domingo, 10 de dezembro de 2017

Ipatinga campeão mineiro de 2005

Por Lucas Paes

O Ipatinga surpreendeu o Cruzeiro, em pleno Mineirão, e conquistou o título

No começo da década de 2000, no interior de Minas Gerais, um time alviverde fez alguns estragos a nível estadual e até nacional: o Ipatinga. O Tigre, que já havia sido vice em 2002, foi dono de uma baita façanha em 2005: ganhou o Campeonato Mineiro em cima do Cruzeiro em pleno Mineirão na grande final.

O Ipatinga vinha de um título da Copa Minas Gerais de 2004 e chegou ao estadual contando com muitos jogadores que vinham de empréstimo do Cruzeiro. Tal fato gerou inclusive o apelido de filial. Mas o time de Ney Franco, que também era ligado ao time azul, foi mostrando força no campeonato e ficou atrás apenas do Cruzeiro na primeira fase, perdendo apenas um dos onze jogos, justamente para a Raposa.

A equipe que começou jogando a final

Entre os destaques do Ipatinga, apareciam jogadores como Léo Medeiros, Kanu e Paulinho. Depois da espetacular campanha na primeira fase, o Tigre pegou a URT nas semifinais. Depois de uma goleada por 4 a 0 na primeira partida, o empate na volta garantiu a vaga na final. Do outro lado da chave, o Cruzeiro levou a melhor no confronto contra o rival Atlético.

A decisão entre ipatinguenses e cruzeirenses teve o primeiro jogo disputado em Ipatinga e o empate de 1 a 1 parecia deixar o Cruzeiro confortável para o segundo jogo. Assim, no dia 17 de Abril de 2005, mais de 50 mil pessoas esperaram por uma festa pelo tri cruzeirense no Mineirão. 

Só que esses não eram os planos dos comandados de Ney Franco e a filial destruiu a matriz. Os gols de Léo Medeiros aos 5 e Willian aos 15 minutos do primeiro tempo deram ótima vantagem ao Ipatinga, que seguia criando chances e jogava bem noz Mineirão.

Gols da partida que deu o título ao Ipatinga

Sem jogar bem e apelando para as faltas para parar o Tigre, a Raposa ficou com um a menos no segundo tempo, depois da expulsão de Ruy. Apesar disso, o artilheiro daquele campeonato, Fred, fez aos 34' do segundo tempo um gol que dava esperança aos celestes. Mas a pressão final não deu em nada e o Ipatinga confirmou o inédito título e calou o Mineirão. 

Naquele ano, o Tigre ainda ficou a um triz do acesso na série C, ficando com o terceiro lugar. A subida para a B viria no ano seguinte, quando de quebra os ipatinguenses chegaram a outra final, onde acabaram com o vice, perdendo na revanche contra o Cruzeiro.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações