sábado, 22 de julho de 2017

Sole Jaimes - A artilheira argentina das Sereias

Por Victor de Andrade

Sole Jaimes foi uma das grandes figuras do Santos campeão brasileiro
(foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo / SFC)

Final do Brasileirão Feminino 2017, jogo difícil e truncado. De repente, as Sereias da Vila armavam um ataque e lá estava a centroavante argentina Sole Jaimes para marcar e deixar o Santos FC clube na frente do marcador. Esta descrição aconteceu em várias partidas do Alvinegro Praiano na competição e não foi à toa que a jogadora foi a artilheira do certame.

Florencia Soledad Jaimes, ou simplesmente Sole Jaimes, nasceu em uma cidade do interior da província de Buenos Aires, 20 de janeiro de 1989. Jogava futebol, normalmente com meninos, desde pequena até que foi para a capital da Argentina tentar a sorte. Primeiro teve um teste negado no River Plate e acabou sendo aproveitada no rival Boca Juniors e logo foi chamada para a seleção sub-20 de seu país.

Por causa da concorrência no ataque, ela chegou a ser emprestada ao... River Plate, onde fez grandes apresentações e voltou ao Boca Juniors para enfim assumir a camisa 10 do clube. Em uma Libertadores Feminina, chamou a atenção e acabou vindo para o Brasil em 2014, quando defendeu o Foz Cataratas.



No ano seguinte, partiu para o São Paulo, onde foi vice-campeã Paulista. Porém, antes do início do Brasileiro daquele ano, o Tricolor acabou com o seu departamento de futebol feminino e ela, com cinco propostas, aceitou defender o Santos. Aos pouco foi ganhando o seu espaço, mas no início da temporada de 2016, uma contusão a afastou de alguns jogos e as Sereias foram eliminadas na primeira fase do Campeonato Brasileiro daquele ano.

Apesar de todos saberem de seu potencial, a centroavante argentina passou a despontar, e muito, no Campeonato Paulista ainda de 2016. Seus gols foram importantes na competição, o Santos ficou com o vice-campeonato e Sole Jaimes foi a artilheira do certame, com 16 gols.

O Santos se reforçou para a temporada de 2017 e ficou com uma equipe muito forte. Porém, desde o início do Brasileirão, Sole Jaimes vinha mostrando ser uma das principais atletas. Na estreia, contra o Foz Cataratas, ela abriu o marcador na vitória por 3 a 0. E os gols foram saindo: Ponte Preta, Flamengo (duas vezes), Vitória e São José (mais dois) foram as vítimas no primeiro turno.

Em sua passagem pelo São Paulo
(foto: Lira)

Na segunda parte da fase inicial, a centroavante argentina continuou balançando as redes: São José (duas vezes), Vitória (mais dois), Flamengo e Ponte Preta sofreram gols de Sole Jaimes. Com os tentos dela, as Sereias da Vila foram as líderes do Grupo 2.

No mata-mata, ela apareceu novamente. No primeiro jogo contra o Audax, fora de casa, ela deixou o dela. Mais importante foi no jogo de volta contra o Iranduba: Sole Jaimes marcou dois na vitória do Santos por 3 a 2. O resultado garantiu o time na final.

Na decisão, contra o Corinthians, mais uma vez a estrela da argentina apareceu. Na primeira partida, ela abriu o marcador na vitória por 2 a 0. E no dia 20 de julho, marcou o único gol do jogo, dando o título de campeão brasileiro ao Santos FC, o único que faltava no futebol feminino do clube. Por tudo isso, ela merece 
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações