sábado, 19 de maio de 2018

Madureira bate a Caldense por 3 a 1 e vence a primeira na Série D

Por Diely Espindola, direto do Estádio Conselheiro Galvão
Foto: Luis Miguel Ferreira/Agência TFFA

Madureira venceu a primeira na competição e ainda briga pela classificação

O Madureira encerra o jejum de vitórias no Campeonato Brasileiro da Série D de 2018. Jogando em seu estádio, no Conselheiro Galvão, na tarde deste sábado, dia 19, o Tricolor Suburbano enfrentou a Caldense e venceu a equipe mineira pelo placar de 3 a 1, conseguindo o seu primeiro resultado positivo na competição.

O Madureira buscava sua primeira vitória na competição, iniciando a partida amargando a lanterna do grupo A14, tendo conquistado apenas 2 pontos em dois empates, contra o Linense e o Maringá. Já aos 6 minutos de partida, um susto na área do Madureira. O atacante da Caldense Gustavinho entra na área sem dificuldades e bate rasteiro para boa defesa de Jonathan. O goleiro completava 100 partidas com a camisa do Tricolor suburbano, juntamente com o volante e lateral Ramon.

Durante o primeiro tempo, quem domina a partida é a Caldense, que leva perigo ao Madureira com frequência e faz o goleiro Jonathan suar a camisa para defender o gol tricolor. O Madureira apenas tenta encaixar bons contra ataques nas oportunidades que encontra.

As duas equipes perfiladas antes do início da partida

Aos 24 minutos da primeira etapa, o Madureira encontra a oportunidade de abrir o placar. Welber recebe em boa posição e marca. Após o gol, o Madureira acorda para a partida. Aos 30 minutos uma belíssima jogada de Douglas Lima quase culmina no segundo gol do Tricolor. Pela esquerda o lateral dribla a marcação de dois defensores da Caldense, e dá ótimo cruzamento para Welber, que por pouco não alcança a bola.

A Caldense, apesar de pressionar, até o fim do primeiro tempo só fica no "quase". Aos 36 minutos Potita entra livre na área e em chute rasteiro acerta em cheio a trave, por pouco não empatando a partida.

O segundo tempo começa com uma fortíssima chuva em Madureira. Os lances iniciais são quase uma repetição da primeira etapa: a Caldense nos primeiros minutos já chega levando perigo ao gol do Madureira, porém não consegue acertar a finalização.

Até os 14 minutos, as equipes fazem um segundo tempo equilibrado, de bola lá e cá, e muitos gols perdidos. Aos 15 o Madureira amplia a vantagem, novamente com Douglas Lima fazendo boa jogada e deixando Recife livre para cabecear: 2 a 0 para o Madureira.

Comemoração em um dos gols do Madureira

Aos 20 minutos a Caldense diminui a diferença. Potita cobra falta para a área, e também de cabeça o zagueiro Davy faz o primeiro gol da equipe na partida. Aos 28, o lateral do Madureira Ramon, que mal havia entrado em campo, foi expulso direto por falta dura em Robinho.

Com um a menos em campo, o Madureira tenta segurar a Caldense, que ataca e tenta equilibrar o placar. No entanto é o Tricolor quem alcança a meta e aos 40 minutos faz o seu terceiro gol, mais um de Welber. Logo em seguida, o goleiro da Caldense, Omar, é expulso ao colocar a mão na bola fora da área, e por já ter feito as três substituições, um jogador de linha, Robinho vai para o gol.

Desestabilizada, a Caldense não ataca mais e o jogo termina sendo dominado pelo Madureira. Com a vitória, o Tricolor permanece na lanterna de seu grupo, mas com o mesmo número de pontos do terceiro e segundo colocados. A próxima partida do Madureira será confronto direto com o Linense, dia 27, às 18 horas, no Estádio Gilberto Siqueira Lopes, em Lins, no interior de São Paulo. Já a Caldense, no mesmo dia e horário, recebe o Maringá.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações