sábado, 17 de fevereiro de 2018

No confronto paulistano pela A-2, Nacional e Portuguesa ficam no 0 a 0

Nacional e Lusa fizeram um jogo de poucas emoções (Foto: Ale Vianna / Nacional AC)

Um jogo de duas equipes tradicionais que deixaram a desejar dentro de campo. Nacional e Portuguesa de Desportos se enfrentaram na tarde deste sábado, dia 17, fazendo o confronto paulistano no Estádio Nicolau Alayon em São Paulo, pela oitava rodada do Campeonato Paulista da Série A-2 de 2018. Apesar das expectativas, o placar não foi movimentado e o embate terminou com o placar de 0 a 0.

Era um jogo que criou expectativa. Por ser dois times históricos do futebol da capital de São Paulo, muitos esperavam este embate. Porém, tanto Naça como Lusa estavam claudicantes na competição. O Nacional até vinha de vitória, fora de casa, contra o Oeste, o que fez a equipe subir para a nona colocação na classificação, com 10 pontos. Já a Portuguesa, com um jogo a menos, fez até aqui cinco pontos, ocupando a 13ª colocação entre os 20 times do torneio. Em seu último jogo, a equipe Rubro Verde havia empatado com o Votuporanguense em 2 a 2.

O jogo começou com o Nacional pressionando. Aos 8 minutos, a defesa da Lusa bateu cabeça e Emerson Mi quase abriu o marcador, mas João Lopes fez a defesa. Depois, ainda no primeiro tempo, as poucas chances fora da Portuguesa. A melhor delas foi aos 28', com Bruno Duarte, após Fernandinho aproveitar passe errado na intermediária do Naça e servir o atacante. Porém, o goleiro Maurício trabalhou bem.

Apesar da expectativa, o público foi de um pouco mais de mil pessoas
(foto: divulgação Portuguesa)

Na segunda etapa, o cenário não mudou muito. O jogo continuou sem empolgar os presentes no Nicolau Alayon. O que mudou foi o Nacional tendo mais chances. Aos 13', Emerson Mi perdeu aquela que foi a melhor chance do jogo: na cara do goleiro João Lopes, na pequena área, o atleta do Naça conseguiu mandar a bola por cima do travessão.

Aos 34', em contra-ataque depois de escanteio em favor da Lusa, Bruno Xavier carregou a bola desde a intermediária, avançou e da entrada da área arriscou chute cruzado, desperdiçando boa oportunidade para o time da casa. A última chance do jogo foi da Portuguesa, já nos acréscimos, com Fernandinho, que bateu forte, rasteio, no bico da grande área, mas Maurício defendeu e garantiu o 0 a 0 no marcador.

Com o empate, o Nacional foi a 11 pontos e volta a campo no próximo sábado, dia 24, quando enfrenta o Batatais, às 19 horas, no Estádio Osvaldo Scatena. Já a Portuguesa, agora com 5 pontos, joga antes, mais precisamente na quarta-feira, dia 21, quando faz o seu jogo atrasado contra o Audax, às 20 horas, no Canindé.

Ao final, o 0 a 0 traduziu o que foi a partida
(foto: Ale Vianna / Nacional AC)

Ficha Técnica
NACIONAL 0 X 0 PORTUGUESA

Data: 17 de fevereiro de 2017
Local: Estádio Nicolau Alayon - São Paulo-SP
Público: 1.060 pagantes
Renda: R$ 13.970,00
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Assistentes: Eduardo Vequi Marciano e William Trufelli Malaquias

Cartões Amarelos
Nacional: Thiago, Rodrigo Souza
Portuguesa: Gian, Cesinha, Reinaldo

Nacional: Maurício; Douglas Dias, Jeferson, Everton Dias e Caio Mendes; Ferdinando (Vitor Braga), Thiago Santos, Rodrigo Souza e Emerson Mi; Naldinho (Bruno Nunes) e Bruno Xavier - Técnico: Tuca Guimarães

Portuguesa: João Lopes; Carlinhos, Gabriel, Marcos Vinícius e Franklin; Jonatas Paulista, Felipe Manoel (Reinaldo), Luizinho (Alanderson) e Gian (Cesinha); Bruno Duarte e Fernandinho - Técnico: Gerson Sodré
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações