domingo, 3 de setembro de 2017

Mortal, União Mogi vence São José fora e avança à semi da Bezinha

Por Guilherme Borges

Jogadores do União comemoram a classificação (foto: Rubens Lacerda)

O União Mogi está na semifinal do campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2017. Na manhã deste domingo, (3), jogando no Martins Pereira em São José dos campos, o time de Mogi das Cruzes fez 2 a 0 e segue na busca pelo acesso à série A-3 de 2018. Os gols dos mogianos saíram depois dos 30 minutos da etapa complementar. Ninão de pênalti e Álvaro em cobrança de falta, anotaram os tentos unionistas.

A bola mal rolou no Martins Pereira e o União quase fez o primeiro. Aos dois minutos, Eto'o cruzou para a área Ninão desviou levando perigo ao gol de Robert. Na sequência, Ruero do São José, fez boa e finalizou na saída de Vitor, mas o goleiro unionista parou o ataque joseense. Os donos da casa precisavam do resultado e seguiam pressionando o adversário. Os mogianos não se intimidavam e também contra-atacavam, principalmente com jogadas pelos lados do campo. Aos nove, Ruero tabelou com Sydney, passou pela defesa, mas o chute saiu pela linha de fundo. 

Aos 16 minutos, os torcedores da águia até gritaram o gol. Victor Feijão deu um lindo chapéu no marcador e deixou Ruero, cara a cara com o goleiro Vitor. O atacante driblou o arqueiro e mandou para o fundo das redes, mas a arbitragem assinalou o impedimento. O lance deu ânimo para o São José, que começou um bombardeio ao gol de Vitor. Em um dos poucos lances de perigo, o União quase fez, aos 42, Rodrigo e Ninão entram tabelando na defesa, e Ninão chutou com muito perigo da entrada da área obrigando Robert a fazer um milagre para salvar os joseenses. Fim de primeiro tempo: 0 a 0.

O São José tentou impor o ritmo da partida
(foto: Vitor Geron / Globoesporte.com)

Na volta dos vestiários, o União assim como no primeiro tempo, foi primeiro a chegar com perigo. Com pouco mais de um minuto, a defesa do São José saiu jogando errado e Ninão ficou frente a frente com o goleiro, mas o zagueiro Murilo conseguiu se recuperar. Os mogianos voltaram melhores. O lateral Rodrigo cobrou falta em direção ao gol de Robert, e quase Álvaro consegue desviar. Na sobra, Ninão tentou a finalização, mas a zaga joseense afastou para longe. Aos quatro, os jogadores do alvirrubro reclamaram de um pênalti não marcado. Ninão dividiu com Gustavo na área, mas a arbitragem assinalou apenas o tiro de meta. Na primeira chance do São José no segundo tempo, quase o gol! Brenner cruzou na segunda trave, e Ruero apareceu com muito perigo, quase marcando de cabeça. Goleiro Vitor salvou em cima da linha.

Os donos da casa foram crescendo na partida. Victor Feijão invadiu a área, chutou, mas Vitor faz grande defesa. No rebote, Ruero tentou encobrir goleiro mogiano, mas a bola passou por cima da meta alvirrubra. O jogo ficou bem movimentado, as duas equipes se lançavam ao ataque, porém, esbarravam no último detalhe. Somente aos 29 minutos as coisas mudaram. No ataque, a bola sobrou para o zagueiro Anderson do União, o defensor chutou, mas a bola parou nos braços de Murilo, e o árbitro assinala a penalidade máxima a favor do time de Mogi das Cruzes. Ninão foi para a cobrança, e com muita categoria, colocou bola no canto direito e goleiro para o canto esquerdo: 1 a 0 União.

O gol abalou de vez com a estrutura do time do Vale do Paraíba. Os espaços começaram a aparecer e o União ficava perto do segundo, mas Robert com boas defesas garantia os últimos suspiros dos joseenses em campo. No entanto, o União cravou a classificação aos 48 minutos do segundo tempo. Em cobrança de falta, o atacante Álvaro cobra por fora da barreira, sem chances para o goleiro Robert, que só observa a bola morrer no fundo das redes: 2 a 0 União e vaga nas semifinais.

Comemoração de um dos gols da partida
(foto: Vitor Geron / Globoesporte.com)

Ficha Técnica
SÃO JOSÉ 0 X 2 UNIÃO MOGI

Data: 3 de setembro de 2017
Local: Estádio Martins Pereira - Mogi das Cruzes-SP
Árbitro: Ilbert Estevam da Silva
Assistentes: Miguel Ribeiro da Costa e Marco Antonio de Andrade

Cartões Amarelos
São José: Ian, Sidney, Paulo Graça, Murilo, Gustavo

Gols
União Mogi: Ninão 30' 2T, Álvaro 48' 2T

São José: Robert; Gustavo, Murilo, Ian e Paulinho Graça (Zé Marcelo); Bruno (Thiago Seiji), Anderson Brito, Sydney (Michel) e Victor Feijão; Ruero e Brenner - Técnico: Oliveira

União Mogi: Vitor; David, Anderson, Wesley e Emerson; Vam Baster, Luiz Carlos, Rodrigo e Eto’o; Ninã e Alvaro - Técnico: Claudio Matosinho
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações