terça-feira, 26 de junho de 2018

Deu sono este 0 a 0!

Fotos: Getty Images.com/Fifa.com

O 0 a 0 entre as duas seleções fizeram da partida a mais fraca na Copa do Mundo Rússia 2018

Se alguém dormiu mal nesta madrugada, com certeza cochilou! França e Dinamarca fizeram um jogo muito, mas muito sonolento nesta terça-feira, dia 26. Nem o fato de a partida ser o Luzhniki Stadium, em Moscou, o palco mais importante da Copa do Mundo Rússia 2018, salvou o fato de a partida ter sido chata, um 0 a 0 que nem o mais empolgado torcedor francês ou dinamarquês gostou. Como empate classificaria as duas equipes, elas estão nas oitavas.

Antes de falar da partida (falar o quê, aliás?), é bom lembrar de um fato. O primeiro 0 a 0 em uma Copa do Mundo aconteceu na segunda rodada do Mundial de 1958, na Suécia. Foi um Brasil e Inglaterra. Depois disto, nunca se demorou tanto para se ter um placar em branco no maior torneio de futebol do planeta como na Rússia. Foram 36 embates até o França e Dinamarca.

Por incrível que possa parecer, quem menos dependia do resultado, que era a França, foi a que menos deu sono na partida. Com seis jogadores reservas, os franceses, em alguns (poucos mesmo) momentos, tentaram fazer algo. A vitória deixaria os "Bleus" com 100% de aproveitamento, algo que até agora só o Uruguai conseguiu.

A Dinamarca? Ah, quem viu a Dinamáquina de 1986, o time campeão europeu em 1992, surpreendendo todo mundo, ou o bom time de 1998, que vendeu caro a derrota para o Brasil nas quartas-de-final, deve ter tido vergonha desta Seleção Dinamarquesa. Quanto mais o tempo passava, menos o time tinha vontade de atacar.

Dinamarqueses comemoram a classificação no jogo sem graça

Para piorar, a ameaça dinamarquesa foi desmoronando na outra partida. A Austrália, a única seleção que poderia ultrapassar os dinamarqueses na briga pelo segundo lugar no Grupo C, perdia para o Peru por 2 a 0. Tudo isto fazia com que a equipe tirasse o pé. Nem o fato de poder tirar o primeiro lugar dos franceses com a vitória animaram a Dinamarca. Então, o 0 a 0 ficou no placar no apito final do árbitro brasileiro Sandro Meira Ricci.

Estávamos mal acostumados com os jogos sempre com gols? Pode ser! Apesar de alguns embates desta Copa mereciam ter sido 0 a 0 pelo futebol apresentado, como no Irã 1 x 0 Marrocos, onde o gol saiu nos acréscimos e contra, a verdade é que estava legal ver a rede balançada em todas as partidas até aqui. Tem um ditado que diz que "tudo que é bom dura pouco", durou bastante até, mas quando acabou foi chato!
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações