sexta-feira, 20 de abril de 2018

Na Javari, Jabaquara bate Barcelona Capela e vence a primeira na Segundona

Por Victor de Andrade
Com as colaborações de Rodrigo Tognato (Gol & Rock Web Rádio) e Jorge Luís de Oliveira (Rádio Esportes)
Fotos: Adelino Rodrigues (Jabaquara AC)

Debaixo de sol forte na Rua Javari, Barcelona Capela e Jabaquara fizeram um jogo movimentado

O Jabaquara venceu a sua primeira partida no Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2018. Jogando no Estádio Conde Rodolfo Crespi, a famosa Rua Javari, na tarde desta sexta-feira, dia 20, o Leão da Caneleira bateu o Barcelona Capela pelo placar de 1 a 0 e fez a equipe da Baixada ir a quatro pontos na competição. O gol da vitória do Rubro Amarelo foi marcado por Yan, aos 27 minutos do segundo tempo.

O Jabaquara, dirigido por Ricardo Gonçalves, o Kaká, entrou em campo em busca da primeira vitória na competição. Depois de ser derrotado, na estreia, pelo Elosport, fora de casa, por 2 a 1, o Leão da Caneleira empatou na última rodada com o Mauaense, no Estádio Espanha, em 0 a 0, debaixo de muita chuva. Já o Barcelona, que estreou empatando em 0 a 0 com o Mauá FC, ganhou os três pontos do último jogo, já que a AD Guarujá estava com o seu estádio interditado e não teve como mandar a partida.

No início do primeiro tempo, Jabaquara dominou as ações

Apesar de estar atuando fora de seus domínios, quem começou pressionando foi o Jabaquara. Logo aos 2 minutos, Guilhermão invadiu a área pela direita e cruzou rasteiro, mas ninguém aproveitou a chance. O Barcelona respondeu no minuto seguinte, com Gustavo, mas que na hora de finalizar mandou a bola por cima do gol defendido por Matheus Dellamonica. Aos 5', novamente Guilhermão assustou a equipe da casa, mas após desvio na defesa, Valter fez a defesa.

Aos 9', o Jabaquara, por muito pouco, não abriu o marcador. Jeferson cobrou escanteio pela direta, de pé trocado, e Weliton, de cabeça, assustou, com a bola passando próxima da trave. Dez minutos depois, a equipe da casa atacou com o atacante Thiago Alves, que passou por três defensores do Leão da Caneleira, mas finalizou para fora. O Jabuca respondeu com Jeferson, aos 23', após tabela com Raul, mas Valter trabalhou bem e fez a defesa.

Aos 31 minutos, Gustavo fez bela jogada e arriscou belo chute de cobertura, mas Matheus Dellamonica se recuperou e acabou defendendo espetacularmente, evitando a abertura do marcador pelo Barcelona. Aos 43', Jeferson cobrou falta perigosa, mas Valter foi bem na bola. Assim, a primeira etapa terminou com o placar de 0 a 0.

Aos poucos, o Barcelona foi equilibrando as ações
(foto: Rodrigo Tognato)

Logo no primeiro lance do segundo tempo, Biel fez grande jogada pela pela esquerda e serviu Bruno, mas a defesa do Barcelona conseguiu afastar o perigo. Em seguida, em cobrança de falta, Thiago fez o goleiro do time da casa, Valter, trabalhar. Aos 3', em jogada pelo lado direito, Raul não conseguiu finalizar, mesmo assim, a bola sobrou para Guilhermão, que foi derrubado, mas a arbitragem mandou seguir. O Barcelona respondeu com Washington, de bicicleta, mas Matheus Dellamonica estava bem posicionado e fez a defesa.

Com o passar dos minutos da segunda etapa, o jogo foi perdendo ritmo, muito por causa do surpreendente calor que estava na Moóca. Porém, aos 17', Thiago fez bela jogada e obrigou o goleiro do Barcelona, Valter, a fazer a defesa em dois tempos. Aos 19', o Leão da Caneleira teve a melhor chance da partida até então: Bruno serviu Joilson, que invadiu a área e tentou tocar de cobertura, mas a bola foi, caprichosamente, para fora.

No segundo tempo, o Leão conseguiu marcar o seu gol

Aos 23 minutos, em jogada de escanteio, o zagueiro Kevin teve tudo para marcar para a equipe da casa, mas Lucas conseguiu atrapalhar o jogador do Barcelona. Já aos 27', o Jabaquara abriu o marcador. Lucas fez boa jogada pela direita, foi até a linha de fundo e cruzou na cabeça de Biel. O lateral, que foi deslocado para a meia na segunda etapa,  nem cabeceou a bola com força, mas foi o suficiente para bater o goleiro Valter: 1 a 0 para o Leão da Caneleira.

Com o gol, o Leão da Caneleira passou a cadenciar o jogo, fazendo o Barcelona correr atrás da bola. O time da casa pareceu se abater com o placar, e pouco atacava. A melhor chance do clone do time Catalão foi aos 43', em cobrança de falta de Gerson, que mandou a bola na trave, mas a defesa do Jabaquara afastou o perigo no rebote e garantiu o resultado: 1 a 0.

Na próxima rodada, quem entra em campo primeiro é o Barcelona Capela, que no dia 28, sábado, encara o Primavera, às 15 horas, no Estádio Ítalo Mário Limongi, em Indaiatuba. Já o Jabaquara volta a jogar no dia 29, domingo, quando faz o confronto da Baixada Santista contra a AD Guarujá, às 10 horas, no Estádio Espanha, em Santos.

Biel cobrando lateral pela esquerda

Ficha Técnica
BARCELONA CAPELA 0 X 0 JABAQUARA

Data: 20 de abril de 2018
Local: Rua Javari - São Paulo-SP
Árbitro: Rodrigo Batista da Silva
Assistentes: Bruno Silva de Jesus e Bruno Bonani Munhoz

Cartões Amarelos
Barcelona Capela: Gustavo
Jabaquara: Biel

Gol
Jabaquara: Biel, aos 27' do segundo tempo

Barcelona Capela: Valter; Carlos, Lucas, Kevin e Gerson; Alessandro (Guilherme), Felix, Davison (Iran) e Thiago Alves; Samuel (Washington) e Gustavo  - Técnico: João Paulo Afonso

Jabaquara: Matheus Dellamonica; Abimael (Bruno), Weliton, Alef e Biel; Cleverton, Thiago, Lucas e Jeferson; Guilhermão (Joilson) e Raul (Yan) - Técnico: Ricardo "Kaká" Gonçalves
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações