quarta-feira, 2 de maio de 2018

Já classificado, Santos é derrotado pelo Nacional no Gran Parque Central

Leandro Bacia entrou no intervalo e fez o gol da vitória do Nacional

O Santos não fez uma boa jornada na noite desta terça-feira, dia 1º de maio, no Estádio Gran Parque Central, em Montevidéu, no Uruguai. Jogando contra o Nacional, o Peixe sofreu sua segunda derrota na Copa Libertadores de 2018, por 1 a 0, gol de Leandro Barcia, no segundo tempo. Apesar do resultado, o Alvinegro já garantiu sua vaga para a próxima fase da competição, graças ao empate entre Real Garcilaso e Estudiantes de La Plata, os outros dois times do Grupo F do torneio.

Antes de entrar no gramado do Gran Parque Central, o Santos teve uma grande notícia: com o empate entre Real Garcilaso e Estudiantes, em partida realizada no Peru, as duas equipes foram a apenas cinco pontos e faltando apenas uma partida para ambas, não alcançava mais o Peixe, que com nove pontos já garantia seu lugar nas oitavas de final da Libertadores. Já o Nacional precisava ganhar para chegar aos oito pontos e precisar apenas de um empate na última rodada da fase de grupos para avançar.

A classificação antecipada, aparentemente, relaxou demais o time brasileiro. Durante os 90 minutos, o Alvinegro foi totalmente dominado pelo Nacional. Só para se ter uma ideia, a única chegada de perigo do Santos na primeira etapa foi aos 23 minutos, em cobrança de falta de Daniel Guedes, pela esquerda, com a bola passando perto do gol defendido por Conde.

Alison cerca o jogador uruguaio

Já o Nacional pressionava o Peixe e a melhor chance do Bolso na etapa inicial aconteceu aos 35 minutos. Gabriel perdeu a bola no ataque e acabou dando o contra-ataque para o time da casa. Romero iniciou a jogada e tocou para De Pena, que bateu de longe. Vanderlei espalmou nos pés de Romero, que com o gol livre, acertou a trave, perdendo incrível oportunidade de marcar.

Na segunda etapa, o Nacional voltou a pressionar e abriu o marcador aos 12 minutos, com Leandro Barcia, em jogada em que a bola passou por toda a defesa do Alvinegro. A fim de igualar o placar, o Peixe tentava sair pelas laterais mas era fortemente marcado pelos uruguaios, que abusavam da força e das faltas. Nos acréscimos, em cobrança de falta de Dodô, Vitor Bueno quase desvia e marca, porém o goleiro Conde conseguiu afastar o perigo e decretou a vitória uruguaia pelo placar mínimo.

Pela Conmebol Libertadores, o Santos FC volta a campo somente dia 24 de maio para encarar o Real Garcilaso (PER) pela última rodada da fase de grupos. Pelo Campeonato Brasileiro, o Alvinegro Praiano encara o Grêmio neste domingo (6) após folgar na terceira rodada. A partida será realizada na Arena do Grêmio, às 19 horas, em Porto Alegre-RS. Já o Nacional, no mesmo dia, encara o Estudiantes, na Argentina, mas pelo Campeonato Uruguaio, o Bolso faz a última rodada contra Danubio, no domingo, dependendo apenas de si para vencer o Apertura, o primeiro turno da competição.

Léo Citadinni tenta avançar

Ficha Técnica
NACIONAL 1 X 0 SANTOS FC

Data: 1º de maio de 2018
Local: Gran Parque Central - Montevidéu - Uruguai
Árbitro: Wilmar Roldan (COL);
Auxiliares: Alexander Guzman (COL) e Cristian de la Cruz (COL);

Cartões Amarelos
Nacional: De Pena e Santiago Romero
Santos FC: Léo Cittadini, Alison e Daniel Guedes

Gol
Nacional: Leandro Barcia, aos 12 do 2ºT

Santos FC: Vanderlei; Daniel Guedes, Luiz Felipe, David Braz e Dodô; Alison, Léo Cittadini e Jean Mota (Vecchio); Copete (Arthur Gomes), Gabriel e Rodrygo (Vitor Bueno) - Técnico: Jair Ventura.

Nacional: Conde; Fucile, Corujo, Polenta e Espino; Santiago Romero, Oliva, Zunino (Sebastián Rodríguez), Viúdez (Leandro Barcia) e De Pena (Bueno); Bergessio - Técnico: Alexander Medina.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações