sábado, 3 de março de 2018

Com gol irregular, Flamengo vence o Botafogo por 1 a 0

Por Diely Espindola, direto do Estádio Nilton Santos

Moisés e Everton Ribeiro em disputa de bola (foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Neste sábado, 03, Flamengo e Botafogo se enfrentaram no clássico que nos últimos anos, tem sido de maior rivalidade no Rio de Janeiro. A partida, válida pela terceira rodada da Taça Rio, apesar de ter o Flamengo como mandante, aconteceu no Estádio Nilton Santos, a casa do Botafogo. E o Rubro Negro levou a melhor, mesmo com um gol irregular.

E foi com postura de dono da casa que o Botafogo iniciou a partida, levando o time quase todo do Flamengo ao campo de defesa. Mas aos 3 minutos de jogo, o árbitro marca falta perigosa para o Rubro-Negro. A falta é cobrada por Diego, que lança a bola na área pelo alto, e o zagueiro Rhodolfo, em posição irregular, abre o placar para o Flamengo, que vence a partida.

O restante da primeira etapa correu com ligeiro domínio do Botafogo na posse de bola, e apesar de finalizar mais, levou poucas chances reais de gol à meta do goleiro Diego Alves. O Flamengo aproveitava cada chance de contra-ataque, e levou mais finalizações perigosas para dar trabalho ao goleiro Gatito, que como sempre fez boas defesas.

Rômulo, em posição irregular, marcando o único gol do jogo
(foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Faltou ao Botafogo no primeiro tempo aprimorar suas finalizações, já que mantinha a bola na maior parte do tempo no campo de ataque, no entanto sem perigo. Talvez a única finalização precisa do Botafogo tenha sido o gol de Kieza, aos 22 minutos, no entanto o gol foi irregular, como o do Flamengo. Porém este foi anulado. Com bastante passes errados e muitas faltas marcadas no lado Alvinegro da partida, o primeiro tempo terminou com a vitória parcial do Flamengo por 1 a 0.

No segundo tempo, o Botafogo pressiona na saída de bola. Chega com facilidade à área, mas o maior problema para o Alvinegro é acertar as finalizações. O Alvinegro é superior em campo, toca mais a bola e joga com tranquilidade. Tranquilidade até demais, o que tornou a partida bastante morna na segunda etapa.

Diego armando o jogo, cercado por botafoguenses
(foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Aos 30 minutos, a única chance clara de gol do Botafogo: escanteio cobrado direto na cabeça de Marcelo, mas Diego Alves faz grande defesa. A arbitragem até então apitando de forma duvidosa, expulsa Vinicius Júnior aos 36 minutos da segunda etapa, após entrada violenta em Igor Rabello. A torcida alvinegra xingou o jogador, que ao responder com gestos, teve objetos arremessados contra ele, o que rendeu uma pequena confusão na arquibancada.

Voltando às quatro linhas, o Botafogo pressiona bastante nos minutos finais da partida. Pressionou bastante o adversário, que se segurava de todas as formas. Apesar disso, o Alvinegro não marca e a partida termina em 1 a 0 para o Flamengo.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações