domingo, 21 de janeiro de 2018

Portuguesa Santista e Mogi Mirim ficam no 2 a 2 em Itapira

Por Victor de Andrade, direto de Itapira
Fotos: Douglas Teixeira / Agência Briosa

O jogo foi equilibrado e as duas equipes tiveram chances de vencer o embate

A Portuguesa Santista bem que lutou, mas não conseguiu vencer seu primeiro jogo no Campeonato Paulista da Série A-3. Pela segunda rodada da competição, a Briosa chegou a ficar na frente no marcador em duas oportunidades, mas apenas empatou com o Mogi Mirim, em 2 a 2, em partida realizada na manhã deste domingo, dia 21, no Estádio Coronel Francisco Vieira, em Itapira (o estádio em Mogi Mirim não estava liberado para o embate).

As duas equipes foram ao gramado em busca da primeira vitória na competição. Na primeira rodada, Sapo foi derrotado pelo Noroeste, fora de casa, por 2 a 1. Já a Portuguesa Santista, que jogou no Canindé cumprindo perda de mando da A-3 do ano passado, empatou em 0 a 0 com o Rio Preto.

Primeiro lance de perigo foi aos 6 minutos com a Briosa. Anderson Magrão foi lançado sozinho pela direita. Ele invadiu a área e cruzou, mas Marcelo Bonan defendeu com facilidade. Em seguida, o Mogi respondeu com Alisson, mas o goleiro Cleyton saiu bem e fez a defesa parcial. No rebote, Robinho chegou a acertar o arqueiro Rubro Verde e houve até um início de tumulto e os dois envolvidos levaram cartão amarelo.

Com um pouco mais de posse de bola, a Briosa abriu o marcador aos 22 minutos. Rafael Ferro tabelou com Tufa, invadiu a área cruzou a meia altura. O goleiro Marcelo Bonan espalmou e a bola sobrou novamente para Rafael Ferro, que tocou por baixo do arqueiro do Mogi Mirim: Briosa 1 a 0. Em seguida, quase o Mogi Mirim empatou com Alisson, mas Cleyton fez boa defesa.

Com mais posse de bola após sofrer o gol, o Sapo chegou ao empate depois de tanto insistir. Aos 41 minutos, Diogo foi lançado, dominou a bola dentro da área e acertou um belo chute, sem chances para o goleiro Cleyton: 1 a 1 no placar em Itapira. O Mogi Mirim ainda teve mais um chance com Pedro, antes do fim da primeira etapa, mas ele chegou atrasado na bola. Assim, a partida foi para o intervalo empatada.

Comemoração no gol de Rafael Ferro, o primeiro da partida

O segundo tempo começou equilibrado, com o Sapo tentando atacar mais. Porém, aos 9 minutos, em bola alçada na área do Mogi Mirim, Alexandre Magrão foi derrubado na área por Fabrício: pênalti! Léo Gonçalves foi para a cobrança e não desperdiçou: Briosa 2 a 1. Aos 13', Thiago Moura quase amplia de cabeça, mas Marcelo Bonan, mesmo escorregando, fez a defesa.

Quando a Briosa parecia chegar ao terceiro, aos 16', Fabrício foi até a linha de fundo e cruzou. Rafael Ferro derrubou Robinho: pênalti para o Mogi Mirim! O próprio Robinho foi para a cobrança e foi bola de um lado e goleiro do outro: 2 a 2 no placar do Estádio Coronel Francisco Vieira.

O jogo, aos poucos, foi tendo o ritmo diminuído, devido ao cansaço de ambas as equipes, mesmo com o tempo ameno que estava em Itapira durante o jogo. Aos 40', Carlos Alberto teve a chance de dar a vitória para a Portuguesa Santista, mas o zagueiro Tawan salvou o Mogi Mirim de sofrer a derrota no fim. Com isto, a partida terminou com o 2 a 2 no marcador.

Com o resultado, a Portuguesa Santista foi a dois pontos e volta à campo na próxima quarta-feira, dia 24, às 20 horas, quando enfrenta o Rio Branco de Americana no Estádio Ulrico Mursa, em Santos. Já o Mogi Mirim, com dois pontos, joga novamente em Itapira, desta vez contra Capivariano, no mesmo dia e horário do jogo da Briosa.

Tufa tenta passar pela marcação de Diogo

Ficha Técnica
MOGI MIRIM 2 X 2 PORTUGUESA SANTISTA

Data: 21 de janeiro de 2018
Local: Estádio Coronel Francisco Vieira - Itapira-SP
Público: 110 pagantes
Renda: R$ 1.100,00
Árbitro: Ricardo Bittencourt da Silva
Assistentes: Leonardo Augusto Villa e Vladimir Nunes da Silva

Cartões Amarelos
Mogi Mirim: Robinho, Fabrício, Valmir e Éder
Portuguesa Santista: Cleyton, Emerson Guioto, Tufa, Léo Gonçalves e Rafael Ferro

Gols
Portuguesa Santista: Rafael Ferro, aos 22' do primeiro tempo. Léo Gonçalves (pênalti), aos 9' do  segundo tempo
Mogi Mirim: Diogo, aos 41' do primeiro tempo. Robinho (pênalti), aos 16' do segundo tempo.

Mogi Mirim: Marcelo Bonan; Samuel (Fabrício), Éder, Tawan e Valmir (Giovani); Anderson, Diogo (Patrick), Pedro e Ronaldo; Robinho e Alisson - Técnico: Álvaro Gaia

Portuguesa Santista: Cleyton; Rafael Ferro, Dema, Matheus Moura e Rômulo; Diogo Lopes, Tufa, Emerson Guioto (Carlos Alberto) e Léo Gonçalves (Diego Palhinha); Anderson Magrão e Wendell (Renan Morales) - Técnico: Sérgio Guedes
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações