais lenha na fogueira, o presidente do Conselho Deliberativo, Marcelo Teixeira, já marcou as datas das reuniões em que serão colocados em votação os dois pedidos de impeachment contra o presidente da Diretoria Executiva do clube, José Carlos Peres. 

As reuniões deverão acontecer nos dias 29 ou 30 de agosto e 3 ou 4 de setembro. Por coincidência ou não, a situação certamente ficará mais quente, tendo em vista que são datas bem próximas dos confrontos contra o Independiente, pelas oitavas-de-final da Taça Libertadores da América, cujas partidas acontecerão neste mês, nos dias 21 (na Argentina) e 28 (no Pacaembu). 

Para que as pessoas entendam melhor esse processo do impeachment, o primeiro formulado por um grupo de conselheiros, liderados por Alexandre Silva, tem por base uma portaria criada, pelo próprio presidente Peres, sobre as contratações feitas pelo clube, que só poderão acontecer mediante determinação do presidente. Esses conselheiros entendem que a medida inflige o estatuto do clube. 

O outro pedido de impeachment, encabeçado pelo conselheiro Esmeraldo Tarquínio Neto, toma por base as empresas Saga Talent e Peres Sports & Marketing, que pertencem a José Carlos Peres, situação que atenta contra o Estatuto. 

Para piorar ainda mais a situação, torcedores postaram nas redes sociais uma denúncia feita por um jornalista, que é conselheiro eleito justamente pela chapa encabeçada por Peres. Segundo a postagem, o conselheiro credita a não inscrição dos atletas Bryan Ruiz e Carlos Sanchez na Copa do Brasil à falta do pagamento aos empresários que participaram da negociação. Ou seja, embora contratados e treinando com o restante do elenco, os atletas ainda não tiveram seus nomes divulgados pelo BID, da CBF. Enfim, os problemas no Santos, não são apenas no gramado. Aliás, as questões fora é que influenciam dentro das quatro linhas.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações