quarta-feira, 11 de julho de 2018

A última semifinal da Inglaterra

Por Victor de Andrade

A Inglaterra, de branco, encarou a Alemanha Ocidental, de verde, na semifinal de 1990

Nesta quarta-feira, dia 11 de julho, a Inglaterra faz sua terceira semifinal na história das Copas do Mundo, quando encara a Croácia, no Luzhniki Stadium, em Moscou. A primeira semifinal inglesa foi em casa, em 1966, quando venceram Portugal e caminharam para a final. A segunda completou 28 anos na semana passada, quando na Itália, em 1990, a Inglaterra teve pela frente a Alemanha Ocidental.

Mesmo tendo sido primeira colocada no Grupo F, a Inglaterra não havia feito uma boa primeira fase, já que começou com empates contra a Irlanda (1 a 1) e Holanda (0 a 0). Porém, uma vitória magra contra o Egito, por 1 a 0, e empate entre irlandeses e holandeses garantiram ao English Team a liderança na chave.

A vitória dos alemães veio apenas nas penalidades

No mata-mata, a Inglaterra precisou da prorrogação nas oitavas. Contra a Bélgica, depois do 0 a 0 persistir por 119 minutos, David Platt fez o gol da classificação. Já nas quartas, enfrentando a sensação Camarões, os ingleses chegaram a estar atrás no marcador, empatou em 2 a 2 no tempo normal e fez o gol da vitória no tempo extra.

Naquele 4 de julho 1990, no Stadio Delle Alpi, em Turim, os Ingleses teriam pela frente a Alemanha Ocidental, que até então era considerada a melhor equipe da Copa do Mundo. Porém, a Inglaterra foi melhor no primeiro tempo. O time de Lineker, Gaiscone e cia. envolveram o time alemão, que não conseguia travar as ações, mas os 45 minutos iniciais terminaram com o placar de 0 a 0.

Na segunda etapa, o cenário continuava o mesmo. Porém, aos 15 minutos, a Alemanha Ocidental abriu o marcador. Em cobrança de falta, a bola foi rolada para Andreas Brehme, que bateu forte. A bola desviou em um jogador inglês e encobriu o goleiro Peter Shilton, que nada pôde fazer: 1 a 0 para os alemães.

Melhores momentos da partida

Em desvantagem no marcador, a Inglaterra foi para cima, em busca do empate. De tanto insistir, o gol da igualdade saiu faltando 10 minutos para o fim do tempo regulamentar. Lineker recebeu a bola dentro da área, cercado de marcadores alemães, mas com um balãozinho tirou os marcadores da jogada e bateu cruzado, sem chances para Ilgner: 1 a 1 no placar do Delle Alpi e jogo na prorrogação.

Depois de um 0 a 0 no tempo extra, a decisão foi para as penalidades e aí os alemães levaram a melhor, já que Stuart Pearce e Chris Waddle desperdiçaram suas cobranças. A Inglaterra era eliminada pelo time que foi campeão, ao bater a Argentina na final. Já os ingleses ficaram apenas na quarta colocação, já que foram derrotados pela Itália, dona da casa, por 2 a 1 na decisão de terceiro lugar.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações